fbpx
  • +55 13 99615 8477
  • vendas@euamopg.com

Arquivo da tag frio

Campanha Metropolitana do Agasalho: ainda dá tempo de ajudar quem precisa

Praia Grande conta com mais de 100 pontos para doação
30/7/2018

A Campanha Metropolitana do Agasalho 2018 chega ao final na próxima quinta-feira, dia 2 de agosto. Ainda dá tempo de ajudar quem precisa com a doação de peças como cobertores, casacos, xales, mantas, calças e meias, entre outros. Em Praia Grande, mais de 100 postos estão instalados nas unidades escolares, sociais e de Saúde. Basta levar as doações a um destes postos e colaborar com a iniciativa.

A meta é arrecadar o maior número de peças em boas condições de uso. Fundos Sociais de Solidariedade dos nove municípios da Baixada Santista estão envolvidos e trabalhando de forma conjunta na organização e desenvolvimento da iniciativa. 

“Roupa Boa a Gente Doa” continua sendo o slogan oficial da Campanha Metropolitana do Agasalho. A frase reforça a necessidade de doação de peças prontas para o uso. 
Todas as cidades da Região se empenham em arrecadar roupas, casacos, cobertores e, em seguida, distribuir para as famílias que precisam, porém não é possível realizar reparos, costuras ou reaproveitar peças rasgadas.

Pontos para doação – Praia Grande utiliza as Escolas Municipais, unidades de Saúde, PICs, Cafes, Paço Municipal, além da sede do Fundo Social de Solidariedade, como pontos de coleta. Alguns comércios também contam com caixas para arrecadação da Campanha Metropolitana do Agasalho.

Campanha Metropolitana do Agasalho termina na próxima semana

Evento de encerramento será 2 de agosto, em Guarujá
23/7/2018

Quem ainda não realizou doação de peças para a Campanha Metropolitana do Agasalho precisa se apressar. A ação se encerra no dia 2 de agosto. Em Praia Grande, mais de 100 postos estão instalados nas unidades escolares, sociais e de Saúde. Basta levar as doações a um destes postos e colaborar com a iniciativa. Podem ser doados cobertores, mantas, xales, casacos, calças, meias e muito mais. Até o momento, 262.310 peças foram contabilizadas.

A meta é arrecadar o maior número de peças possível em boas condições de uso. Fundos Sociais de Solidariedade dos nove municípios da Baixada Santista estão envolvidos na iniciativa. 

“Roupa Boa a Gente Doa” continua sendo o slogan oficial da Campanha Metropolitana do Agasalho. A frase reforça a necessidade de doação de peças prontas para o uso. 

Todas as cidades da região se empenham em arrecadar roupas, casacos, cobertores e, em seguida, distribuir para as famílias que precisam, porém não é possível realizar reparos, costuras ou reaproveitar peças rasgadas.

Praia Grande utiliza as Escolas Municipais, unidades de Saúde, PICs, Cafes, Paço Municipal, além da sede do Fundo Social de Solidariedade, como pontos de coleta. Alguns comércios também contam com caixas para arrecadação da Campanha Metropolitana do Agasalho.

“É importante que as pessoas tenham consciência de que a doação é de roupas em boas condições. Por vezes recebemos peças rasgadas, faltando pedaços e infelizmente não conseguimos aproveitar esse material”, explica a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande, Maria Del Carmen Padin Mourão, a Maruca.

Apoio – Esta é a 13ª edição da Campanha Metropolitana do Agasalho e conta com o apoio do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo.

Fundo Social de Solidariedade recebe doações de centenas de roupas para a Campanha do Agasalho

Produtos serão destinados a famílias carente do Município
17/7/2018

O Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande recebeu na terça-feira (17), duas importantes doações que vão reforçar a arrecadação da Campanha Metropolitana do Agasalho. A Liga Praiagrandense de Beach Tennis Shark’s entregou mais de 200 peças de roupas. Já a academia Fórmula do Corpo, do Bairro Quietude, doou mais de 100 peças variadas. Entre as doações, calças, casacos, meias e muitas outras peças.

A Associação conseguiu reunir todas as peças, pois incentivou a doação dos agasalhos aos participantes de um campeonato de beach tennis que será realizado nos dias 28 e 29, na praia do Bairro Canto do Forte. O pagamento da inscrição foi feito com a entrega de uma doação.

De acordo com o vice-presidente da entidade, Roberto Laporta, a escolha do Fundo Social como destino para as doações se deu pelo fato do grupo já conhecer o trabalho da entidade. “Saber que estamos ajudando a uma ação tão nobre nos deixa muito alegres. É como se aquecesse o nosso coração”.

Já a turma da academia não precisou de um motivo especial, apenas uma caixa e a propaganda boca a boca. Em cerca de uma semana, o depósito para as roupas estava cheio e as peças foram repassadas para o Fundo Social.

De acordo com o representante da academia, Willian de Oliveira Caxambu, as pessoas ficaram muito empolgadas e ajudaram com diversas peças. “Me sinto muito honrado em representar a essa galera. A gente nunca sabe o dia de amanhã, então precisamos aprender a fazer atos de amor. Se eu não posso dar dinheiro, posso doar algo que faça a pessoa se sentir melhor. A ideia é ajudar o próximo”.

A presidente do Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande, Maria Del Carmen Padin Mourão, a Maruca, recebeu os representantes dos grupos e agradeceu ao empenho de todos que se envolveram na causa. “Sozinhos não somos nada. Qualquer campanha que a gente faça, se não tiver o apoio da comunidade não terá sucesso. Só temos a agradecer pela iniciativa”.

Doações – O Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande concentra as arrecadações de donativos. Qualquer pessoa pode doar roupas, alimentos, móveis, fraldas, eletrodomésticos e outros itens, desde que em bom estado. O endereço é Rua Emancipador Paulo Fefin, nº 775, no Bairro Boqueirão. O telefone de contato é 3496-5022.

Estacionamento do Pavilhão Jair Rodrigues recebe encontro de motociclistas neste sábado

Participantes doarão alimentos, agasalhos e cobertores ao Fundo Social
13/7/2018

Praia Grande recebe neste sábado (14) um encontro de motociclistas no estacionamento do Pavilhão de Eventos Jair Rodrigues. A partir das 11 horas até às 15 horas, cerca de 200 motociclistas do “Insanos Moto Clube”, vindos de várias cidades do Estado e do país, estarão na Cidade para prestigiar o evento. Além disso, o encontro terá a banda de rock Orangorock agitando a galera.

No encontro, o grupo doará alimentos, agasalhos, fraldas geriátricas, itens de higiene pessoal e cobertores ao Fundo Social de Solidariedade do Município por meio do projeto Social Brasil, realizado pela própria entidade. 

O diretor da divisão do Litoral Sul do Insanos MC, Djalma Felipe de Oliveira Junior, conhecido como Junior Litoral Sul, diz que outros moto clubes são esperados para aumentarem as doações. “O Insanos MC convida toda a família motociclista a ajudar e termos um encontro bem bacana”, completou.

Os presentes podem ainda aproveitar a 21ª edição da Festa da Tainha, que acontece no espaço interno do Pavilhão Jair Rodrigues. Ao custo de R$ 80,00, a iguaria vem acompanhada de arroz, vinagrete, farofa com camarão e serve duas pessoas. No dia do evento, o espaço funciona das 12h às 23 horas.

Endereço – O Pavilhão de Eventos Jair Rodrigues fica localizado na Avenida Ministro Marcos Freire, s/nº, no Bairro Quietude (altura do viaduto 8 da Via Expressa Sul). 

Mudança de clima e mar agitado em Santos

Condições do tempo no Boqueirão em Praia Grande

Campanha Metropolitana do Agasalho 2018

Passar Frio ou entrar de John? | Vlog #63 | Surf Dicas

Clima frio chega na Baixada Santista

Saiba como proteger o seu animal se estimação do frio

Campanha Metropolitana do Agasalho é lançada

Esta é a 13ª edição da ação que reúne os nove municípios da Baixada Santista
10/5/2018

Foi dada a largada para a 13ª edição da Campanha Metropolitana do Agasalho. O evento que marcou o lançamento da ação regional aconteceu nesta quinta-feira (10), na Câmara Municipal de Peruíbe. Representantes dos Fundos Sociais de Solidariedade dos nove municípios da Baixada Santista participaram do evento. A meta é arrecadar o maior número de peças possível em boas condições de uso.

“Roupa Boa a Gente Doa”, este continua sendo o slogan oficial da Campanha Metropolitana do Agasalho. A frase reforça a necessidade de doação de peças prontas para o uso. Todas as cidades da região se empenham em arrecadar roupas, casacos, cobertores e, em seguida, distribuir para as famílias que precisam, porém não é possível realizar reparos, costuras ou reaproveitar peças rasgadas.

“É importante que as pessoas tenham consciência de que a doação é de roupas em boas condições. Por vezes recebemos peças rasgadas, faltando pedaços e infelizmente não conseguimos aproveitar esse material”, explica a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande, Maria Del Carmen Padin Mourão, a Maruca.

Podem ser doados cobertores, mantas, xales, casacos, calças, meias e muito mais. Em Praia Grande, as caixas de coleta de agasalhos foram distribuídas nas unidades sociais, da rede de Saúde, Educação, na sede do Fundo Social, no Paço Municipal e em pontos comerciais do Município.

Bazar – No dia 12 de junho, em Bertioga, acontece o Bazar Solidário, quando diversos produtos serão vendidos e o valor arrecadado será usado para comprar cobertores. A campanha segue até o dia 2 de agosto, quando será realizado o evento de encerramento em Guarujá.

Idosos do Lar São Francisco recebem doação de itens de inverno

Meias e cachecóis foram entregues por moradores da Cidade
9/5/2018

Os idosos que moram no Lar São Francisco de Assis receberam nesta quarta-feira (9) a doação de dezenas de itens de inverno, que prometem amenizar a sensação de frio nos próximos meses. Alunas do PIC Vila Sônia doaram meias e uma associação do Município entregou cachecóis. Os produtos serão utilizados pelos moradores do abrigo.

As alunas de K-Pop, ritmo de dança famosa entre os jovens da Coréia do Sul, resolveram se juntar e fazer doações inspiradas na Campanha do Agasalho. Dessa forma, 60 pares foram entregues diretamente aos moradores do Lar. Além da doação, eles ainda assistiram a apresentação de dana das alunas.

Segundo a professora voluntária das alunas de K-Pop, Evelyn Hermínio Silva, as alunas ficaram bastante empolgadas com a ideia de se apresentar no abrigo e gostaram muito da experiência. “Temos poucos meses de aula e para nós é muito bom se apresentar. Quando soubemos dessa oportunidade ficamos muito felizes. Eles nos receberam bem, ficaram felizes. Acho que eles gostaram muito”.

De acordo com a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Maria Del Carmen Padin Mourão, a Maruca, a integração dos jovens com os idosos sempre foi um objetivo da administração, tanto que foi criado um polo do Programa Super Escola junto com uma unidade do Conviver, no Bairro Tupi. “Faz bem para os idosos e para os jovens, que conhecem a realidade, valorizam a experiência dos mais velhos e aprendem muito com eles. Além de tudo isso, os moradores do Lar adoram receber visitas”.

Cachecóis – Os membros da Associação Corrente do Bem – Praia Grande + Forte entregaram cachecóis decorados para os idosos. As peças foram confeccionadas por voluntários, especialmente para os moradores do Lar.

EM Pablo Trevisan doa 350 quilos de roupas e cobertores ao FSS

A entrega das peças ocorreu na segunda-feira (23)
24/4/2018

Alunos de uma unidade da rede municipal de ensino aprenderam na prática o slogan “Roupa boa a gente doa!”. Após ação solidária realizada pela Escola Pablo Trevisan Perutich (Bairro Anhanguera), grupo de crianças fez a entrega dos 350 quilos de roupas e cobertores arrecadados durante as festividades da Semana da Páscoa. A doação ocorreu na segunda-feira (23), na sede do Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Praia Grande.

Acompanhadas da diretora, Sílvia Maria Xavier Valadão, e da assistente de direção, Camila Alvarez Bessa, as crianças entregaram as peças para a presidente do FSS, Maria del Carmen Padin Mourão, a Maruca. A secretária de Educação, Nanci Solano Tavares de Almeida, também participou do momento especial. 

De acordo com a diretora da unidade escolar, o evento de arrecadação das roupas ocorreu pelo segundo ano consecutivo. “Em 2017, fizemos apenas um dia de atividades e arrecadações. Como percebemos o engajamento da comunidade, resolvemos ampliar a iniciativa este ano e realizar uma semana inteira de ações com pais e alunos. O resultado superou as nossas expectativas principalmente por ver a alegria estampada no rosto das crianças ao entregar uma peça de agasalho”.

Feliz em ver o envolvimento e a satisfação dos alunos em entregarem os itens arrecadados, a secretária de Educação parabenizou a iniciativa da EM Pablo Trevisan. “Trata-se de um momento de grande aprendizagem para essas crianças. A gente tem que despertar nos nossos educandos a necessidade de olhar para o próximo. Além de ser um ato consciente de cidadania”, ressaltou Nanci Solano.

Para a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande, a ação realizada pela escola representa o engajamento cada vez maior dos moradores da Cidade em prol da arrecadação de peças. “Quantas pessoas passam por necessidade e não têm condições de comprar uma calça, uma blusa, enfim. E outras escolas que quiserem fazer a doação podem mobilizar a comunidade e, depois, encaminhar para nós o que for coletado”.

Solidariedade – No dia 10 de maio, em Peruíbe, será dado início à 13ª edição da Campanha Metropolitana do Agasalho. Os nove municípios da Baixada Santista se unirão em prol dos mais necessitados. Diversas ações estão sendo programadas para o período de arrecadação. Em breve as caixas de coleta serão distribuídas em vários pontos das cidades.

No dia 12 de junho, em Bertioga, acontece o Bazar Solidário, quando diversos produtos serão vendidos e o valor arrecadado será usado para comprar cobertores. A campanha segue até o dia 2 de agosto, quando será realizado o evento de encerramento em Guarujá.

Fundo Social recebe doação de 250 cobertores

Peças serão agregadas à Campanha Metropolitana do Agasalho
19/4/2018

O lançamento oficial da Campanha Metropolitana do Agasalho será no dia 10 de maio, mas os moradores de Praia Grande já estão empenhados em ajudar a causa. Na quarta-feira (18), duas empresárias da Cidade fizeram uma doação de 250 cobertores, entregues diretamente ao Fundo Social de Solidariedade do Município. As peças serão direcionadas aos moradores atendidos pelo Fundo Social.

Os cobertores são novos e foram comprados pelas amigas Marlene Santana Ribeiro e Renata Marino Gomez. Marlene é sempre uma das colaboradoras da Campanha Metropolitana do Agasalho e incentiva as amigas a participarem da ação. “O que me motiva é a solidariedade.Saber que muitas pessoas serão beneficiadas com esta doação me deixa muito feliz”.

Renata destaca que sempre procura participar de ações sociais e, a convite da amiga, este ano entrou de cabeça na Campanha do Agasalho.

De acordo com a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande, Maria Del Carmen Padin Mourão, a Maruca, esta é a primeira doação da campanha que o Município recebe este ano. “Todo ano os municípios se unem para ajudar a amenizar o frio de quem precisa. Iniciativas como a dessas amigas são muito bem vindas”.

Doações – Merlene transformou sua loja de calçados em um ponto de coleta de peças para a Campanha do Agasalho. Quem quiser ajudar basta levar peças em bom estado na Ribeiro Calçados. O endereço é Avenida Presidente Kennedy, nº 13.078, próximo à Avenida Nossa Senhora de Fátima, no Bairro Caiçara.

Roupa Boa a Gente Doa – No dia 10 de maio, em Peruíbe, será dado início à 13ª edição da Campanha Metropolitana do Agasalho. Os nove municípios da Baixada Santista se unirão em prol dos mais necessitados. Diversas ações estão sendo programadas para o período de arrecadação. Em breve as caixas de coleta serão distribuídas em vários pontos das cidades.

No dia 12 de junho, em Bertioga, acontece o Bazar Solidário, quando diversos produtos serão vendidos e o valor arrecadado será usado para comprar cobertores. A campanha segue até o dia 2 de agosto, quando será realizado o evento de encerramento em Guarujá.

1
%d blogueiros gostam disto: