• +55 13 99615 8477
  • osvaldo.costa@euamopg.com

Arquivo da tag euamopg

 “PG Notícias – 9ª Edição” 

“HORA GERAL COM DOUGLAS GONÇALVES – 14/06/2017” 

Nadadores paraolímpicos competem no Troféu Sérgio Del Grande

Time da Cidade nada nesta sexta e sábado (16 e 17)
13/6/2017
 

Nestas sexta-feira (16), das 14 às 18 horas; e sábado (17), das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas, no Centro ParaOlímpico Brasileiro, em São Paulo, na Capital, a equipe de natação para pessoas com deficiência (PcD) de Praia Grande (Secretarias de Esportes e Lazer – SEEL e Educação – Seduc; Associação Paradesportista do Litoral Paulista – APLP) participa do 13º Troféu Sérgio Seraphin Del Grande, evento promovido pelo Clube dos Paraplégicos de São Paulo (CPSP) com apoio do Governo do Estado de São Paulo.

Sob comando da professora Silvia Schich Rodrigues, 14 atletas representam a Cidade: Luis Henrique Sieiro Lopes Ramires (classe S14), Gabriel Melone de Oliveira (S6), Rodrigo Santos Pessoa (S4), Murilo Manna (S3), Marcos, Vinicius Canas Gonçalves (S7), Lucas Felipe Freire Ramos (S6), Waltemir Francisco da Cruz (S6), Amauri Mathias (S10), Felipe Santos (S7), Gabriela Christina Sieiro Lopes Ramirez (S14), Katia Alves de Souza (S8), Neusa Ferreira Oliveira (S7) e Cristina Silva (S4). 

Ao todo, participam mais de 400 paratletas, de 30 agremiações. As regras do Comitê Paraolímpico Brasileiro determinam a divisão de classes: S4 (lesão medular completa/membros inferiores amputados), S5 (paralisia cerebral/lesão medular incompleta), S6 (paralisia lateral e membros inferiores), S7 (paralisia lateral), S8 (amputado membro superior), S9 (membro inferior não funcional/amputação simples acima do joelho), S10 (limitação articular), S12 e S13 (deficiente visual – baixa visão de 5 a 20º graus); S14 e S15 (deficiência intelectual).

Vale frisar que o grupo local não competiu em 2016 neste evento. Em 2015, conquistou 26 medalhas (10 ouros, 13 pratas e 3 bronzes) no XI Troféu Sérgio Seraphin Del Grande. Em 2014, o time municipal não participou. Em 2013, 20 medalhas (15 ouros, 3 pratas e 4 bronzes). Em 2012, obteve 23 medalhas (12 ouros, 5 pratas e 6 bronzes). Em 2010, a equipe praia-grandense subiu no pódio 19 vezes (10 ouros, 7 pratas e 2 bronzes). Em 2009, trouxe outras 17 medalhas (10 ouros, 4 pratas e 3 bronzes).

 “Programa Quatro Estação 14-06-2017 -” 

Canoístas ganham 16 medalhas na segunda etapa do Brasileiro Oceânico

Time da Cidade fatura 8 ouros, 5 pratas e 3 bronzes
13/6/2017
 

O selecionado de Praia Grande (Secretarias de Esporte e Lazer – SEEL e Educação – Seduc), em parceria com a Associação Turma do Remo, conquistou 16 medalhas (oito ouros, cinco pratas e três bronzes) na segunda etapa do Circuito Brasileiro de Canoagem Oceânica, competição regida pela Confederação Nacional (CBCA). O evento realizado no último domingo (11) ocorreu na Praia da Vila Residencial de Mambucaba, na cidade de Paraty, no Rio de Janeiro.

Na classificação geral por equipes, a turma praia-grandense ficou em terceiro lugar com 1.453,5 pontos. Os dois primeiros lugares ficaram com os grupos da Associação de Canoagem do Litoral Norte (Alcalino) com 1.742 e Associação de Canoagem Oceânica de Angra dos Reis (Acoar) com 1.526. No total, competiram 74 atletas, de 12 agremiações do país. A competição teve percurso longo – com distância de 20 quilômetros (km) – e curto – de 600 metros.

Medalhas – Houve disputas feminina e masculina, nas classes individual e dupla, nas categorias júnior (15 a 18 anos), sub-23 (19 a 23), sênior (24 a 34), máster A (35 a 39), B (40 a 44), C (45 a 49), D (50 a 54), E (55 a 59), F (60 a 64), G (mais de 65), e paracanoagem (pessoas com deficiência – PcD). Há ainda, torneio de surfski, na qual os atletas surfam a onda com os caiaques. Confira os medalhistas de Praia Grande: 

1ª Stefany Gomes Jacintho – júnior
1ª Rayssa Correa da Silva – sênior
1ª Viviane Vaz dos Santos – máster A
1º José Marcos Mendes Filho – máster A
1ª Cristiana Rodrigues Franco – máster B
1º José Antônio da Silva – máster B
1º Luís Michio Shimizu – máster E
1º Mario Ferreira de Queiroz – paracanoagem
2ª Tamyres Santos da Silva – júnior
2º João Pedro Schiavinato da Silva – sub-23
2º Nilson Dias Martins – máster D
2º Evaner Coscia – máster F
2º Daniel Bueno Dias – paracanoagem
3ª Carina Faggiani – sênior
3º José Carlos de Souza – máster F
3º Paulo Daniel Puttomatti – paracanoagem

Dados – Em abril, na Reserva Tambá, em São Sebastião, na primeira etapa do Circuito Brasileiro de Canoagem Oceânica o grupo de Praia Grande/Associação Turma do Remo obteve 18 medalhas (11 ouros, 5 pratas e 2 bronzes) e o título geral. No total, mais de 140 atletas, de 14 agremiações, competiram. O selecionado praia-grandense recebe orientação técnica do professor Silvio Bello.

Em 2016, o time de Praia Grande conquistou o hexacampeonato (2009, 2012, 2013, 2014, 2015 e 2016) nacional. Após quatro etapas realizadas, o time da Cidade somou 5.459 pontos e acumulou 41 medalhas (22 ouros, 12 pratas e 7 bronzes). Em 2015, conquistou o pentacampeonato (2009 e 2012 a 2015), com 68 medalhas (31 ouros, 27 pratas e 10 bronzes). Além dos títulos conquistados em 2009, 2012, 2013 e 2014, a turma praia-grandense de canoagem foi ainda, vice-campeã brasileira em 2011, 2010 e 2008. 

“Tapetes de Corpus Christi começam a ser confeccionados em Praia Grande” 

“HORA GERAL COM DOUGLAS GONÇALVES – 14/06/2017”

 “Bolo de Santo Antônio é tradição de devotos que querem casar” 

Ação Cidadania: mais de 5 mil atendimentos são realizados

Destaque os serviços de saúde e confecção de carteira de trabalho
13/6/2017
 

Durante todo os sábado (10) mais de 5 mil atendimentos ocorreram na 2 ª edição do programa Ação Cidadania de 2017, na Escola Municipal Elza Oliveira de Carvalho, no Boqueirão Glória. O projeto, organizado pela Subsecretaria de Ações de Cidadania com apoio dos demais setores da Administração Municipal, a 1ª edição do evento ocorreu em março, no Bairro Melvi.

O programa é ação de serviços concentrados em único local, para evitar o deslocamento da população, promovendo ainda uma proximidade dos serviços públicos com a população. O destaque desta edição é para os serviços da Secretaria de Saúde Pública (Sesap), na área de Saúde Bucal com 810 atendimentos, a aferição de pressão arterial e dextro juntos somaram 517 atendimentos. Outro serviço bastante procurado foi à confecção da Carteira de Trabalho, no qual 400 pessoas solicitaram o ofício.

Também estavam disponíveis outros serviços para a população como: solicitação de 1ª e 2 ª vias de Certidão de Casamento, fotos, Nascimento e Óbito, Junta de Serviço Militar, confecção de Carteira de Trabalho, Bolsa-Família, Acuidade Visual, Encaminhamento para oftalmo, orientação sobre DIU, palestra sobre Primeiros Socorros, Testes Rápidos para Sífilis, HIV, Hepatite B e C, Consultório na Rua, Tuberculose, Baciloscopia, avaliação de IMC, conscientização de castração, conscientização sobre o Aedes Aegypti, Cartão do Sus, informações sobre o projeto habitacional e regularização fundiária, Educação Ambiental, atendimento do Banco do Povo e Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) e Alcoólicos Anônimos, Ouvidoria Municipal, corte de cabelo, orientação jurídica, Procon, Conselho Tutelar, levantamento de débito IPTU, redução de aposentado, alvará, cartão do idoso e deficiente, consulta de multas, informações sobre obras públicas. Para as crianças e jovens as atrações eram: o Acon… Tecendo na Praça, Canto da Leitura, Rua do Lazer, contação de história, confecção de pipas, jogso e trabalhos sobre a diversidade e informações sobre os Escoteiros e sobre o Programa Estadual Navega São Paulo. 

Já iniciaram os trabalhos. 

“Obrigado por fazer parte deste Exército – somos 200 mil inscritos!” 

“Entrevista com a diretora da APAE Salete Campos no #VTVdaGente” 

Veterinárias de Praia Grande apresentam trabalhos em Congresso Internacional

Profissionais integram a Divisão de Saúde Ambiental e Proteção à Vida Animal
13/6/2017
 

Quatro profissionais que integram a equipe da Divisão de Saúde Ambiental e Proteção à Vida Animal, setor da Secretaria de Saúde Pública (Sesap) de Praia Grande, apresentaram trabalhos no 8º Congresso Internacional de Medicina Veterinária do Coletivo. O evento ocorreu em Porto Alegre, Rio Grande do Sul.

As veterinárias Maíra Freitas Marques Rocha, Juliana Batista Andrade Silva e Tamara Shigaeff, além da estagiária Victoria Mahana Gomes Lopes, apresentaram material baseado em ações e projetos realizados na Cidade. “A participação nesse tipo de evento é muito importante porque conseguimos trocar informações e experiências. Em determinadas situações, constatamos algumas alternativas que são colocadas em prática em outros municípios e que podemos adaptar para nossa realidade”, comentou Maíra.

Dos trabalhos divulgados pelas profissionais praia-grandenses no Congresso, dois abordaram as castrações gratuitas de cães e gatos realizados pela Unidade Móvel de Atendimento à Saúde Animal (Umasa) em Praia Grande. Uma apresentação destacou questões voltadas ao georeferenciamento, total de bairros atendidos e número de procedimentos efetuados. A outra comparou os períodos sem a Umasa e com o equipamento em funcionamento, observando o aumento do público atendido. 

O relato de caso atendido pela Divisão de Saúde Ambiental e Proteção à Vida Animal de uma munícipe acumuladora de animais foi outro tema levado para o evento pelas profissionais. A atuação de forma integrada entre o setor e a unidade de Saúde da Família (Usafa) do bairro e a equipe de assistência social norteou a apresentação.

A análise descritiva das demandas da Ouvidoria atendidas pela Divisão, tipos de solicitações e qual o entendimento da população do setor foi o quarto tema abordado. “O que é ou não atribuição do setor, avaliação das demandas e serviços prestados fizeram parte do material. Muitos participantes nos procuraram para tirar dúvidas e saber mais sobre as ações efetuadas em Praia Grande”, disse Maíra.

Com base em informações divulgadas por profissionais de Porto Alegre, a veterinária de Praia Grande, Juliana Batista, analisou de forma positiva a madura a relação entre a Administração Municipal e o Ministério Público. “Aqui na Cidade, pareceres técnicos do setor são solicitados e levados em conta no momento de definir uma medida. Isso não ocorre em outras regiões”.

Juliana pontuou ainda outro tema que chamou a atenção das veterinárias do Município. “Em alguns estados, o Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf) já conta com veterinário na equipe. Aqui ainda não tem, mas inserir será interessante. O Congresso teve como tema Saúde Única. Atualmente, você não consegue cuidar da saúde das pessoas sem cuidar do meio ambiente e dos animais”. 

 “Grau de Rua e adivinha??? 😂😂😂😂” 

Nadadora petiz de PG é campeã paulista e bate dois recordes estaduais

Anna Beatriz Costa Machado, 12 anos, chama a atenção
12/6/2017
 

Um resultado histórico. Integrante da equipe de Praia Grande (Secretaria de Esportes e Lazer – SEEL – e Associação de Pais e Amigos dos Desportistas do Litoral Paulista) Anna Beatriz Costa Machado venceu quatro provas e estabeleceu dois novos recordes estaduais no Campeonato Paulista de Natação de Inverno, categorias petiz 1 e 2 (11 e 12 anos) – 18º Troféu Oswaldo Lopes Fiore. O evento, regido pela Federação Aquática Paulista (FAP) terminou no último domingo (11), na piscina de 25 metros do Itaguará Country Clube, em Guaratinguetá.

Competindo na petiz 2, Anna venceu os 400 metros livres, com o tempo de 4min41seg30; deixando para trás a marca de 4min41seg48, registrada em 1995, pela nadadora olímpica Poliana Okimoto. O mesmo feito extraordinário ocorreu nos 200 livres. Anna ganhou com 2min13seg24 e superou o antigo recorde da prova que era de 2min13seg31, estabelecido em 2015, pela atleta Nichelly Brandão, do Esporte Clube Pinheiros. A desportista de Praia Grande foi campeã ainda das disputas de 100 peito, com 1min19seg96; e dos 200 medley, com 2min32seg32. 

Na classificação geral por equipes, com a pontuação obtida por Anna (56 pontos), o time de Praia Grande terminou em terceiro lugar na disputa feminina da categoria petiz 2. Nas duas primeiras posições encerraram os selecionados do Serviço Social da Indústria (SESI)/São Paulo com 86 pontos, e Nosso Clube de Limeira com 64 pontos. Vale destacar que estes dois times tinham mais de uma atleta competindo. 

Nesta temporada, Anna já havia chamado a atenção. No 49º Festival Correios Sudeste de Clubes – Troféu Ivo Lourenço, ela venceu três provas: 100 metros peito, 100 borboleta e 200 medley. No 24º Campeonato Inter-Regional de Natação – Troféu Kim Mollo, Anna ganhou os 200 metros medley, foi vice-campeã nos 400 livres, garantiu os bronzes nos 100 livres e no revezamento 4x 50 medley. Em 2016, no Paulistão de Verão – Troféu José do Carmo Neves, o Zequinha. Na petiz 1, venceu os 200 medley, ficou em segundo lugar nos 200 e 400 livres; e na terceira nos 100 peito. Sozinha, colocou o time de Praia Grande como o terceiro melhor do Estado no evento. No Paulistão de Inverno, foi bronze nos 100 peito e 100 medley. No 48º Festival Correios-Sudeste de Clubes, Anna venceu os 200 medley e foi prata nos 100 peito.

Bronze – Sob comando do técnico Régis dos Anjos Aguiar, outro nadador de Praia Grande subiu no pódio do Campeonato Paulista de Natação de Inverno, categorias petiz 1 e 2 – 18º Troféu Oswaldo Lopes Fiore. Também na petiz 2, Gustavo Xavier Nogueira conquistou duas medalhas de bronze nas provas de 100 costas, com 1min12seg96, e 100 borboleta, com 1min19seg99. Nogueira foi ainda sétimo colocado nos 200 livres e oitavo nos 200 medley.

Em 2016, o time de Praia Grande conquistou três medalhas de bronze no evento. Na petiz 1, Anna Beatriz Costa Machado subiu no pódio nos 100 peito e 100 medley. Na petiz 2, Queila Ribeiro de Moraes ficou em terceiro lugar nos 800 livres. Em 2015, na petiz 2, Marina Lapetina Santos foi a sexta melhor nos 200 medley. Em 2014, o grupo municipal não participou do evento. Em 2013, na petiz 2, Victor Rodrigues Ferreira venceu os 100 peito, com o tempo de 1min13seg68, novo recorde paulista. Faturou ainda os bronzes nos 200 medley e nos 100 livres. Em 2008, Patrícia Pedroso Neumann, 12 anos, venceu os 800 livres, 100 borboleta e 200 medley. 

%d blogueiros gostam disto: