fbpx
  • +55 13 99615 8477
  • vendas@euamopg.com

Arquivo da tag PG

Confira a agenda esportiva do fim de semana

Destaques para jogos de bocha e futebol
27/7/2018

A programação esportiva de Praia Grande neste fim de semana (28 e 29) destaca no sábado, na Quadra do Ocian Praia Clube, confronto final do Campeonato Metropolitano de Bocha. No domingo, chamam a atenção, nos Campos da Cidade, confrontos válidos pela sétima rodada do Campeonato Praia-Grandense de Futebol Masculino das 1ª e 2ª divisões. Entram em ação ainda, atletas da equipe municipal de surfe, vela e vôlei. 

Os times locais são frutos de parceria entre as Secretarias de Esportes e Lazer (SEEL) e Educação (Seduc) e contam com apoio das Ligas Municipais sediadas na Fábrica do Esporte Mestre Yoshihide Shinzato (Bairro Boqueirão). A entrada é gratuita nos eventos realizados na Cidade.

Confira na íntegra a programação local:

Sábado (28)
2ª etapa do etapa do 31º Circuito Hang Loose Surf Attack
8h30 – na praia de Maresias, em São Sebastião

Final do Campeonato Metropolitano de Bocha-rafa Masculina
Quadra do Ocian Praia Clube (Rua Comendador Oto Carlos Golanda, 80, Bairro Ocian), em Praia Grande
9 horas – Botafogo Atlético Clube x Clube Atlético Santa Cecília

45ª Semana Internacional de Vela Oceânica de Ilhabela
10 horas – em Ilhabela, São Paulo

10ª rodada do Campeonato Estadual de Vôlei Masculino sub-17 e sub-19
Ginásio Taquaral, em Campinas
17 horas – Praia Grande x Vôlei Renata/Campinas 

Domingo (29)
2ª etapa do etapa do 31º Circuito Hang Loose Surf Attack
8h30 – na praia de Maresias, em São Sebastião

8ª rodada do Campeonato Municipal de Futebol Masculino Adulto 1ª e 2ª Divisões 
Campo do Solemar (Rua Adriano dos Santos, s/nº, Bairro Cidade da Criança)
11 horas – 1ª divisão – Vila Mirim x Estrela do Norte
13 horas – 1ª divisão – Atlântico x Amigos da Vila Sônia

Campo do Cristal (Avenida das Castanheiras, 266, Bairro Samambaia)
11 horas – 2ª divisão – Cristal Etanol x Caieiras
13 horas – 2ª divisão – Atlético Melvi x Vila Sônia

Campo do Real Esporte Clube (Rua Antônio Luís Permaia, s/nº – Bairro Jardim Real)
11 horas – 1ª divisão – Real x SESC
13 horas – 2ª divisão – Nós Por Nós x Parquestão

Campo do Botafogo (Rua dos Trabalhadores, s/nº, Bairro Antártica)
11 horas – 2ª divisão – Botafogo x Unidos
13 horas – 2ª divisão – Vasquinho x Palmeirinhas
15 horas – 2ª divisão – Malaga x Oriental

Campo anexo ao Ginásio Magic Paula (esquina da Avenida dos Trabalhadores com a Rua Leila Maria de Barros Monteiro, s/nº, Bairro Antártica)
11 horas – 1ª divisão – Parma x Liberdade
13 horas – 2ª divisão – Treze de Maio x Jardim Quietude
15 horas – 2ª divisão – Bahia Litoral x Fúria

Campo do Melvi (Rua Milton de Oliveira, s/n, Bairro Melvi – atrás da caixa d’água da Sabesp)
11 horas – 1ª divisão – Folha Verde x Poty
13 horas – 1ª divisão – Galo de Ouro x Águia de Ouro
15 horas – 2ª divisão – Cruz de Malta x Veneno 

Campo do Palmeirinhas Esporte Clube (Rua João Batista Siqueira, 11.380, Bairro Antártica)
11 horas – 1ª divisão – América x Metropolitano
13 horas – 1ª divisão – Três Cores x Ajax Melvi
15 horas – 2ª divisão – Corinthians Vila São Jorge x Brasa.

Judoca de Praia Grande disputa o Troféu Brasil

Tawany Gianelo representa a Cidade
27/7/2018

A judoca Tawany Gianelo da Silva (Shopping Litoral Plaza), na categoria sênior, no peso meio-leve (48 a 52 quilos), é a representante da equipe de Praia Grande (Secretarias de Esporte e Lazer – SEEL e Educação – Seduc) na disputa do 17º Troféu Brasil de Judô Interclubes, evento regido pela Confederação Brasileira (CBJ). A competição ocorre nos dias 16 e 17 de agosto, na cidade de Canoas, no Rio Grande do Sul. A competição vale pontos para o ranking nacional visando a formação da seleção verde e amarela de 2019.

Nesta temporada, Tawany sagrou campeã da Copa São Paulo, vice-campeã paulista e foi sexta colocada nos 62º Jogos Regionais do Estado de São Paulo (competindo no peso leve – 52 a 57 kg). Em 2017, ganhou a prata no Campeonato Paulista, o bronze na Copa São Paulo e nos Jogos Regionais, assegurou a quinta colocação no Brasileirão Sênior e no Brasileiro Regional.

Após três anos (2014 a 2016) competindo pelo Esporte Clube Pinheiros, Tawany voltou em 2017 a integrar a seleção de Praia Grande. Ela faz parte de um seleto grupo de judocas que conquistaram todos os títulos possíveis na categoria de base (até 18 anos): campeã regional, paulista, dos Jogos da Juventude, Regionais e Abertos do Interior; sul-brasileira, brasileira, sul-americana, pan-americana, de etapas do circuito europeu, mundial sub-17; e ainda, paulista, brasileira e sul-americana escolar.

O grupo municipal treina de segundas as sextas-feiras, após as 17 horas, no Centro de Excelência Professor João Carlos Ribeiro Manso Júnior (esquina das Ruas Arari e Carimbó – espaço anexo ao Ginásio Rodrigão – BairroTupi), com os professores Alberto Bittencourt Silva, Danusa Shira Bittencourt e Rodrigo de Matos.

Retrospecto – No Troféu Brasil Interclubes de Judô de 2017, quatro atletas de Praia Grande participaram, mas não subiram no pódio: Roberto Carlos dos Santos Júnior no peso meio-leve (60 a 66 quilos), Tawany Gianelo da Silva no meio-leve (48 a 52 kg), Gilmara Cristina Prudêncio no leve (52 a 57 kg) e Agatha Martins Silva no pesado (mais de 78 kg).

Em 2016, Agatha Martins Silva ficou em sétimo lugar no peso pesado (mais de 78 quilos). Em 2015, Gilmara terminou em quinto lugar e Thamiris Anacleto Neris Cabral garantiu a sétima posição. Em 2014, Agatha no pesado ficou em quinto lugar. No leve, Gilmara foi derrotada na primeira luta. Em 2013, quatro atletas de Praia Grande competiram, mas não ganharam medalhas: Geovana Soares de Lima e Gilmara, peso leve, Jheniffer Stephany Ferreira Ernandes e Laura Maria Nunes Pimenta, superligeiro (até 44 kg). Em 2009, Renato Flor Florio, pesado (mais de 100 kg), perdeu na primeira luta.

Mourão fala sobre novos quiosques que não ficarão prontos neste verão

 

Handebol masculino joga fora de casa

Equipes da Cidade enfrentam times do Pinheiros
27/7/2018

As equipes masculinas de Praia Grande (Secretaria de Esporte e Lazer – SEEL) voltam a jogar no dia 14 de agosto, pela primeira fase do Campeonato Estadual de Handebol promovido pela Liga Paulistana (LPHB). Na oportunidade, a partir das 17h30, no Ginásio do Esporte Clube Pinheiros, em São Paulo, na Capital, as turmas municipais infantil (13 e 14 anos) e cadete (15 e 16) enfrentam os donos da casa.

Nos jogos realizados anteriormente, na infantil (13 e 14 anos), o selecionado de Praia Grande derrotou o grupo da Prefeitura de Mongaguá (duas vezes) por 26 a 6 e 19 a 12, Escola Estadual Professor Roberto Simonini/SP por 28 a 9 e Guarujá por 21 a 16, e foi superado pelo time paulistano do Esporte Clube Pinheiros por 30 a 13.

Na categoria masculina cadete (15 e 16 anos), a turma praia-grandense perdeu para a Escola Estadual Professor Roberto Simonini/SP por 27 a 25 e para o Esporte Clube Pinheiros por 34 a 16. Vale frisar que as equipes municipais são comandadas pelo professor Evandro Luiz Andrade com auxílio de Luciene Gonçalves, a Cuba.

Outras – O grupo de Praia Grande disputa outras duas categorias do evento estadual. Na adulta (idade livre), nas partidas realizadas, o selecionado municipal venceu o time da Prefeitura de Diadema, por 27 a 26, Prefeitura de Jacareí por 22 a 17 e da Prefeitura de Diadema por 26 a 24; perdeu para o de Mongaguá por 35 a 29, São Paulo FC por 37 a 30 e ASE/Santista por 30 a 25.

Na mirim (até 12 anos), a disputa ocorre em formato de Circuito. A cidade de Praia Grande já sediou duas fases deste. Na segunda, a turma municipal venceu a equipe da Prefeitura de Mongaguá por 3 a 0 e perdeu para a da Prefeitura de Jacareí por 2 a 1. Na primeira etapa, o time local venceu Mongaguá por 2 a 1 e empatou com Jacareí por 2 a 2.

Retrospecto – Em 2017, a turma juvenil de Praia Grande sagrou-se campeã da LPHB. Na decisão, os rapazes da Cidade venceram o time do Clube Paulista de Handebol/Sírio Libanês por 31 a 27. Na semifinal, ganharam de Santo André por 31 a 17. Na primeira fase da competição, derrotaram Mongaguá (duas vezes) por 31 a 17 e 26 a 18; Santo André (duas vezes) por 25 a 12 e 24 a 21; Francisco Morato por 23 a 17, e Clube Paulista de Handebol/Sírio Libanês por 30 a 25; empataram com o Clube Paulista por 20 a 20; e perderam para o Colégio Eduardo Gomes/São Caetano do Sul por 31 a 29. 

Na infantil, na decisão do terceiro lugar, o grupo da Cidade ganhou de Taubaté por 16 a 12. Na semifinal, havia perdido para o Esporte Clube Pinheiros. Na primeira fase, venceu por 18 a 13 São Vicente e por 25 a 18 Taubaté; perdeu por 31 a 14 para o Esporte Clube Pinheiros e por 10 a 4 para Taubaté. Na cadete , na decisão do bronze, a turma de Praia Grande superou a turma do CESC/Rio de Janeiro por 35 a 34. Na semifinal, perdeu para o Pinheiros. Na primeira fase, venceu Pindamonhangaba por 32 a 17, Taubaté por 29 a 21 e Santo André por 23 a 15 e 20 a 12; perdeu para o Esporte Clube Pinheiros por 29 a 25 e Taubaté por 27 a 24. 

Na adulta (idade livre), na decisão do terceiro lugar, a equipe praia-grandese passou por Franco da Rocha por 36 a 20. Na semifinal, perdeu para Diadema. Na primeira fase, ganhou de Diadema por 31 a 26; perdeu para Franco da Rocha por 24 a 23, São Vicente por 22 a 19, Diadema por 35 a 25 e Mongaguá (duas vezes) por 26 a 24 e 27 a 26. Em 2013, foi a primeira vez (e até então única) que as equipes masculinas de Praia Grande disputaram o Campeonato Estadual da Liga Paulistana de Handebol. Naquela oportunidade, a turma cadete (15 e 16 anos) de Praia Grande conquistou, de forma invicta, a medalha de ouro. Na decisão, o time municipal venceu, por 26 a 24, o grupo da Prefeitura de Jacareí. A garotada da infantil faturou o bronze.

Praia Grande tem polos de iniciação e treinamento esportivo

Atividades gratuitas de 22 modalidades estão disponíveis para os munícipes
27/7/2018

A Prefeitura de Praia Grande, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL), oferta gratuitamente aos munícipes polos para iniciação e treinamento competitivo em 22 modalidades esportivas: atletismo, basquete, caratê, futebol, ginástica artística e rítmica, handebol, hidroginástica, natação, surfe, taekwondo, tênis de mesa, vôlei, vôlei de praia, xadrez e ainda, atletismo e natação para pessoas com deficiência (PcD). 

As atividades de judô e esportes náuticos (canoagem, remo e vela) são frutos de parceria entre a SEEL e a Secretaria de Educação (Seduc) – que desenvolve o Programa SuperEscola, oportunizando iniciação esportiva para crianças e jovens estudantes dos 7 aos 14 anos (outras informações podem ser obtidas no telefone 3496-2362). 

Participação – Para participar de qualquer polo, basta o interessado deve comparecer ao local das aulas, com documento de identidade (de preferência com foto), autorização do responsável (se for menor de idade) e comprovante de escolaridade. Se possível, também apresentar atestado médico que permita a prática de atividade física. Há ainda, ficha cadastral a ser preenchida no local de treino.

Todas as aulas dos Polos ocorrem de segundas as sextas-feiras, em diversos bairros da Cidade e atendem meninos e meninas a partir dos 10 anos. Em caso de turmas cheias (quando não houver mais vagas momentâneas), os interessados irão integrar lista de espera comandada pelos próprios técnicos das modalidades.

Confira os polos oferecidos:

Atletismo
Local: Pista municipal (Rua José Bonifácio, 400, Bairro Sítio do Campo)
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 8 horas às 11h30 e das 14h30 às 21 horas
Professor: Flávio Barbosa da Cruz e Rodrigo Augusto da Silva Rosa

Atletismo PcD
Local: Pista municipal (Rua José Bonifácio, 400, Bairro Sítio do Campo)
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 8 às 17 horas
Professora: Daniela Eiko Itani

Basquete masculino
Local: Ginásio Magic Paula (Avenida do Trabalhador, 4111, Bairro Antártica)
Horário: 2ª, 4ª e 6ª feiras – das 16h30 às 20h30 / 3ª e 5ª feiras – das 16 às 21 horas 
Professor: Osvaldo José de Assis Pinheiro

Basquete feminino
Local: Ginásio Magic Paula (Avenida do Trabalhador, 4111, Bairro Antártica)
Horário: 2ª e 4ª feiras – das 18 às 21 horas / 3ª e 5ª feiras – das 16 às 21 / 6ª feiras – das 20 às 22 horas horas 
Professora: Alessandra Hourneaux de Mendonça da Costa Rodrigues.

Caratê
Local 1: Ginásio do Bairro Sítio do Campo (Rua Maria Luiza Lavalle, 180)
Horário: 2ª, 4ª e 6ª feiras – das 9 às 12 horas
Professor: Luis Fernando Antunes

Local 2: Pista municipal de Atletismo (Rua José Bonifácio, 400, Bairro Sítio do Campo)
Horário: 2ª, 4ª e 6ª feiras – das 14 às 17 horas
Professor: Luis Fernando Antunes

Local 3: Ginásio da SEEL (Avenida Ministro Marcos Freire, 33579, Bairro Tupiry – entrada pela Rua João Balbino Corrêa, s/nº)
Horário: 3ª e 5ª feiras – das 9 às 12 horas e das 14 às 17 horas
Professor: Luis Fernando Antunes

Local 4: Ginásio Rodrigão (Avenida Presidente Kennedy, 8169 , Bairro Mirim)
Horário: 2ª as 6ª feiras – após às 18 horas
Professor: Jorge Yoshimura

Local 5: Ginásio do Bairro Sítio do Campo (Rua Maria Luiza Lavalle, 180)
Horário: 2ª, 4ª e 6ª feiras – das 13 as 17 horas
Professor: Jorge Yoshimura

Local 6: Centro de Apoio à Família do Educando (CAFE) do Bairro Vila Sônia (Rua João Andrade de Jesus, s/nº)
Horário: 3ª e 5ª feiras – das 13 as 17 horas
Professor: Jorge Yoshimura

Esportes Náuticos (canoagem, remo e vela)
Local: Área de Lazer Ézio Dall’Acqua, o Portinho ( entrada da Cidade – Rua Paulo Sérgio Garcia s/nº, Bairro Sítio do Campo)
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas
Professor: Silvio Bello

Futebol
Local 1: Campo do Real Esporte Clube (Rua Antonio Luis Prates Maia, s/nº, Real)
Horário: 2ª, 4ª e 6ª feiras – das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas
Professor: André Luiz Silva de Oliveira e Fábio Luigi Meneghelo

Local 2: Campo do Atlético Clube Praia Grande (Avenida Irmãos Adorno, s/nº, Sítio do Campo)
Horário: 2ª, 4ª e 6ª feiras – das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas
Professor: Willian Ginghini da Silva e David Pedro dos Santos

Local 3: Campo anexo ao Ginásio Magic Paula (Avenida do Trabalhador, 4111, Bairro Antártica)
Horário: 2ª, 4ª e 6ª feiras – das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas/3ª e 5ª feiras – das 13 às 17 horas
Professor: Marcos Cesar Veríssimo Jardim

Local 4: Campo do Bairro Melvi (Esquina das ruas Heleni Rosa e Doutora Antônio Silvio Cunha Bueno)
Horário: 3ª e 5ª feiras – das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas
Professor: André Luiz Silva de Oliveira e Fábio Luigi Meneghelo

Local 5: Campo do Esporte Clube Galo de Ouro (Rua José Borges Neto, s/nº, Mirim)
Horário: 3ª e 5ª feiras – das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas
Professor: Marcos Cesar Verissimo Jardim, Willian Ginghini da Silva e David Pedro dos Santos

Ginástica Artística
Local: Ginásio do Bairro Boqueirão (Avenida Rio Branco, 572)
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 13 às 16 horas e das 17 às 22 horas
Professor: Leandro Salvador Heredia e Caio Américo Costa

Ginástica Rítmica
Local: Ginásio da SEEL (Avenida Ministro Marcos Freire, 33579, Bairro Tupiry – entrada pela Rua João Balbino Corrêa, s/nº)
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 8 às 11 horas e das 13 às 17 horas
Professora: Flávia Beatriz Ferro

Handebol feminino
Local: Ginásio do Bairro Sítio do Campo (Rua Maria Luiza Lavalle, 180)
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 17 às 21 horas
Professora: Sandra Regina Canova Barroso

Handebol masculino
Local: Ginásio Falcão (Avenida Presidente Kennedy, 8169, Bairro Mirim)
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 17 às 22 horas
Professor: Evandro Luiz Andrade

Hidroginástica
Local: piscina de 12 metros da SEEL (Avenida Ministro Marcos Freire, 33579, Bairro Tupiry – entrada pela Rua João Balbino Corrêa, s/nº)
Horário: 2ª as 5ª feiras – das 7 às 20 horas
Professor: Henrique França Rodrigues, Fabio Luiz Pereira de Carvalho e Gisele da Câmara Paiva Santos

Judô
Local: Centro de Excelência Professor João Carlos Ribeiro Manso Júnior (localizado na esquina das ruas Arari e Carimbó, Bairro Tupi – anexo ao Ginásio Rodrigão – Avenida Presidente Kennedy, 5593, Bairro Tupi )
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 17 às 22 horas
Professor: Rodrigo de Matos, Alberto Silva Bittencourt e Danusa Shira Bittencourt

Natação
Local: Piscina municipal de 25 metros (Rua Gilberto Fouad Beck, 110, Bairro Mirim)
Horário: 2ª, 4ª 6ª feiras – das 16 às 20 horas / 3ª e 5ª feiras – das 16 horas às 19h30
Professor: Régis dos Anjos Aguiar

Natação PcD
Local: Piscina municipal de 25 metros (Rua Gilberto Fouad Beck, 110, Bairro Mirim)
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 16 horas às 20h30
Professor: Silvia Schich Rodrigues

Surfe
Local 1: Praia do Bairro Guilhermina (Avenida Presidente Castelo Branco esquina com a Rua Leblon, em frente ao número 1.898).
Horário: 2ª, 4ª e 6ª feiras – das 9 às 12 horas e das 13 às 16 horas
Professor: Ewerton Luis da Costa, o Biko, e Marcus Souza Carvalho

Local 2: Praia do Bairro Ocian (em frente ao quiosque do SuperEscola, Avenida Castelo Branco, s/nº) 
Horário: 3ª e 5ª feiras – das 9 às 12 horas e das 13 horas às 16 horas
Professor: Ewerton Luis da Costa, o Biko, e Marcus Souza Carvalho

Taekwondo
Local 1: Ginásio da SEEL (Avenida Ministro Marcos Freire, 33579, Bairro Tupiry – entrada pela Rua João Balbino Corrêa, s/nº)
Horário: 2ª, 4ª e 6ª feiras – das 9 às 12 horas e das 14 às 17 horas 
Professor: Henrique Manaroulas 

Local 2: Ginásio do Bairro Sítio do Campo (Rua Maria Luiza Lavalle, 180)
Horário: 3ª e 5ª feiras – das 9 às 12 horas 
Professor: Henrique Manaroulas 

Local 3: Pista municipal de Atletismo (Rua José Bonifácio, 400, Bairro Sítio do Campo)
Horário: 3ª e 5ª feiras – das 14 às 17 horas 
Professor: Henrique Manaroulas 

Tênis de Mesa
Local: Ginásio da SEEL (Avenida Ministro Marcos Freire, 33579, Bairro Tupiry – entrada pela Rua João Balbino Corrêa, s/nº)
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 17 horas às 20h30 
Professor: Marcelo Basso Fernandes

Vôlei
Local: Ginásio Rodrigão (Av. Pres. Kennedy, 8169 – Mirim)
Horário: 2ª as 6ª feiras – das 17 às 21 horas 
Professor: Paula Rita Camerini 

Vôlei de praia
Local: Espaço Conviver do Bairro Boqueirão (Avenida Presidente Castelo Branco, s/nº – esquina com a Rua Pernambuco)
Horário: 3ª, 5ª e 6ª feiras – das 13h30 às 16 horas 
Professor: Cristina Pacheco Lopes

Local: Espaço Conviver do Bairro Tupi (Rua Xavantes, 51, esquina com a Avenida Presidente Castelo Branco)
Horário: 2ª e 4ª feiras – das 13h30 às 16 horas
Professor: Cristina Pacheco Lopes

Xadrez
Local 1: Ginásio Magic Paula (Avenida do Trabalhador, 4111, Bairro Antártica)
Horário: 2ª as 5ª feiras – das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas/ 6ª feiras – das 8 às 12 horas
Professor: Rosangela Domingos de Andrade Coelho

Local 2: Espaço Conviver Boqueirão (Avenida Presidente Castelo Branco, s/nº, esquina com a Rua Pernambuco, Bairro Boqueirão)
Horário: 6ª feiras – das 17 às 21 horas
Professor: Rosangela Domingos de Andrade Coelho.

3a Edição Neymar Jr`s Five – Instituto Neymar Jr.

Eu amo praia grande!!! 

Profissionais da Saúde participam de ciclo de palestras

O tema “Empodere-se Agora” foi discutido durante dois dias de evento
26/7/2018

Com o intuito de provocar uma reflexão sobre o modo natural de enfrentar situações do cotidiano, duas educadoras físicas realizaram palestras, no anfiteatro do Hospital Municipal Irmã Dulce. Ressaltando condutas que sugerem maior confiança no que se faz, o tema “Empodere-se Agora” é título de um livro, que reúne 41 histórias de superação. O evento foi voltado aos profissionais de saúde e de outros setores do Complexo Hospitalar.

Organizada pelo setor de Educação Continuada, sob coordenação da Gerência Geral de Enfermagem, a abordagem reúne experiências que podem ser aplicadas nas áreas profissional, familiar ou na administração de negócios.

Como professora de Educação Física, Suellen Moraes Galante relatou como aprendeu a superar conflitos já na infância. Criada pela avó e convivendo com vários problemas familiares, ela revelou ter conseguido suplantar seus traumas e ter extraído muitos ensinamentos. “Eu rejeitei as coisas que não faziam bem para mim como o cigarro, a bebida e outras influências negativas e meu refúgio foi a escola, onde aprendi a formar minha personalidade”, disse.

Falando sobre Empoderamento Infantil, Suellen defende técnicas que, se aplicadas em determinada fase, podem ser mais bem absorvidas. “Até os 12 anos, as crianças memorizam mais as informações que elas já viram ou vivenciaram do que as informações abstratas. Quando a criança chega da escola, o ideal é que os pais conversem com ela, fazendo perguntas como o que comeu, se fez algum amigo novo, qual o assunto que mais gostou naquele dia. São perguntas mais abertas e não as que podem ser respondidas apenas com um sim ou não. Propõe-se, inclusive, que ela ensine a matéria nova ao pai ou a mãe. Quando se faz isso, a criança retêm muito mais o que aprendeu na aula”, destaca.

Colega de profissão e de local de trabalho, Ianka Oliveira Nogueira ainda leciona Ioga, o que também a credencia a discorrer sobre um dos temas do livro: “Você é a cura da sua vida”. O poder da mente para curar enfermidades a para ver a vida sob outras perspectivas fazem parte do seu capítulo na publicação. “As pessoas estão sempre procurando em sua volta o que elas necessitam naquele momento, sem saber que quase sempre as respostas estão dentro delas mesmas, mas que muitas vezes não se dão conta disso”, salienta.

Segundo Ianka, a experiência pessoal, os princípios da Ioga e cursos que frequentou ajudaram na construção de seu caráter. Para ela, a aceitação e o amor próprio são alguns dos pontos de partida em busca de soluções para a maior parte dos problemas da sociedade.

Tanto Suellen quanto Ianka dizem aplicar estes conhecimentos em suas aulas diariamente, quando introduzem temas ou brincadeiras, que além do bem estar físico e mental, propiciam também, através da prática, maior conscientização sobre os valores sociais, morais e éticos do indivíduo.

Para a gerente Geral de Enfermagem, Renata Meroti, conteúdos como os apresentados propõem uma autoavaliação sobre como cada um enxerga sua própria vida. “No dia a dia, vamos levando a vida de forma muito automática. Uma reflexão observando todos os aspectos expostos pelas palestrantes caba por motivar para mudar a rotina e melhorar a vida de todos”, considera.

Além do Irmã Dulce, as professoras já se apresentaram para públicos em Santos e no Palácio das Artes, em Praia Grande.

Feirinha  de Artesanato Itinerante e Encontro de Motociclistas agitam final de semana

Eventos ocorrem na Área de Lazer Ézio Dall’Acqua, conhecida como Portinho
26/7/2018

A Área de Lazer Ézio Dall’Acqua, conhecida popularmente como Portinho, tem neste final de semana atrações gratuitas que prometem agitar o público. A Feira de Artesanato Itinerante acontece no sábado (28), das 13 às 18 horas, e domingo (29), das 9 às 18 horas. Ainda no domingo, ao som da banda de rock Pentakapta, o local recebe, a partir das 12 horas, o encontro com cerca de 4 mil motociclistas de todas as partes do País. Com destaque pelo trajeto pela Rodovia dos Imigrantes intitulada de “A Grande descida do Litoral” (confira abaixo as mudanças no estacionamento do Portinho).

O evento busca celebrar o Dia do Motociclista, comemorado em 27 de julho. O coordenador nacional do Movimento Motociclístico do Brasil e um dos organizadores do evento, Rogério Damazo de Oliveira, comenta a importância da ação. “É a igualdade entre os amantes de duas e três rodas (triciclo), mostrando a todos que, juntos, com um mesmo ideal, podemos fazer muito a quem precisa e a nós mesmos mostrando o verdadeiro sentido de irmandade e respeito”.

O grupo costuma auxiliar também no lado social, com a doação de alimentos e produtos. No ano passado, segundo Damazo, foram arrecadadas uma tonelada e meia de alimentos à APAE. Em 2018, a prioridade será fraldas geriátricas que serão destinadas ao Fundo Social de Solidariedade do Município. 

As ações ajudam a desmitificar o pré-conceito em relação aos motociclistas. “Não somos bandalheira, somos trabalhadores e pais de família. Apenas buscamos a liberdade em cima de uma moto e nos aventurando para conhecer lugares e conquistar amigos. O nosso modo de vestir com colete preto de couro é para proteger e as caveiras que ostentamos em nossos brasões, tatuagens e moto são para mostrar a igualdade”, diz o coordenador.

ALTERAÇÕES NO TRÂNSITO – Devido o grande fluxo de pessoas no domingo (29), uma reunião na quarta-feira (25) entre representantes das secretarias de Cultura e Turismo, Trânsito, Guarda Civil Municipal e Polícia Militar definiu que o estacionamento de veículos do Portinho será transferido para o espaço atrás da Capela Nossa Senhora da Guia, já que o local usual receberá as 4.000 motocicletas vindas para o evento “A grande descida do Litoral”. 

Um local de carga e descarga será criado também para os munícipes e turistas que quiserem descer próximo ao Portinho, facilitando o acesso ao evento e aos quiosques. 
O secretário de Cultura e Turismo, Esmeraldo Vicente dos Santos, o Dinho, explica que todos os equipamentos funcionarão normalmente. “O espaço não será prejudicado pelo evento, podendo qualquer munícipe ou turista aproveitar as belezas encontradas na área de lazer Ézio Dall’Acqua e divertir-se por lá”, afirma o secretário.

A Secretaria de Trânsito complementa que todas as normas do Código de Trânsito Brasileiro serão cumpridas durante o evento, sendo passíveis das punições cabíveis, caso haja o desrespeito delas.

FEIRA DE ARTESANATO ITINERANTE – Mais de 40 barracas entre artesanatos e alimentação ficarão fixadas no Portinho. Artigos para decoração, bolsas, carteiras, caixas organizadoras, brinquedos, tudo feito de forma artesanal serão alguns dos itens vendidos no local.

A Feira de Artesanato Itinerante visa dar oportunidade aos artesãos que não tem um ponto fixo na Cidade nos quatro outros espaços destinados a esses artigos (Guilhermina, Ocian, Caiçara e Solemar) e são realizadas em diversos bairros no Município. As duas últimas, por exemplo, ocorreram no Pavilhão de Eventos Jair Rodrigues e a Praça Carlos Gomes, no Solemar.

ENDEREÇO- A área de Lazer Ézio Dall’Acqua fica localizada na Rua Paulo Garcia, s/nº, no Bairro Sítio do Campo.

Times do Real e Galo de Ouro lideram o Municipal de futebol da 1ª Divisão

Competição reúne 19 agremiações
26/7/2018

Os selecionados do Real Esporte Clube, na chave A, e do Esporte Clube Galo de Ouro, na B, lideram o Campeonato Municipal de Futebol, série A (primeira divisão), categoria masculina adulta. Após sete rodadas realizadas, a turma do Real soma cinco vitórias, um empate, 15 gols feitos e seis sofridos. Já o grupo do Mirim acumula quatro triunfos, dois empates, uma derrota, 16 gols prós e 8 contras. A pontuação completa do torneio pode ser obtida no site da organizadora, a Liga de Futebol Amador de Praia Grande (LFAPG): www.lfapg.com.br. 

A competição que reúne os 19 melhores times da Cidade e mais de 350 jogadores conta com apoio da Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL). No último domingo (22), ocorreu a sétima rodada da competição. Confira os resultados: chave A, Vila Mirim 3 x 1 Metropolitano, Ilha do Caieiras 3 x 2 Solemar, Real 2 x 1 Estrela do Norte e SESC 1 x 0 América; na B, Poty 4 x 0 Ajax Melvi, Galo de Ouro 3 x 0 Liberdade, Amigos da Vila 2 x 2 Parma, Três Cores 1 x 1 Folha Verde e Águia de Ouro 0 x 0 Atlântico. Vale frisar que a LFAPG não divulgou os confrontos da próxima rodada.

Dados – Na primeira fase, as equipes jogam todas contra todas dentro de cada grupo (A e B), em turno único, qualificando-se as quatro primeiras posicionadas, de cada chave, para a fase quartas de final (oito melhores). A partir daí, os confrontos ocorrem em sistema de eliminatória simples (quem perde está eliminado), no qual duelam o 1º posicionado da chave A x 4ºB, 2ºA x 3ºB, 3ºA x 2ºB, 4ºA x 1ºB. As duas últimas colocadas de cada chave, serão rebaixadas para a série B (segunda divisão).

No grupo A, duelam as equipes do América Futebol Clube (Japuí/São Vicente), SESC Futebol Clube (Sítio do Campo), Ilha do Caieiras Futebol Clube (Caieiras), Real Esporte Clube (Real), Associação Vila Mirim Esporte Clube (Mirim), Caiçara Futebol Clube (Caiçara), Associação Atlética Solemar (Solemar), Estrela do Norte Futebol Clube (Caieiras) e Associação Recreativa Metropolitano (Ocian). 

No B, jogam os times do Atlântico Sociedade Esportiva e Atlética (Mirim), Esporte Clube Galo de Ouro (Mirim), Poty Futebol Clube (Tupi), Liberdade Futebol Clube (Canto do Forte), Esporte Clube Águia de Ouro (Aviação), Clube Atlético Três Cores (Mirim), Amigos da Vila Sônia Futebol Clube (Vila Sônia), Folha Verde Esporte Clube (Glória), Ajax Melvi Futebol Clube (Melvi) e Parma Futebol Clube (Ocian).

Retrospecto – Em 2017, a equipe do América Futebol Clube sagrou-se campeã. Na decisão, venceu por 1 a 0 do Metropolitano. Em 2016, a equipe do Amigos da Vila Futebol Clube venceu o Campeonato. Na decisão, o time do Vila Sônia derrotou, por 3 a 1, o selecionado do Folha Verde Esporte Clube (Glória). Na temporada 2014/2015, o Real Esporte Clube conquistou o título. Na final, a turma do Bairro do Jardim Real venceu nos pênaltis, por 4 a 2, o time do Atlântico. Em 2013, deu Galo de Ouro. Em 2012, a equipe do Palmeirinhas EC sagrou-se campeã. Em 2011, o selecionado do Galo de Ouro levantou a taça. 

Em 2010, após uma confusão no jogo final (os árbitros foram agredidos), a LFAPG dividiu o título com os times do Real e do Vasquinho Futebol Clube (Mirim). Em 2009 e 2008, o time do Atlético Clube Praia Grande venceu a série A-1. Em 2007, o primeiro lugar ficou com o Real. Em 2006, medalha de ouro para o grupo do Três Cores. Em 2005, vitória da rapaziada do Real.

Praia Grande disputa Estadual de Futsal

Equipes da Cidade competem em evento da Federação Paulista
26/7/2018

No dia 11 de agosto, a partir das 13 horas, no Ginásio Rodrigão (Avenida Presidente Kennedy, 5593, Tupi), as equipes masculinas sub-12, sub-14, sub-16 e sub-18 de Praia Grande (Secretaria de Esporte e Lazer – SEEL, Sucos Camp, Centro de Treinamento Falcão 12 e Liga Praia-grandense de Futsal – LPFS) enfrentam os times do Wimpro Guarulhos, na primeira rodada do Campeonato Estadual de Futsal, série A-1, evento regido pela Federação Paulista (FPFS). 

Na primeira fase, os times de Praia Grande compõe a chave D, na qual encaram os times do Wimpro Guarulhos, Barueri, Osasco, Juventus, Botucatu e São João. Na A, duelam as equipes do Palmeiras, Santos Futebol Clube, Taboão da Serra, Clube Internacional/Santos, Lausanne Paulista, Elite Itaquarense e Caieiras. Na B, jogam os selecionados São Caetano do Sul, São Bernardo, Portuguesa, CE Penha, Pulo do Gato/Campinas, Mogi das Cruzes e São José dos Campos. Na C, competem as turmas do Corinthians, Magnus Sorocaba, São Paulo, AABB/SP, Indaiatuba, Tabuca Juniors/Taboão da Serra e Santo André.

Segundo o regulamento, 28 agremiações, divididas em quatro chaves, participam da competição. Na primeira fase, os times jogam todos contra todos, dentro de cada chave, em turno único. Para a segunda fase, qualificam-se os 24 melhores estabelecidos por um ranking de eficiência por meio de índice técnico (somatória da pontuação obtida nas três categorias, divididos pelos números de jogos realizados pelas equipes, multiplicados por 10). A partir daí, são criadas três divisões: ouro (reúne os times que ficaram entre os oito primeiros colocados no ranking), prata (9º ao 16º) e bronze (17º ao 24º).

Retrospecto – No Campeonato Estadual de Futsal da série A-1 de 2017, a equipe masculina sub-14 de Praia Grande ficou com a inédita medalha de prata. Na final, perdeu por 2 a 1 para a turma da Elite Itaquerense. O grupo municipal sub-12 caiu na fase quartas de final da série prata ao perder para o Sport Club Corinthians Paulista por 3 a 1. Já as equipes sub-16 e sub-18 de Praia Grande despediram-se do Campeonato Estadual de Futsal ainda na primeira fase. 

Em 2016, competindo pela primeira vez na A-1, os times sub-10 e sub-16 da Cidade chegaram até a fase oitavas de final (16 melhores). Já as turmas sub-12, sub-14 e sub-17 foram desclassificadas na fase de grupos. Em 2015, na série A-2, os selecionados masculinos sub-10 e sub-16 de Praia Grande conquistaram, pela primeira vez, medalhas de ouro no Campeonato Estadual de Futsal. A turma local sub-14 ficou com a prata. A sub-12 parou nas quartas de final e a sub-17 nas oitavas de final.

Em 2014, na A-2, o time sub-10 de Praia Grande garantiu a prata. O time sub-14 da Cidade terminou em quarto lugar. Em 2013, as equipes sub-9 e sub-13 de Praia Grande chegaram as quartas de final. Em 2012, os times locais sub-9, sub-11, sub-13 e sub-17 ficaram entre as oito melhores. Em 2011, a sub-15 terminou em quarto lugar. Em 2010, a turma sub-17 conquistou o inédito título estadual. A equipe sub-15 ficou com o bronze. Em 2009, o sub-11 sagrou-se campeão do certame. Já a turma sub-15 acabou em quarto lugar.

Vôlei masculino joga sábado no Paulistão

Equipes sub-17 e sub-19 da Cidade competem no evento estadual
26/7/2018

Neste sábado (28), a partir das 17 horas, no Ginásio Taquaral, em Campinas, os selecionados masculinos sub-17 e sub-19 de Praia Grande (Secretaria de Esporte e Lazer – SEEL) jogam contra as turmas do Vôlei Renata, em confrontos válidos pela primeira fase do Campeonato Estadual de Vôlei. O evento é regido pela Federação Paulista da modalidade (FPV) e conta com chancela da Confederação Brasileira (CBV). 

Nas partidas já realizadas da sub-19, o grupo local venceu o São José Vôlei por 3 sets a 0, perdeu por 3 a 1 para Suzano, Vôlei Renata/Campinas, Mauá Voleibol, Ibirapuera, Associação Desportiva Centro Olímpico e São Bernardo do Campo Vôlei; por 3 a 0 para SESI/SP e São Caetano do Sul. Assim, o grupo local ocupa a 10ª e última colocação na classificação parcial.

Competem por Praia Grande os jogadores Henrique Willian Testi, Johnattan Ferreira, Rafael Gaudêncio, Guilherme Bonfim, Jane Almeida, Bruno Casagrande, Henrique Silveira, Marco Kiyomoto, Pedro Padovan, João Ortega, Thiago Silva, Wellington Gonçalves, João Pedro Zandomenighi, Luan Trindade, Arthur Piva, Gustavo Muniz, Wallace Pena, Gabriel Rosa e Igor Vereda. Técnico: Alex Luís Hiath Salvado. Auxiliar: Daniel Battistini. 

Sub-17 – Nas partidas já realizadas, a equipe sub-17 de Praia Grande perdeu por 3 sets a 1 FUNVIC Taubaté; por 3 a 0 para os times do Ibirapuera, APROV Guarulhos, Esporte Clube Pinheiros, Associação Desportiva Centro Olímpico de São Paulo, São Caetano do Sul, Vôlei Renata de Campinas, São José Vôlei de São José dos Campos, Mauá e Serviço Social da Indústria (Sesi/São Paulo). Assim, o grupo local ocupa a 12ª e última colocação na classificação parcial.

Jogam pela Cidade os atletas Alexandre Colhado, André Victor Silva, Thiago Dóros, Lucas Ferreira, Ruan Lucas Barreto, Matheus Rodrigues, Roberto Vitor Galera, Gabriel Pereira, Eduardo Vieira, Pedro Henrique Santana, João Gabriel Tellini, Marcus Vinicius Tellini, Ray Pereira e Arthur Amaro. Técnica: Bárbara Lqmberopulos. Auxiliar: Daniel Battistini. 

Sub-21 – A equipe masculina sub-21 de Praia Grande disputou em junho, a Copa Bandeirantes de Vôlei (FPV). A turma da Cidade foi eliminada ainda na primeira fase da competição. Nas partidas realizadas, o grupo municipal perdeu para o Vôlei Renata de Campinas, Super Vôlei Santo André, SESI/SP por 3 a 0, e São José dos Campos por 3 sets a 1.

Representam a Cidade os atletas Bruno Gabriel Palm, Eduardo Chaves, Maurício Marisden, Anderson Menossi, Matheus Rocha Leite, Guilherme Alarcon, Lucas Carvalhal, Gabriel Rossman, Pablo Cordero, Wilton Rodrigues Júnior, Arthur Andrade, Felipe Jurado e Ítalo Santos Souza. Técnico: Rodrigo Santana, o Rodrigão. Auxiliar: Daniel Battistini.

Dados – Os grupos municipais treinam de terças a sextas-feiras, das 16h30 às 22 horas, no Ginásio Rodrigão (Avenida Presidente Kennedy, 8169, Bairro Mirim). Outras informações sobre a competição estadual podem ser obtidas no site da Federação Paulista de vôlei: 
www.fpv.com.br. A última vez que Praia Grande participou do Paulista de Vôlei foi em 2011.

Naquela oportunidade, o selecionado masculino infanto-juvenil (até 18 anos) municipal foi eliminado ainda na primeira fase, no grupo A, com 11 derrotas e uma vitória. No Paulistão de 2008 – primeira vez que a Cidade competiu no evento da FPV – a equipe sub-18 conquistou o vice-campeonato da série bronze (reuniu os times qualificados do nono ao 12º lugar, na primeira fase do certame).

Eu amo praia grande!!!

Seleção brasileira de basquete treina em Praia Grande 

Praia Grande sedia o Campeonato Brasileiro de Caratê Shorin-ryu

Evento ocorre em novembro no Ginásio Falcão
26/7/2018

Pela sétima vez (2012 a 2018), a Cidade de Praia Grande irá sediar a fase final do Campeonato Brasileiro de Caratê e Kobu-dô (utilização de armas típicas da tradição japonesa), estilo shorin-ryu shinshukan, evento regido pela União Internacional Shorin-Ryu (IUSKF) e União Shorin-Ryu do Brasil. A disputa será realizada de 16 a 18 de novembro, no Ginásio Falcão (Avenida Presidente Kennedy, 8169, no Bairro Mirim), e conta com apoio da Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL).

No Brasileirão, disputam-se as categorias de katá (luta imaginária na qual se avalia a perfeição dos golpes), kumitê (embate entre dois caratecas) e Kobu-dô em cinco aparelhos: BO (bastão), Nunchaku (matracas – dois pedaços de madeira unidos por uma corrente de ferro), Tunqua (bastão de defesa pessoal), Sai (punhal de metal) e Kama (foice).

Os atletas são divididos por peso, idade e kyu (faixa). Por idade: mirim A (até 5 anos), mirim B (6 e 7), mirim C (8 e 9), infantil A (10 e 11), infantil B (12 e 13), infanto-juvenil (14 e 15), juvenil (16 e 17), adulto (18 a 35), master A (36 a 43), master B (44 a 50), master C (mais de 51 anos). Por kyu: branca (6º kyu), amarela (5º), laranja (4º), verde (3º), azul ou roxo (2º), castanho ou marrom (1º).

Dados – Na primeira e segunda etapas classificatórias do Campeonato Brasileiro de Karatê Shorin-ryu Shinshukan, nas cidades de Santos e Cotia, 15 atletas de Praia Grande qualificaram-se para a fase final. Eles subiram no pódio 25 vezes (12 ouros, 4 pratas e 9 bronzes). A turma da Academia Yoshimura Kyokai/Escola Celestin Freinet/Praia Grande obteve 13 medalhas (cinco ouros, três pratas e cinco bronzes). Já o grupo da Academia Kami Dojo/Praia Grande conquistou 12 pódios (sete ouros, uma prata e quatro bronzes). A terceira etapa classificatória do evento nacional ocorre em agosto, em Piracicaba; e a quarta e última acontece em setembro, em São Sebastião.

Retrospecto – Em 2017, caratecas de Praia Grande conquistaram 10 medalhas (quatro ouros, dois pratas e quatro bronzes) no Brasileirão Shorin-ryu Shinshukan. Três equipes de Praia Grande subiram no pódio. O grupo da Academia Kami Dojo faturou cinco medalhas (dois ouros, duas pratas e um bronze). O time da Academia Yoshimura Kyokai/Escola Celestin Freinet conquistou quatro medalhas (dois ouros e dois bronzes). A equipe da SEEL conquistou uma terceira colocação. 

Em 2016, três equipes de Praia Grande conquistaram 16 medalhas (cinco ouros, quatro pratas e sete bronzes) no evento. O grupo da Yoshimura/Freinet faturou três ouros. A equipe da Kami ganhou nove pódios (dois ouros, quatro pratas e três bronzes). O selecionado do SuperEscola/Secretaria de Educação obteve quatro terceiras colocações. Em 2015, duas equipes de Praia Grande conquistaram 33 medalhas (10 ouros, 12 pratas e 11 bronzes). Vice-campeã geral do evento, a turma da Kami obteve 24 medalhas (sete ouros, oito pratas e nove bronzes). Sétima colocada no geral, a equipe da Yoshimura/Freinet ganhou nove medalhas (três ouros, quatro pratas e dois bronzes).

Em 2014, caratecas de Praia Grande conquistaram 45 medalhas (15 ouros, 15 pratas e 15 bronzes). A turma da Kami faturou 9 ouros, 13 pratas e 13 bronzes. O grupo da Yoshimura/Freinet obteve 6 ouros, 2 pratas e 2 bronzes. Em 2013, caratecas da Cidade conquistaram 31 medalhas (9 ouros, 7 pratas e 15 bronzes). Em 2012, a praia-grandense Caroline de Lima (Academia Rodrigão 14), categoria júnior (16 e 17 anos), conquistou dois ouro e uma prata. Ela sagrou-se campeã nas disputas de katá e no Tunqua. Faturou a prata no BO.

%d blogueiros gostam disto: