• +55 13 99615 8477
  • osvaldo.costa@euamopg.com

Arquivo da tag familia

Festa junina no quietude

2º Dia da Peregrinação de São Pedro – Paróquia Nossa Senhora das Graças em Praia Grande

2º Dia da Peregrinação de São Pedro – Paróquia Nossa Senhora das Graças

Missa realizada dia 20.06.18 às 19:00 hrs

Santos confirma mortes por H1N1

Conviver Samambaia recebe palestra sobre violência contra idoso

Evento reuniu cerca de 50 e teve como objetivo identificar formas de agressão
15/6/2018

Dia 15 de junho é o Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa e para marcar esta data, o Conviver do Bairro Samambaia reuniu frequentadores e a equipe do Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica (Nasf-AB) para conversar sobre o assunto. O encontro reuniu cerca de 50 pessoas e aconteceu nesta sexta-feira (15).

O objetivo do encontro foi fortalecer e conscientizar os idosos sobre como lidar com a questão da violência, muitas vezes difícil de ser identificada. A negligência da família, por exemplo, também pode ser considerada uma forma de agressão.

De acordo com a assistente social do Nasf-AB, Érica Matos, existem diversos tipos de violência contra o idoso e muitas vezes não é física, mas sim psicológica. “No dia a dia vemos situações de abandono que nem mesmo o idoso percebe. Não é correto deixá-lo preso dentro de casa e fazer uma visita dia sim, dia não. Ele pode sofrer um acidente e se machucar. Isso é uma agressão tão grave quanto qualquer outra”.

Durante a palestra os frequentadores puderam interagir com a equipe, contando situações que identificaram violência.

Segundo a diretora do Conviver Samambaia, Cícera Eduardo Gomes de Oliveira, o convite para a palestra foi estendido para toda a família, até para que evitem situações que possam gerar violência contra os idosos. “Eles são muito frágeis, precisam de cuidados. Violência contra esse público é uma covardia. Eles precisam aprender a identificar esses casos e até denunciá-los”.

Serviços – Ao longo de todo o ano, as nove unidades do Programa Conviver oferecem atividades esportivas, culturais e de lazer aos maiores de 50 anos. Entre as atrações, aulas de diversos tipos de dança, ginástica, bordados, jogos de mesa, canto coral e muito mais. 

Homens e mulheres podem aproveitar. Tem Conviver nos Bairros Boqueirão, Guilhermina, Sítio do Campo, Antártica, Tupi, Ocian, Samambaia, Caiçara e Solemar. Para mais informações basta comparecer na unidade mais próxima ou ligar para 3496-5015.
Quando o assunto é a Melhor Idade, Praia Grande é uma das cidades referência no assunto. Desde 2009, entre todos os municípios do Estado de São Paulo com mais de 200 mil habitantes, Praia Grande está em primeiro lugar no Índice Futuridade, que mede a qualidade de vida e a atenção ao idoso nos municípios.


Conselho Municipal debate a conscientização sobre violência contra o idoso

Conselheiros falaram sobre o Dia Mundial Violência Contra a Pessoa Idosa
15/6/2018

A data de 15 de junho é o Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa e a reunião mensal do Conselho Municipal do Idoso (CMI), realizada na quinta-feira (14), teve como pauta a conscientização sobre o assunto. Na ocasião, os conselheiros debateram e refletiram sobre o tema.

A presidente Maria Aparecida de Freitas Ferreira falou sobre a importância de conscientizar a população e, consequentemente, acabar com a violência contra os idosos. “É essencial a criação de campanhas para informar a todos os diversos tipos de ações que podem ser consideradas violentas, como agressões físicas e psicológicas”.

O Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa foi instituído em 2006 pela Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa (INPES). O objetivo é sensibilizar a sociedade para o combate das diversas formas de violência cometida contra a pessoa com idade igual ou superior a 60 anos.

As reuniões do CMI acontecem mensalmente, em toda segunda quinta-feira do mês.

Atendimento – A Casa dos Conselhos está instalada dentro do Vivência Tupi, onde também funcionam a Subsecretaria de Assuntos da Juventude (Subjuve), o Programa SuperEscola e o Programa Conviver. O local tem o objetivo de integrar diversos públicos e promover a cidadania entre os moradores de diferentes faixas etárias. A Casa dos Conselhos fica na Rua Xavantes, n° 51, Bairro Tupi, e funciona de segunda a sexta-feira das 8h30 às 17h30.

O que é Fúlgido?

Vila Junina 2018: música ao vivo e comidas típicas são atrações em Praia Grande

Tradicional festa junina segue até dia primeiro, no Pavilhão de Eventos Jair Rodrigues
14/6/2018

A Vila Junina 2018, que acontece até 1º de julho, no Pavilhão de Eventos Jair Rodrigues, chega ao terceiro final de semana com atrações para todas as idades. O clima de inverno chegou para ficar e nada melhor que uma boa festa junina para aquecer e se divertir com a família. A entrada e o estacionamento são gratuitos.

Na sexta (15), Natália Miranda e Henrique Mineiro animam a festa, que vai das 18 à meia noite. Já no sábado (16), a música fica por conta de Will de Camargo e Natan Santos, também das 18 à meia noite. E pra fechar o final de semana, no domingo (17), JM Xamego do Forró e Nando & Gabriel sobem ao palco da festa, das 18 às 23 horas.

As comidas típicas ficam por conta das 24 barracas de entidades assistenciais do Município. Tapioca, milho verde, espetinhos, doces, vinho quente e quentão são algumas das delícias servidas na Vila Junina, que também possui barracas com brincadeiras como pescaria e boca do palhaço.

Entidades – Toda a renda da Vila Junina 2018 é revertida para as entidades assistenciais que participam da festa comercializando comidas e bebidas típicas. Inscreveram-se e foram aprovadas em Chamamento Público as seguintes entidades: ATIS (Associação da Terceira Idade Solemar), DCM (Defesa e Cidadania da Mulher), ONG Lapidando Diamantes, Associação dos Moradores do Jardim Guilhermina, Associação Passio Domini, Instituto Boa Visão, G.E.A.E Semente de Luz, ONG Harmonia, ONG Criança Feliz, Feirarte (Associação dos Expositores das Feiras de Artesanato de Praia Grande), Centro Espírita Emmanuel, Raízes Negras do Litoral, ADPG (Associação dos Deficientes de Praia Grande), Instituto PG Social, Associação Natação de Praia Grande, APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), Estrela da Mama, APLP (Associação Paradesportiva do Litoral Paulista), Fundação Educacional e Cultural de Praia Grande, ONG Marchando para Jesus, GRCES Unidos da Ocian, Projeto Faces, Pai Joaquim de Angola e Menores de Luz, e Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande.

Serviço

Vila Junina 2018 
De 1 de junho a 1 de julho
Sextas e Sábados, das 18 à meia noite
Domingos, das 18 às 23 horas
Pavilhão de Eventos Jair Rodrigues (Av. Ministro Marcos Freire, s/n, Quietude)
Entrada e estacionamento gratuitos.

Bazar Solidário garante a compra cobertores para a Campanha do Agasalho

Unidades serão distribuídas entre os nove municípios da Baixada Santista
13/6/2018

Brinquedos, enfeites, peças para cozinha e muitos outros produtos foram comercializados no Bazar Solidário, um dos principais eventos da Campanha Metropolitana do Agasalho, realizado na terça-feira (12), em Bertioga. Todo o valor arrecadado com a venda das peças será usado para compra de cobertores que serão distribuídos aos nove municípios da Baixada Santista. A presidente do Fundo Social do Estado anunciou a doação de mais mil cobertores.

Mais de 300 pessoas passaram pelo Bazar, onde encontraram peças por valores reduzidos do que os encontrados no mercado. Moradores de toda a Baixada Santista aproveitaram o momento para garantir um presente, uma peça nova de roupa ou acessório.

A anfitriã do evento, presidente do Fundo Social de Solidariedade de Bertioga, Vanessa Matheus, afirmou se sentir orgulhosa de sediar uma das mais importantes etapas da Campanha. “É um trabalho muito bonito, realizado pelas minhas colegas da região. Me sinto honrada de fazer parte deste momento”.

A presidente do Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande, Maria Del Carmen Padin Mourão, a Maruca, lembrou que o Bazar Solidário, além de ser um momento de confraternização, é um evento em que todos se unem, acima de tudo, para uma boa causa. “O cobertor é uma das peças que menos são doadas. É um produto que dura muito, as pessoas usam ao longo de anos. Com a venda dos produtos do Bazar conseguiremos comprar muitas unidades”. 

Doação – Durante seu discurso de abertura do Bazar, a presidente do Fundo Social do Estado, Lúcia França, anunciou a doação de mil cobertores, um reforço na Campanha Metropolitana do Agasalho da Região que vai garantir mais 100 cobertores para cada Cidade da Baixada Santista, além dos que serão adquiridos com as vendas do Bazar.

Lúcia também destacou o carinho pela cidade de Praia Grande e respeito pelo trabalho social que é desenvolvido no Município. “Praia Grande é berço da minha trajetória profissional. Passei num concurso público e fui professora na Cidade. O Fundo Social praia-grandense é muito atuante e desenvolve uma série de projetos sociais”.

Sobre a campanha, fruto da união dos nove municípios, a primeira dama estadual explicou que não há outra ação como essa em todo o Estado. “É um orgulho saber que a nossa região é referência quando o assunto é Campanha do Agasalho”.

Campanha – A 13ª edição da Campanha Metropolitana do Agasalho vai até o dia 2 de agosto e só em Praia Grande conta com mais de 100 pontos de arrecadação espalhados por toda a Cidade. A meta é arrecadar o maior número de peças possível em boas condições de uso. Fundos Sociais de Solidariedade dos nove municípios da Baixada Santista estão envolvidos na iniciativa.

Escolas Municipais, unidades de Saúde, PICs, Cafes, Paço Municipal, além da sede do Fundo Social de Solidariedade, foram os pontos escolhidos para receber as caixas de coleta. Alguns comércios também contam com caixas para arrecadação da Campanha.

Podem ser doados cobertores, mantas, xales, casacos, calças, meias e muito mais. 

Metropolitana do Agasalho, desde que em bom estado de uso. Todas as cidades da região se empenham em arrecadar roupas, casacos, cobertores e, em seguida, distribuir para as famílias que precisam, porém não é possível realizar reparos, costuras ou reaproveitar peças rasgadas.

Mais uma unidade de acolhimento de crianças e adolescentes é entregue em PG

Meta da residência é reproduzir ambiente comum à maioria das famílias
13/6/2018

Meta da residência é reproduzir ambiente comum à maioria das famílias O objetivo é oferecer às crianças acolhidas uma realidade mais familiar. A residência é preparada para reproduzir o ambiente de uma moradia comum à maioria das famílias. Outras duas unidades com o mesmo formato já foram entregues no mês de abril.

Praia Grande está realizando o processo de reordenamento das unidades que acolhem crianças e adolescentes. O novo modelo segue as diretrizes do Governo Federal e promete fazer diferença na vida das crianças e de suas famílias. As novas residências contam com vários quartos, banheiros, cozinha, sala de estar e área de recreação. Nestes espaços, as crianças e adolescentes podem até participar da rotina da casa de forma colaborativa.
Cada residência conta com equipe técnica composta por assistente social e psicólogo para atendimento das crianças e adolescentes. A área administrativa da residência é separada dos demais cômodos.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Gisele Domingues, no novo modelo as crianças terão mais qualidade de vida. “São casas com menos acolhidos, onde eles poderão interagir e participar da rotina, como uma família mesmo”.

O prefeito de Praia Grande destacou que os serviços devem ser implantados de acordo com a realidade local de cada município e não apenas generalizando o atendimento. “Espero pelo dia em que veja essa casa ser transformada em outro serviço. A inauguração desta casa é uma obra física para resolver um problema social. Enquanto não tivermos uma sociedade que respeita as crianças, somos obrigados a construir instituições de acolhimento”, ressaltou.

Diretrizes – Até o final deste ano, todos os municípios do País têm por obrigação adequar suas instituições de acolhimento às diretrizes do Sistema Único da Assistência Social (Suas). Entre outras mudanças, as instituições não deverão mais atender grandes concentrações de jovens no mesmo espaço, sendo necessária a criação de novas instituições de acolhimento.

No mês de abril, outras duas unidades foram entregues. Uma delas no Bairro Ribeirópolis e a outra no Bairro Sítio do Campo. Até o final do ano, uma quarta unidade do mesmo modelo de atendimento deve ser entregue.

As crianças e adolescentes só são direcionadas às instituições de acolhimento em casos extremos, quando têm seus direitos violados. Em todas as situações há o conhecimento e autorização da Vara da Infância e Juventude e também do Conselho Tutelar do Município.

Apadrinhamento Afetivo: encontros esclarecem interessados em participar

Quem quiser conhecer sobre o programa ainda tem duas oportunidades
6/6/2018

Para que as pessoas tomem conhecimento a respeito dos detalhes do Programa Apadrinhamento Afetivo, três reuniões foram marcadas em locais e horários variados. A primeira ocorreu nesta terça-feira (5), na Secretaria de Assistência Social (Seas). Durante os encontros, todos os esclarecimentos serão prestados e os convidados poderão tirar dúvidas. O próximo será na sexta-feira (8), às 15 horas. A entrada é franca.

Crianças e adolescentes residentes nas unidades do serviço de Acolhimento de Praia Grande têm a oportunidade de receber carinho e atenção de padrinhos durante finais de semana e outras datas, tudo de acordo com a Justiça. O Programa Apadrinhamento Afetivo é uma proposta de ação que envolve diversos órgãos governamentais, em conjunto com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, que possibilita que pessoas da sociedade civil assumam responsabilidade como padrinhos ou madrinhas de crianças e adolescentes acolhidas em nossa Cidade.

O intuito da vinculação afetiva é proporcionar experiências e referências afetivas, tanto familiares quanto comunitárias, a crianças e adolescentes em medida de proteção de acolhimento. Os jovens têm situação jurídica definida, com possibilidades remotas ou inexistentes de colocação em família substituta.

O padrinho poderá passear com o afilhado aos finais de semana, passar férias, entre outras atividades. Atualmente 15 crianças esperam por um padrinho.

A dona de casa Sônia Cristina Batista dos Santos foi com o marido participar do encontro, buscando informações para participar do Programa. Ela já tem duas filhas adultas, casadas e tem interesse em oferecer a um adolescente a referência familiar que não teve na infância. “Vivi essa realidade quando era jovem. Quero ajudar. Fui uma adolescente que viveu o estado de abandono e sei o quanto é horrível não ter referência familiar. É bom ter alguém em que a gente pode contar fora do abrigo. Um porto seguro, em caso de qualquer necessidade”.

Confira as datas e locais dos próximos encontros.
– Sexta-feira (8 de junho), às 15h, no Conviver Caiçara. O endereço é Rua Maria Antunes Navarro, esquina com a Rua São Domingos, no Bairro Caiçara.

– Quarta-feira (13 de junho), às 17h30 no Vivência do Bairro Tupi. O endereço é Rua Xavantes, nº 51, no Bairro Tupi.

Para participar do programa, os interessados precisam ser maiores de 18 anos e residir em Praia Grande. Não é preciso ser casado. Para obter mais informações podem entrar em contato pelo telefone 3496-5001.

Nasf realiza quase 5 mil atendimentos e é elogiado durante Audiência Pública da Saúde

Núcleo de Apoio da Saúde da Família atua em diversas áreas médicas
5/6/2018

O Núcleo de Apoio da Saúde da Família (Nasf) da Secretaria de Saúde Pública (Sesap) de Praia Grande foi um dos destaques da Audiência Pública de apresentação de dados do 1º quadrimestre de 2018, na Câmara de Vereadores. 

O secretário de Saúde, Cleber Suckow Nogueira, expôs dados e números de toda a pasta e ao citar os quase 5 mil atendimentos do Nasf nos primeiros quatro meses de 2018, recebeu elogios dos vereadores presentes, que apontaram os esforços das equipes em atender a população nas áreas de ginecologia, pediatria, psicologia e nutrição.

“Ficamos felizes em ver esse retorno da população através dos vereadores, nosso objetivo é melhorar cada vez mais o atendimento e o apoio prestado aos pacientes”, comentou o secretário.

Outros temas também foram abordados durante a ocasião tanto pelos vereadores quanto pela população presente, como, por exemplo, procedimentos, campanhas, Saúde Pública, Hospitalar, Pronto-socorro, Avaliação, Controle, Vigilância Sanitária, Epidemiológica, Controle da Saúde Animal, Auditoria, Agendamento, Regulação e Faturamento. 

NASF – Dentro de sua estrutura de serviços prestados, o Nasf na Cidade se destaca na prevenção à saúde orientando profissionais e munícipes, além de agilizar os atendimentos. Atuam profissionais nas seguintes áreas: pediatria, ginecologia, psicologia, assistência social e nutrição.

O Núcleo tem papel determinante também na realização de mutirões de consultas e exames no Município, participando diretamente das ações.

Ampliação da Usafa Tude Bastos é entregue à população

Mais de 20 mil pessoas serão beneficiadas
5/6/2018

As obras de ampliação da Unidade de Saúde da Família (Usafa) Tude Bastos foram entregues à população nessa segunda-feira (4). A Unidade ganhou uma melhor estrutura, com a construção de 6 novos consultórios, todos com banheiro individual, e uma nova sala de coleta. Além disso, as salas já existentes receberam reparos e pintura.

Com a obra, a Usafa Tude Bastos mais que duplicou o número de consultórios, passando a contar com 11 salas para atendimento. As melhorias e manutenções desenvolvidas modernizaram a unidade, beneficiando diretamente os cerca de 20 mil moradores do bairro e também os profissionais que ali trabalham. A unidade passou de 393, 07 m² para 555,77 m² de área construída.

“Praia Grande investe maciçamente em Atenção Básica, nosso grande objetivo é a prevenção de doenças e a melhoria constante da qualidade de vida da população”, afirma o secretário de Saúde Cleber Suckow Nogueira.

Durante a entrega, o prefeito de Praia Grande explica que pretende aperfeiçoar as unidades e o atendimento prestado em praia Grande. “Estamos ampliando também a Usafa Guaramar, além da revitalização das Unidades Melvi e Ribeirópolis”, disse.

Equipes de Saúde da Família – Com a ampliação, a Usafa Tude Bastos passará de 3 para 5 Equipes de Saúde da Família, o que trará maior conforto para os pacientes atendidos. A diretora da Unidade, Neuza Giangiulio explica que a agenda será trabalha com mais folga e a atenção à população será maior. “Hoje trabalhamos no limite, com mais equipes, poderemos nos dedicar mais à prevenção, sair mais da unidade e realizar trabalhos também na rua e nos domicílios quando necessário”, afirmou.

SAMU – Durante a solenidade na Usafa Tude Bastos, a Prefeitura de Praia Grande realizou também a entrega oficial de uma ambulância que fará parte da frota do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) na Cidade. Ao longo dos últimos anos, a Administração Municipal investiu recursos próprios e buscou parcerias com o objetivo de melhorar a estrutura e, desta forma, os serviços prestados no setor de Urgência e Emergência. 


Apadrinhamento Afetivo terá encontros para tirar dúvidas de interessados

Serão realizados três encontros deste tipo em junho
4/6/2018

Crianças e adolescentes residentes nas unidades do serviço de Acolhimento de Praia Grande têm a oportunidade de receber carinho e atenção de padrinhos durante finais de semana e outras datas dentro do Programa Apadrinhamento Afetivo, tudo de acordo com as diretrizes da Justiça. A ação é uma proposta que envolve diversos órgãos governamentais, em conjunto com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, que possibilita que pessoas da sociedade civil assumam responsabilidade como padrinhos ou madrinhas de crianças e adolescentes acolhidas em nossa Cidade.

O intuito da vinculação afetiva é proporcionar experiências e referências afetivas, tanto familiares quanto comunitárias, a crianças e adolescentes em medida de proteção de acolhimento. Os jovens têm situação jurídica definida, com possibilidades remotas ou inexistentes de colocação em família substituta.

O padrinho poderá passear com o afilhado aos finais de semana, passar férias, entre outras atividades. Atualmente 15 crianças esperam por um padrinho.

Reuniões – Para que as pessoas tomem conhecimento a respeito dos detalhes do Programa Apadrinhamento Afetivo, serão realizadas três reuniões em locais e horários variados. Durante cada um dos encontros, todos os esclarecimentos serão prestados e os convidados poderão tirar dúvidas. A entrada é franca.

Confira as datas e locais dos encontros.

– Terça-feira (5 de junho), às 17h30, na sede da Secretaria de Assistência Social (Seas). O endereço é Rua Paulo fefim, nº 775, no Bairro Boqueirão.

– Sexta-feira (8 de junho), às 15 horas, no Conviver Caiçara. O endereço é Rua Maria Antunes Navarro, esquina com a Rua São Domingos, no Bairro Caiçara.

– Quarta-feira (13 de junho), às 17h30, no Vivência do Bairro Tupi. O endereço é Rua Xavantes, nº 51, no Bairro Tupi.

Para participar do programa, os interessados precisam ser maiores de 18 anos e residir em Praia Grande. Não é preciso ser casado. Para obter informações basta entrar em contato pelo telefone 3496-5001.

Vias de PG são interditadas para confecção de tapetes de Corpus Christi

Bairros Boqueirão, Ocian e Samambaia receberão o evento
29/5/2018

Com a confecção dos tradicionais tapetes decorativos em celebração ao Corpus Christi, a Secretaria de Trânsito de Praia Grande (Setran) está realizando a interdição de vias em três bairros da Cidade. No Boqueirão e Ocian, o fechamento do tráfego terá início por volta das 2 horas desta quarta-feira (30) e término previsto para quinta-feira (31), a partir das 18 horas. Já no Samambaia o bloqueio acontecerá na quinta-feira (31), das 5 às 20 horas. Enquanto durar a interdição, a Setran orienta os motoristas que fiquem atentos às placas de sinalização instaladas no local.

No Boqueirão, por causa do trabalho, a interdição acontecerá na Avenida Presidente Castelo Branco, entre a Avenida Presidente Costa e Silva e Rua Copacabana. Motoristas que trafegam pelo local devem utilizar como rota alternativa a Avenida Brasil.

Para a confecção do tapete no Bairro Ocian, a interdição será realizada na Avenida Dom Pedro II, entre a Praça Roberto Andraus e a Avenida Presidente Kennedy e a rota alternativa no local deve ser a Rua Oceânica Amábile.

O evento no Bairro Samambaia será realizado na Avenida Estados Unidos, que será bloqueada entre as Ruas Itiberê da Cunha e Alexandre Levi. Carros que seguirem pelo local devem utilizar como opção viária a Avenida Almeida Junior.

Informações sobre o trânsito de Praia Grande podem ser obtidas através do número 0800-7720194, a linha gratuita e 24 horas da Setran.


Confira o expediente de Praia Grande durante o feriado de Corpus Christi

Serviços administrativos param na quarta (30) e recomeçam na segunda (4)
30/5/2018

Nesta semana, os serviços administrativos do Município de Praia Grande serão alterados devido ao feriado prolongado de Corpus Christi. Na quinta-feira (31) será feriado e na sexta-feira (1º de junho) será ponto facultativo, instituído por meio do Decreto nº 6308/17. Sendo assim, alguns serviços não funcionarão ou terão seus horários alterados. O expediente destes serviços será retomado na segunda-feira (4).

A Prefeitura de Praia Grande ressalta que neste período, os serviços essenciais de Saúde, Guarda Civil Municipal (GCM), fiscalização de trânsito, transportes e engenharia de tráfego funcionarão normalmente.

Confira o expediente:
Hospital Municipal – Atende normalmente. Para solicitar remoção em ambulância, ligar 192;

Unidades de Saúde da Família – Após o final do expediente na quarta-feira (30 de maio), 
retornam ao atendimento normal na segunda-feira (4 de junho);

Defesa Civil – Atendimento 24 horas, por meio de chamadas pelo telefone 199;

Guarda Civil Municipal – Expediente normal. Atendimento nos telefones 199 e 153;

Coleta de lixo domiciliar – Atendimento normal.

Limpeza das praias – Diurna e noturna, da faixa de areia e do calçadão da orla;

Coleta Seletiva – Funciona normalmente nesta quinta (31) e sexta-feira (1º).

Ecopontos – Fecham após o expediente de quarta-feira (30), retomando somente na segunda (4);

Rapa Treco – Não funcionará na quinta (31) e sexta-feira (1º);

Banco do Povo – Após o final do expediente na quarta-feira (30 de maio), retornam ao atendimento normal na segunda-feira (4 de junho);

Junta Militar – Após o final do expediente na quarta-feira (30 de maio), retornam ao atendimento normal na segunda-feira (4 de junho);

Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Praia Grande – Após o final do expediente na quarta-feira (30 de maio), retornam ao atendimento normal na segunda-feira (4 de junho);

Feiras livres: Não houve alteração no horário e data de funcionamento das feiras-livres.

Poupatempo: a unidade estará fechada na quinta-feira (31). Funcionamento ocorre normalmente na sexta-feira (1) e sábado (2).

Pátio de apreensão de veículos: local estará fechado a quinta-feira (31) e funciona na sexta-feira (1).

123
%d blogueiros gostam disto: