• +55 13 99615 8477
  • osvaldo.costa@euamopg.com

Praia Grande

Foto de Fran Dourado participante do Grupo do Facebook @euamopg fotos

Carateca de PG é bronze no Campeonato Pan-Americano

Jéssica Linhares integra a equipe da Academia Gladiators
18/6/2018

Integrante da Academia Gladiators de Praia Grande, a atleta Jéssica Linhares de Paula, 2º kyu e acima (faixa azul/roxa a preta), peso menos de 50 quilos, no kumitê (luta), conquistou medalha de bronze no 32º Campeonato Pan-Americano, categoria sênior (mais de 18 anos). A competição regida pela Federação Pan-Americana de Karate (PanAmerican Karate Federation) encerrou-se no último domingo (17), na cidade de Santiago, no Chile.

Outro atleta formado em Praia Grande também integrou a seleção da Confederação Brasileira de Caratê (CBK) na disputa do evento continental. No kumitê, 2º kyu e acima (faixa azul/roxa a preta), peso menos de 60 kg, Gabriel Pereira Stankunas (formado na Academia Yamato Dojo de Praia Grande, mas que representa atualmente a equipe Resistência/Unisanta/HomeLife/Fupes Santos) não subiu no pódio.

Vale frisar que Jéssica e Gabriel disputaram o Campeonato Sul-Americano de Caratê de 2018, evento regido pela Confederação Sul-Americana de Karatê (CSK). Na cidade de Guayaquil, no Equador, competindo no kumitê, no 2º kyu e acima (faixa azul/roxa a preta), Jéssica Linhares, na sub-21, menos de 50 kg, foi campeã e ainda obteve o segundo lugar na sênior (mais de 18 anos). Já Gabriel Pereira, na sênior, menos de 60 kg, não subiu no pódio. 

Retrospecto – No Campeonato Pan-Americano de 2017, em Buenos Aires, na Argentina, atletas de Praia Grande ganharam cinco medalhas (duas pratas e três bronzes). Competindo no kumitê (luta), no 2º kyu e acima (faixa azul/roxa a preta), duas caratecas de Praia Grande foram vice-campeãs: Beatriz Alves da Silva (Academia Kami Dojo), na sub-14, menos de 40 kg; e Rafaela Beatriz dos Santos Silva (Academia Yamato Dojo), na júnior, mais de 59 kg. Garantiram as terceiras posições Ana Flávia Pereira (Yamato), categoria sub-14, peso menos de 35 quilos; e Jéssica Linhares de Paula (Yamato), na sub-21, menos de 50 kg. 

Outro que obteve o terceiro lugar foi Gabriel Pereira Stankunas (formado na Yamato, mas representa a Sport Way/Piracicaba), sênior, mais de 60 kg. Ele integrou o time nacional de kumitê. Na disputa individual, ficou em quinto lugar. Já Aline Cristhina Rocha Teixeira (Academia Gladiators), na júnior (16 e 17 anos), menos de 59 kg; e Rafael Inácio Carneiro Mota (formado na Gladiators, mas representa a Academia Resistência/Santos), sub-21, mais de 84 kg; terminaram a competição continental na sétima posição.

Treinos – Os caratecas de Praia Grande treinam em cinco academias da Cidade. No Bairro Tupi, a equipe da Academia Gladiators tem comando do sensei Rodrigo Inácio. No Ocian, o grupo da Yamato Dojo é conduzido por Carolina Ramalho. No Samambaia, o time da Kami Dojo possui Ronaldo Rodrigues como mestre. No Boqueirão, o selecionado da Yoshimura Kyokai recebe orientação técnica do mestre Jorge Yoshimura. No Tupi, a turma da Seikan pertence ao técnico Márcio Papi. 

Há ainda, treinamentos públicos (gratuitos) disponibilizados pela Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL) de Praia Grande. sob comando do professor Luiz Fernando de Almeida Antunes, faixa preta 3º Dan, as aulas acontecem no Ginásio da SEEL (Avenida Minsitro Marcos Freire, 33579, Bairro Tupiry), as terças e quintas-feiras, das 9 às 12 horas e das 14 às 17 horas; no Ginásio do Bairro Sítio do Campo (Rua Maria Luiza Lavalle, 180), as segundas, quartas e sextas-feiras, das 9 às 12 horas; e na Pista municipal de Atletismo (Rua José Bonifácio, 400, Bairro Sítio do Campo), as segundas, quartas e sextas-feiras, das 14 às 17 horas.

Sob orientação do professor Jorge Yoshimura, faixa preta 8º Dan, os ensinamentos são realizados de segundas as sextas-feiras, após às 18 horas, os treinos ocorrem no Ginásio Rodrigão (Av. Pres. Kennedy, 8169 – Mirim). As segundas, quartas e sextas-feiras, das 13 às 17 horas, as atividades acontecem no Ginásio do Bairro Sítio do Campo (Rua Maria Luiza Lavalle, 180). As terças e quintas-feiras, das 13 às 17 horas, as aulas desenvolvem-se no Centro de Apoio à Família do Educando (CAFE) do Bairro Vila Sônia (Rua João Andrade de Jesus, s/nº).



Prefeitura convoca estudantes para estágios remunerados

Candidatos devem comparecer à Sead até o dia 22 de junho
18/6/2018

A Prefeitura de Praia Grande convoca os candidatos abaixo relacionados para comparecerem no período de 18 a 22 de junho de 2018, no horário das 9h às 16 horas, na Divisão de Estágios, Planos de Carreira e Convênios da Secretaria de Administração (Sead). É preciso levar RG e atestado de matrícula, referente ao primeiro semestre de 2018, para retirada dos termos de compromissos de estágios e carta de encaminhamento para abertura de conta corrente.

Administração:
Danilo Mulero Navarro.

Direito:
Desiree Aliberti Oliveira;
Franciely Teodoro Notario;
Marco Aurelio Mendes Sabbag.

Sistema de informação /análise de sistemas / informática:
Daiana dos Santos Bittencourt;
Tiago Aniceto do Carmo;
Michelle Magda dos Santos.

Caso os candidatos não compareçam no prazo estipulado acima, perderão direito à contratação. A Sead fica no primeiro andar do Paço Municipal. O endereço é Avenida Presidente Kennedy, nº 9.000, no Bairro Mirim.

Convocações – Os candidatos que participaram do processo seletivo para vagas de estágio remunerado deverão acompanhar o site do Município (www.praiagrande.sp.gov.br) para ver as próximas listas de convocados, caso haja desistências.

Teatro Serafim Gonzalez recebe Concerto nesta quarta (20)

Obras de Bach, Mozart e Beethoven serão apresentadas
18/6/2018

Nesta quarta-feira (20), o Teatro Serafim Gonzalez será palco de uma apresentação emocionante. A partir das 20 horas, três grandes nomes da música clássica brasileira realizam o Concerto Petrobrás – A Tribuna. A entrada é gratuita e a retirada dos ingressos acontece uma hora antes do início do espetáculo.

O grupo reúne o violonista Pablo de Léon, spalla da Orquestra Sinfônica de São Paulo, o violista Horácio Schaefer, unanimidade da viola nacional e a frente dos violistas da Orquestra Sinfônica de São Paulo, e violoncelista Roberto Ring, que já integrou a Sinfônica de Campinas, OSESP e Orquestra de Câmara Villa Lobos.

Juntos desde 2001, o grupo já realizou mais de 600 concertos no Brasil, Argentina e Chile, sempre com a participação de músicos de todo o mundo, e promete um espetáculo musical emocionante e imperdível, através das obras de três grandes compositores: Johann Sebastian Bach, Wolfgang Amadeus Mozart e Ludwig van Beethoven.

O Teatro Serafim Gonzalez fica no Centro Cultural Palácio das Artes, localizado na Avenida Presidente Costa e Silva, 1.600, Bairro Boqueirão. Informações pelo telefone 3496-5715. 

Ônibus da Praia Grande não tem cestos de lixo

Não deveria ser comum, mas é uma realidade.

Passageiros dos ônibus da cidade de Praia Grande têm que conviver com a falta de estrutura da companhia. Além da má higienização dos coletivos, a falta de cestos de lixos nos carros provocam uma agravante ambiental ainda mais nocivo ao meio ambiente. Quem nunca se deparou com algum cidadão que dispensou seu lixo pelas janelas dos coletivos?

Nossa produção entrevistou alguns passageiros, que sem hesitar, manifestam muita indignação com a qualidade do serviço prestado. Veja o que disse uma usuária do transporte coletivo.

Pagamos caro pela tarifa da passagem. Os ônibus, na maior parte do dia, sempre estão lotados. Somos obrigados a pagar por um serviço de má qualidade e ainda se contentar em ir de pé de volta pra casa após um dia cansativo e estressante de trabalho. Tenho certeza que falta de recursos não é, pois não podemos ficar devendo sequer cinco centavos do valor da tarifa de R$ 4,05.

Disse Maria das Dores, usuária da linha 17 (Terminal Tude Bastos – Samambaia).

PG ganha medalha de bronze no Paulistão de Natação Petiz

Maria Eduarda sobe no pódio nos 800 livres
18/6/2018

A equipe de Praia Grande (Secretaria de Esportes e Lazer – SEEL –, Natação Praia Grande e Associação de Pais e Amigos – APADELP) conquistou uma medalha de bronze no Campeonato Paulista de Natação de Inverno, categorias petiz 1 e 2 (11 e 12 anos) – 19º Troféu Oswaldo Lopes Fiore, evento regido pela Federação Aquática Paulista (FAP). O evento, que reuniu 363 atletas, de 35 agremiações, foi finalizado no último domingo (17) e ocorreu na piscina de 25 metros do Itaguará Country Clube, em Guaratinguetá.

Competindo na petiz 2, a nadadora Maria Eduarda de Oliveira Rodrigues ficou em terceiro lugar nos 800 metros livres com o tempo de 10min15seg77. Foi ainda quarta colocada nos 200 medley com 2min46seg93, sexta nos 400 livres com 5min04seg45 e sétima nos 100 costas com 1min17seg97. Além dela, outros dois atletas da Cidade competiram no evento estadual sob orientação técnica do professor Régis dos Anjos Aguiar.

Ainda na petiz 2, João Pedro Cabral Domeneguetti acabou em oitavo lugar nos 100 borboleta com 1min17seg94, 26º nos 200 medley com 3min00seg11, 28º nos 100 peito com 1min36seg40 e 59º nos 200 livres com 2min49seg42. Já Daniel Rezende Fidélis encerrou na 13ª posição nos 800 livres com 10min38seg90, 23ª nos 400 livres com 5min15seg79, 27ª nos 200 livres com 2min31seg77 e 28ª nos 100 livres com 1min10seg06. No geral, entre 35 agremiações, a equipe de Praia Grande terminou na 22ª colocação. 


Dados – Em 2017, o time praia-grandense obteve um resultado histórico no evento estadual. Na petiz 2, Anna Beatriz Costa Machado venceu quatro provas e estabeleceu dois novos recordes paulistas. Ela venceu os 400 metros livres, com o tempo de 4min41seg30 e os 200 livres com 2min13seg24. Foi campeã ainda das disputas de 100 peito e dos 200 medley. Já Gustavo Xavier Nogueira conquistou duas medalhas de bronze nas provas de 100 costas e 100 borboleta, e ficou em sétimo lugar nos 200 livres e oitavo nos 200 medley.

Na classificação geral por equipes, com a pontuação obtida por Anna (56 pontos), o time de Praia Grande terminou em terceiro lugar na disputa feminina da categoria petiz 2. Nas duas primeiras posições encerraram os selecionados do Serviço Social da Indústria (SESI)/São Paulo com 86 pontos, e Nosso Clube de Limeira com 64 pontos. Estes dois times tinham mais de uma atleta competindo. 

Em 2016, o time de Praia Grande conquistou três medalhas de bronze no evento. Na petiz 1, Anna Beatriz Costa Machado subiu no pódio nos 100 peito e 100 medley. Na petiz 2, Queila Ribeiro de Moraes ficou em terceiro lugar nos 800 livres. Em 2015, na petiz 2, Marina Lapetina Santos foi a sexta melhor nos 200 medley. Em 2014, o grupo municipal não participou do evento. Em 2013, na petiz 2, Victor Rodrigues Ferreira venceu os 100 peito, com o tempo de 1min13seg68, novo recorde paulista. Faturou ainda os bronzes nos 200 medley e nos 100 livres. Em 2008, Patrícia Pedroso Neumann, 12 anos, venceu os 800 livres, 100 borboleta e 200 medley. 

Os atletas de Praia Grande treinam na piscina municipal (Avenida Presidente Castelo Branco s/nº, Bairro Mirim). Na Cidade, o esporte competitivo é conduzido pela Secretaria de Esportes e Lazer (SEEL). Há ainda escolinha municipal através do programa SuperEscola, mantido pela Secretaria de Educação (Seduc).

Time sub-18 avança à final do Paulista Metropolitano de Futsal

Equipe da Cidade disputa a série bronze
18/6/2018

A equipe masculina sub-18 de Praia Grande/Ocian Praia Clube (Secretaria de Esporte e Lazer – SEEL, Sucos Camp, Centro de Treinamento Falcão 12 e Liga Praia-grandense de Futsal – LPFS) está classificada para a decisão da série bronze do Campeonato Metropolitano Estadual de Futsal, série A-1, evento regido pela Federação Paulista (FPFS). No último sábado (16), no Ginásio Presidente Ciro I, em São Paulo, na Capital, ocorreu o jogo semifinal.

Os rapazes de Praia Grande venceram os do Lausanne Paulista Futebol Clube por 6 a 3 (Luiz Gustavo – 2, Samuel – 2, Felype e José Eduardo). Vale ressaltar que neste sábado (23), ainda sem horário definido pela FPFS, também no Ginásio Presidente Ciro I, na decisão, a turma praia-grandense vai enfrentar a do Wimpro Guarulhos, que na semifinal derrotou o time do FAE/Osasco/Audax por 4 a 3. 

Eliminados – No último sábado (16), também na Capital, na semifinal da série bronze, a equipe sub-16de Praia Grande perdeu para a do Centro Esportivo da Penha por 5 a 0 e assim foi eliminada da competição. O título será disputado entre CE Penha e Wimpro Guarulhos que na outra semifinal derrotou o grupo do Clube Internacional de Regatas de Santos por 3 a 0.

No último dia 9, na série prata, duas equipes de Praia Grande foram eliminadas da competição estadual. Em jogo único, a turma sub-12 da Cidade empatou com a da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB/SP) por 2 a 2 e perdeu a vaga para a fase semifinal por ter realizado campanha inferior na primeira fase do torneio. Já o selecionado praia-grandense sub-14 foi derrotado pelo Clube Atlético Taboão da Serra por 3 a 2.

Dados – Na primeira fase do Metropolitano, as equipes jogaram todas contra todas (dentro de cada grupo), em turno e returno. As cinco primeiras colocadas de cada chave, mais a sexta melhor colocada no geral (juntando-se todos os grupos), avançaram à segunda etapa (oitavas de final – 16 melhores). Os vencedores dos jogos das oitavas de final qualificaram-se à série ouro e os perdedores à série prata. Já os times que ficaram entre o 17º lugar e o 24º na classificação geral da primeira fase da competição, disputam a série bronze. 

Na classificação final da primeira fase, na chave A, o time sub-12 de Praia Grande obteve três vitórias, um empate, três derrotas, 26 gols feitos e 25 sofridos. O sub-14 conquistou três triunfos, uma igualdade, três perdas, 17 gols prós e 20 contras. O sub-16 faturou uma vitória, um empate, cinco derrotas, 12 gols feitos e 22 sofridos. O sub-18 teve dois ganhos, um empate, quatro perdas, 17 gols prós e 23 contras.

É a primeira vez que os times de base de Praia Grande disputam o Metropolitano na série A-1 (reúne as equipes mais fortes do Estado). Até a última temporada, os meninos da Cidade jogavam na A-2 (divisão de acesso). A Federação Paulista forma um ranking dos times (que leva em conta critérios técnicos), aqueles que alcançam uma determinada pontuação têm a possibilidade de disputar a A-1. 

Retrospecto – Em 2017, na série A-2, os times da Cidade avançaram à segunda fase da competição. Os quatro primeiros colocados de cada grupo (A e B) na etapa inicial qualificaram-se a chave ouro; os quinto e sextos foram para a chave prata; os demais times disputaram a chave bronze (com exceção do 11º e último colocado da chave B, pois este foi eliminado diretamente). E ainda, as equipes eliminadas na primeira rodada (quartas de final) da chave ouro, disputaram as semifinais da prata.

Na chave ouro, a turma praia-grandense sub-14 empatou, em 1 a 1, com o grupo do Clube Atlético Tabuca Júniors. Por ter realizado melhor campanha na primeira fase do torneio, o time de Taboão da Serra avançou a decisão. Na sub-16, os rapazes da Cidade perderam, por 9 a 2, para o selecionado da Associação Desportiva Classista São Bernardo do Campo. Já na chave prata, os meninos da sub-12 de Praia Grande caíram, por 4 a 2, diante do Santo André Futsal.

Em 2016, na A-2, a equipe masculina sub-10 de Praia Grande terminou em quarto lugar. Na semifinal, a equipe local foi derrotada por Lausanne Paulista, por 6 a 3 e 4 a 3. Na fase quartas de final, a seleção municipal sub-12 de Praia Grande perdeu, por 3 a 2 e 2 a 1, para o Suzano Futsal e acabou sendo eliminada. Nas oitavas de final (16 melhores) outros três times da Cidade foram desclassificados. A equipe sub-14 perdeu, por 3 a 1 e 5 a 1, para a do Clube Comercial de Lorena. O time sub-16 de Praia Grande caiu, por 6 a 3 e 5 a 3, diante da Associação Desportiva São Bernardo. Os rapazes da sub-17 venceram por 3 a 1 e perderam por 7 a 0 para o Clube Atlético Guarulhense.

Jogos – Confira as escalações e todos os resultados das equipes de Praia Grande no Campeonato Metropolitano Estadual de Futsal 2018, série A-1:

sub-18 – Competem pelo município José André Santana Santos, Eduardo Costa Dalle Piaggi, Matheus dos Santos Theodoro Pereira, Fernando Ribeiro Marques Junior, João Victor Mendes Penariotti, Felype Fernandes Mouzinho, Thiago Wehinger de Oliveira, Alef Serrat Pinheiro, Kauê da Silva Rodrigues, Vitor Luis Acioli Garcia, Leonardo Pereira Trindade, Mateus Riechelmann de Freitas, Eduardo Vaz Cabril Miyazi, Luiz Gustavo da Silva Ferreira, Taylor Matheus da Silva Conceição e João Pedro Pereira Campos. Técnico: Caio Bruno Monzem. Auxiliar: Mike Fernandes dos Santos Cruz. 

1ª fase
10/3 – São José Futsal 6 x 5 Praia Grande/Ocian Praia Clube 
7/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 1 Lausanne Paulista FC
12/4 – SE Palmeiras 5 x 1 Praia Grande/Ocian Praia Clube
14/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 4 AABB/São Paulo
21/4 – Mogi das Cruzes EC 1 x 2 Praia Grande/Ocian Praia Clube
22/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 2 Associação Sorocabana Futsal/Magnus
28/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 4 Santos Futebol Clube
quartas de final – série bronze
19/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 2 Mogi das Cruzes Esporte Clube
semifinal
16/6 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 6 x 3 Lausanne Paulista Futebol Clube (*PG qualificada a final)

sub-16 – Atuam pela Cidade Felipe Silva de Santana, Jhonatan do Nascimento Domingos, Yuri França da Silva, Gabriel Araújo dos Santos, Nathan Takahashi de Souza Aguiar, Lucas Lewis da Silva, Guilherme Batista Andrade da Silva, Pedro Henrique Araújo Valadares, Edson Oliveira da Silva, Carlos Eduardo Augusto de Jesus, Fabricio Prieto Cirilo Diniz da Silva, Eduardo dos Santos Braz, Lucas Decindi Alexandrino, Rafael Expedito Amaral de Sousa, Willian Gabriel Ferreira Santos, Leonardo Amaral Aurichio e Matheus Queiroz de Souza. Técnico: Matheus Cassita Gonçalves. Auxiliar: Igor de Oliveira Gonçalves. 

1ª fase
10/3 – São José Futsal 2 x 1 Praia Grande/Ocian Praia Clube 
24/3 – SE Palmeiras 4 x 3 Praia Grande/Ocian Praia Clube
7/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 4 x 1 Lausanne Paulista FC
14/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 1 x 3 AABB/São Paulo
21/4 – Mogi das Cruzes EC 1 x 1 Praia Grande/Ocian Praia Clube
22/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 1 x 5 Associação Sorocabana Futsal/Magnus
28/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 1 x 6 Santos Futebol Clube
quartas de final – série bronze
19/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 4 x 1 São Caetano do Sul Futsal 
semifinal
16/6 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 0 x 5 Centro Esportivo Penha (*PG eliminada)

sub-14 – Jogam por Praia Grande Kauê Bastos de Carvalho, Cleberson Lucas de Oliveira Neves, Lincoln Antunes da Silva, Kayque Guilherme de Campos Silva, Luiz Rafael Silva Gomes, Raul Vinicius Damacena, Lucas Morales Martins, Kaíque Rosário de Lima, Pedro Henrique Marinho de Melo, Nathan de Lima Costa, Mike Iverson Santos Barriento, Nycolas Souza da Silva, Dherik Coelho Martins, Gustavo Wendrel Quadros da Cruz, Fabricio Menezes dos Santos, Lucas Fernandes Gomes dos Santos, Kauã Carvalho de Jesus, Kayque Bernardo Nascimento, Marcos Vinicius Freitas de Souza e Periques Junior Magalhães Lisboa. Técnico: Caio Bruno Monzem. Auxiliar: Matheus Cassita Gonçalves.

1ª fase
10/3 – São José Futsal 0 x 5 Praia Grande/Ocian Praia Clube 
24/3 – SE Palmeiras 4 x 0 Praia Grande/Ocian Praia Clube
7/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 5 x 3 Lausanne Paulista FC
14/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 2 AABB/São Paulo
21/4 – Mogi das Cruzes EC 5 x 0 Praia Grande/Ocian Praia Clube
22/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 2 Associação Sorocabana Futsal/Magnus
28/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 4 Santos Futebol Clube
2ª fase (oitavas de final)
6/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 2 Sociedade Esportiva Elite Itaquerense/WF Brasil
12/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 6 Sociedade Esportiva Elite Itaquerense/WF Brasil
quartas de final – série prata
9/6 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 3 CA Taboão da Serra (*PG eliminada)

sub-12 – Atuam pela Cidade Pedro Henrique Ramiel, Wallace Vicente Matias Rosa Izzo, Guilherme Souza Gomes, Marcos Vinicius Fortmuller, Felipe Mendes Santos, Pedro Torres Cardoso, Luiz Henrique Reis Machado, Igor da Silva Cajé, Felipe Gabriel dos Santos Silva, Levi Ferreira Cunha, Gabriel Jerônimo Alves dos Santos, Kenai Freitas Souza, Lucas Monteiro Caldas, Thiago Gama da Silva, Gustavo Assis e Luis Felipe Gomes Barbosa Nunes. Técnico: Conrado de Andrade e Silva Antunes. Auxiliar: Igor de Oliveira Gonçalves.

1ª fase
10/3 – São José Futsal 5 x 4 Praia Grande/Ocian Praia Clube 
24/3 – SE Palmeiras 2 x 2 Praia Grande/Ocian Praia Clube
7/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 4 x 1 Lausanne Paulista FC
14/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 6 x 5 AABB/São Paulo
21/4 – Mogi das Cruzes EC 3 x 4 Praia Grande/Ocian Praia Clube
22/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 5 Associação Sorocabana Futsal/Magnus
28/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 4 Santos Futebol Clube
2ª fase (oitavas de final)
6/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 4 Sociedade Esportiva Palmeiras
12/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 0 x 7 Sociedade Esportiva Palmeiras
quartas de final – série prata
9/6 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 2 AABB/São Paulo (*PG eliminada por ter feito campanha inferior na primeira fase)



Praia Grande recebe 1ª loja do Carrefour Market

O Carrefour irá inaugurar no final do mês de Junho, no bairro do Canto do Forte, em Praia Grande, sua primeira loja na Baixada Santista da bandeira mundial “Carrefour Market”. A varejista já opera com essa bandeira em outros países onde atua,  atualmente tem 2 lojas a nível nacional.

A rede conta com 40 supermercados em operação sob a bandeira Carrefour Bairro e agora com mais uma sob a bandeira Market.

A unidade dispõe de várias categorias, entre mercearia seca e molhada, FLV, açougue com autosserviço e balcão, além de padaria com autosserviço.

A loja traz um conceito similar ao utilizado pelos formatos de vizinhança, que focam a conveniência e a passagem rápida do consumidor pela loja. A nova operação está localizada na Avenida Marechal Mallet, na esquina com a Rua Major Rubens Vaz.

A bandeira Carrefour Market deve protagonizar, ao lado do formato Express, o crescimento orgânico do Carrefour em 2018.

Abaixo montagem do Carrefour Market que resolve a vida do seu lado. Rua Gomes de Carvalho, 784 – Vila Olímpia

 

 

Copa PG de Futsal Menor tem rodadas decisivas

Em sete jogos, as redes balançaram 39 vezes
15/6/2018

Neste sábado (16) e na segunda-feira (18), nos Ginásios do Bairro Ocian, ocorrem as últimas partidas da primeira fase da Copa Praia Grande de Futsal Masculino, categorias menores (sub-7, sub-8, sub-10, sub-12, sub-12 bronze, sub-14 e sub-16), evento regido pela Liga Praia-grandense de Futsal (LPFS) com apoio da Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL) da Cidade. 

No sábado, no Ginásio do Ocian Praia Clube (Rua Comendador Oto Carlos Golanda, 80, Bairro Ocian), às 8 horas, na sub-14, jogam Império Futsal e Projeto Social Maxland Futsal/Anjos da Bola; às 8h30, na sub-8, atuam Império e Projeto Esportivo Esmeralda; às 9h10, na sub-8, duelam Ocian PC e Esporte Clube Vitória; às 9h50, na sub-7, confrontam-se Ocian Vermelho e Escola Celestin Freinet; às 10h30, na sub-14, enfrentam-se Império e Esmeralda; e às 11h10, na sub-14, entram em quadra Ocian Branco e Ocian Amarelo.

Ainda no sábado, só que no Ginásio do Delta Esportes (Rua Teofila Vanderlinde, 729, Bairro Ocian), às 14 horas, na sub-12 série bronze (não jogam atletas Federados, nem participantes de disputas da Liga Regional), jogam Delta Esportes e Ocian PC; e às 14h40, na sub-12 livre, atuam Tudsport e Colégio Recanto Educacional. Já na segunda-feira, no Ginásio do Ocian PC, às 19h15, na sub-12 livre, confrontam-se Tudsport e Ocian.

Gols – Um total de 39 gols em sete partidas (média superior a cinco gols por jogo) foi marcado na última segunda-feira (11), no Ginásio do Ocian Praia Clube (Bairro Ocian), na 14ª rodada da primeira fase da Copa Praia Grande de Futsal Masculino, categorias menores. Na sub-12, a turma do Tudsport venceu a do PE Esmeralda por 4 a 3. Na sub-12 série bronze, os times do Colégio Alpha e do Ocian Praia Clube empataram em 4 a 4. 

Na sub-14, a equipe do PS Maxland Futsal/Anjos da Bola ganhou do Ocian Amarelo por 4 a 2, a do Império Futsal goleou o Ocian Vermelho por 6 a 1 e a do Colégio Recanto Educacional derrotou a do Ocian Branco por 3 a 0. Na sub-16, os Guerreiros superaram o Ocian PC por 3 a 2 e a turma do Magic Soccer passou pela do Colégio Recanto por 3 a 0. Vale frisar que a LPFS não divulgou os jogos da próxima rodada.

Dados – No total, a competição reúne 15 agremiações: Escola Celestin Freinet (Bairro Guilhermina), Ocian Praia Clube (Ocian), Associação Recreativa Metropolitano (Ocian), Colégio Recanto Educacional (Boqueirão), Delta Esportes (Ocian), Colégio Alpha (Boqueirão), Esporte Clube Vitória (Vila Sônia), Projeto Esportivo Esmeralda (Esmeralda), Projeto Social Maxland Futsal/Anjos da Bola (Maxland), Magic Soccer (Ocian), Guerreiros do Futsal (Mirim), Império (Sítio do Campo), Tudsport (Sítio do Campo), AFA (Mirim) e Melvi Futsal (Melvi).

Na primeira fase, as equipes jogam todas contra todas em turno único, qualificando-se as quatro primeiras colocadas de cada categoria para a fase semifinal. As campeã e vice-campeãs ganham troféus e medalhas. As terceiras colocadas levam somente medalhas. Nas classes sub-7 e sub-8, as partidas têm dois tempos de 10 minutos. Na sub-10 e sub-12, são 12 minutos. Na sub-14 e sub-16, são 15 minutos.

Em 2017, a Copa Praia Grande ocorreu apenas na categoria adulta. A equipe do Richard’s Costelaria Futsal sagrou-se campeã e a do Colorado Futsal vice-campeã. O goleiro Rafael (RC Futsal) foi eleito o melhor da competição. O jogador Eliel (Metropolitano) garantiu o troféu de artilheiro do torneio com 10 gols marcados. Em 2016, na adulta, o evento foi vencido pela turma do Metropolitano e a equipe do RC Futsal ficou em segundo lugar.

Em 2015, na sub-8, a primeira colocação ficou com a garotada da Escola Celestin Freinet. Na sub-10, medalha de ouro para a turma do Esmeralda. Na sub-12, vitória da equipe do Esporte Clube Vitória. Na sub-14, o grupo do Projeto Cohab (Canto do Forte) conquistou o título. Na sub-16, a taça de campeão ficou com o selecionado do Esmeralda.
Pontos – Confira a classificação parcial da Copa Praia Grande de Futsal Masculino 2018:

Categoria sub-7
1º AFA – 9 pontos, 3 vitórias, 1 derrota, 10 gols prós e 5 gols contras;
2º Ocian Vermelho – 9pts, 3v, 1d, 9gp, 7gc;
3º Ocian Amarelo – 6pts, 2v, 2d, 6gp, 5gc;
4º Delta – 3pts, 1v, 3d, 11gp, 13gc;
5º Escola Celestin Freinet – 0pt, 2d, 6gc.

Sub-8
1º Império – 12pts, 4v, 19gp, 4gc;
2º Delta – 12pts, 4v, 1d, 19gp, 5gc;
3º AFA – 6pts, 2v, 2d, 12gp, 8gc;
4º Esmeralda – 4pts, 1v, 1empate, 2d, 4gp, 11gc;
5º Vitória – 1pt, 1e, 2d, 3gp, 14gc;
6º Ocian – 0pt, 4d, 1gp, 16gc.

Sub-10
1º Império – 9pts, 3v, 13gp, 4gc:
2º Escola Celestin Freinet – 7pts, 2v, 1e, 8gp, 4gc;
3º AFA – 6pts, 2v, 2d, 9gp, 10gc;
4º Maxland/Anjos da Bola – 5pts, 1v, 2e, 5gp, 4gc;
5º Esmeralda – 3pts, 1v, 1d, 4gp, 7gc;
6º Delta – 2pts, 2e, 1d, 1gp, 3gc;
7º Ocian – 1pt, 1e, 2d, 1gp, 4gc;
8º Melvi – 0pt, 3d, 7gp, 10gc.

Sub-12
1º Colégio Recanto – 9pts, 3v, 18gp, 4gc;
2º Ocian – 6pts, 2v, 1d, 13gp, 5gc;
3º Esmeralda – 4pts, 1v, 1e, 3d, 9gp, 20gc;
4º Tudsport – 3pts, 1v, 3d, 8gp, 19gc;
5º Melvi – 1pt, 1e, 2gp, 2gc.

Sub-12 bronze
1º Maxland/Anjos da Bola – 14pts, 4v, 2e, 16gp, 8gc;
2º Império – 11pts, 3v, 1e, 1d, 16gp, 12gc;
3º Colégio Alpha – 7pts, 2v, 1e, 2d, 10gp, 10gc;
4º Ocian – 4pts, 1v, 1e, 1d, 8gp, 7gc;
5º AFA – 4pts, 1v, 1e, 3d, 11gp, 12gc;
6º Delta – 1pt, 1e, 3d, 5gp, 11gc.

Sub-14
1º Colégio Recanto – 12pts, 4v, 1d, 31gp, 6gc;
2º Ocian Vermelho – 9pts, 3v, 1d, 16gp, 14gc;
3º Império – 9pts, 3v, 1d, 16gp, 8gc;
4º Maxland/Anjos da Bola – 9pts, 3v, 1d, 15gp, 14gc;
5º Ocian Branco – 3pts, 1v, 3d, 6gp, 10gc;
6º Ocian Amarelo – 3pts, 1v, 4d, 16gp, 29gc;
7º Esmeralda – 0pt, 4d, 12gp, 31gc.

Sub-16
1º Colégio Recanto – 12pts, 4v, 1d, 15gp, 6gc;
2º Guerreiros – 9pts, 3v, 2d, 10gp, 9gc;
3º Metropolitano – 7pts, 2v, 1e, 2d, 17gp, 9gc;
4º Magic Soccer – 7pts, 2v, 1e, 2d, 13gp, 19gc;
5º Ocian – 4pts, 1v, 1e, 2d, 12gp, 13gc;
6º Esmeralda – 1pt, 1e, 3d, 2gp, 13gc.

Municipal de Futebol da 2ª Divisão chega à terceira rodada

Competição reúne 20 agremiações da Cidade
15/6/2018

Neste domingo (17), a partir das 11 horas, nos Campos da Cidade, ocorre a terceira rodada do Campeonato Municipal de Futebol, série B (segunda divisão), categoria masculina adulta. A competição, que reúne 20 times da Cidade e mais de 350 jogadores, é regida pela Liga de Futebol Amador de Praia Grande (LFAPG) conta com apoio da Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL).

No último domingo (10), aconteceu a segunda rodada. Confira todos os resultados: chave A, Parquestão 3 x 1 Corinthians Vila São Jorge, Malaga 2 x 1 Cruz de Malta, Nós Por Nós 2 x 1 Atlético Melvi, Vila Sônia 1 x 0 Oriental e Veneno 1 x 0 Brasa; na B, Treze de Maio 2 x 0 Botafogo, Unidos 3 x 2 Palmeirinhas, Vasquinho 2 x 1 Bahia Litoral, Caieiras 2 x 1 Jardim Quietude e Fúria 1 x 1 Cristal Etanol. A classificação completa da competição pode ser obtida no site da Liga: www.lfapg.com.br.

Dados – Na primeira fase, as equipes jogam todas contra todas dentro de cada grupo (A e B), em turno único, qualificando-se as quatro primeiras posicionadas, de cada chave, para a fase quartas de final (oito melhores). A partir daí, os confrontos ocorrem em sistema de eliminatória simples (quem perde está eliminado), no qual duelam o 1º posicionado da chave A x 4ºB, 2ºA x 3ºB, 3ºA x 2ºB, 4ºA x 1ºB. As duas últimas colocadas de cada chave, serão rebaixadas para a série C (terceira divisão).

No grupo A, duelam as equipes do Esporte Clube Oriental (Bairro Forte), Brasa Futebol Clube (Caiçara), Nós Por Nós Futebol Clube (Real), Corinthians Futebol Clube de Vila São Jorge (Ocian), Parquestão Futebol Clube (Samambaia), Esporte Clube Vila Sônia (Vila Sônia), Veneno Esporte Clube (Mirim), Málaga Futebol Clube (Mirim), Esporte Clube Cruz de Malta (Melvi) e Atlético Melvi Futebol Clube (Melvi).

No B, jogam os times do Esporte Clube Cristal Etanol (Samambaia), Grêmio Esportivo Jardim Quietude (Quietude), Unidos Futebol Clube (Tupi), Caieiras Futebol Clube (Caieiras), Fúria Futebol Clube (Canto do Forte), Botafogo Futebol Clube (Antártica), Palmeirinhas Esporte Clube (Antártica), Bahia Litoral Futebol Clube (Caieiras), Treze de Maio Futebol Clube (Sítio do Campo) e Vasquinho Futebol Clube (Mirim). 

Retrospecto – Em, 2017, o selecionado do Ilha do Caieiras Futebol Clube sagrou-se campeão do Municipal de Futebol, série B. Na decisão, a turma do Bairro Caieiras venceu nos pênaltis, por 5 a 4 (após empate de 0 a 0 no tempo regulamentar), a equipe do Clube Atlético Três Cores (Mirim). Em 2016, o SESC Futebol Clube (Sítio do Campo) sagrou-se vencedor. Na final, venceu nos pênaltis, por 5 a 4 (após empate de 1 a 1), o Clube Águia de Ouro (Aviação). 

Na temporada 2014/2015, de forma invicta, a equipe dos Amigos da Vila Futebol Clube (Vila Sônia) ficou com a medalha de ouro. Na decisão, ganhou nos pênaltis, por 3 a 1 (após empate de 0 a 0), do Unidos Futebol Clube (Tupi). Em 2013, o Esporte Clube Centro Social de Ação Comunitária/CESAC sagrou-se campeão. Na decisão, ganhou, por 1 a 0, do Juventus Futebol Clube (Tupi). Em 2012, deu Vasquinho Futebol Clube. Em 2011, a equipe do Esporte Clube Oriental sagrou-se campeã. Em 2010, a turma do Vasquinho ficou com o título. Em 2009, a equipe do Veneno conquistou o ouro. Em 2008, vitória para o grupo do Palmeiras Esporte Clube. 

Programação – Confira as partidas programadas para a terceira rodada:

Campo do Unidos Futebol Clube (Rua Orivaldo Augusto Oliveira, 26.466, Bairro Tupi)
11 horas – Unidos x Jardim Quietude
13 horas – Caieiras x Vasquinho

Campo do Botafogo (Rua dos Trabalhadores, s/nº, Bairro Antártica)
13 horas – Botafogo x Bahia Litoral

Campo do Real Esporte Clube (Rua Antônio Luís Permaia, s/nº – Bairro Jardim Real)
13 horas – Parquestão x Vila Sônia

Campo do Galo de Ouro (Rua José Borges Neto, Bairro Mirim)
13 horas – Nós Por Nós x Veneno

Campo do Palmeirinhas Esporte Clube (Rua João Batista Siqueira, 11.380, Bairro Antártica)
13 horas – Oriental x Cruz de Malta

Campo do Melvi (Rua Milton de Oliveira, s/n, Bairro Melvi – atrás da caixa d´água da Sabesp)
13 horas – Cristal Etanol x Palmeirinhas 

Campo anexo ao Ginásio Magic Paula (esquina da Avenida dos Trabalhadores com a Rua Leila Maria de Barros Monteiro, s/nº, Bairro Antártica)
15 horas – Corinthians da Vila São Jorge x Atlético Melvi

Campo do Solemar (Rua Adriano dos Santos, s/nº, Bairro Cidade da Criança)
15 horas – Brasa x Malaga

Campo do Clube Centro Social de Ação Comunitária – CESAC (Rua Cíntia Giufrida, s/nº, Bairro Canto do Forte)
15 horas – Fúria x Treze de Maio

Time mirim vence no Estadual de Handebol Masculino

Equipe da Cidade reúne jogadores de até 12 anos
15/6/2018

A equipe masculina mirim (até 12 anos) de Praia Grande (Secretaria de Esporte e Lazer – SEEL) disputou a segunda etapa do Campeonato Estadual de Handebol promovido pela Liga Paulistana (LPHB). No último sábado (9), no Ginásio Falcão (Bairro Mirim), em Praia Grande, a turma municipal venceu a equipe da Prefeitura de Mongaguá por 3 a 0 e perdeu para a da Prefeitura de Jacareí por 2 a 1.

Na primeira etapa do evento (realizada em maio, também em Praia Grande), a turma municipal venceu Mongaguá por 2 a 1 e empatou com Jacareí por 2 a 2. Já o grupo de Jacareí superou Mongaguá. O time da Cidade – que treina no próprio Ginásio Falcão – é comandado pelo professor Evandro Luiz Andrade com auxílio de Luciene Gonçalves, a Cuba.

Próxima – No dia 23, a partir das 10 horas, no Ginásio Falcão (Avenida Presidente Kennedy, 8169, Bairro Mirim), em Praia Grande, os times masculinos infantil (13 e 14 anos) e cadete (15 e 16) de Praia Grande jogam contra os selecionados da Escola Estadual Professor Roberto Simonini, de São Paulo, em nova rodada do Campeonato Estadual promovido pela Liga Paulistana de Handebol.

Nas partidas já realizadas, na cadete, a turma de Praia Grande perdeu para o Pinheiros por 34 a 16. Na infantil, derrotou Mongaguá por 26 a 6 e foi superado pelo Pinheiros por 30 a 13. Outras equipes masculinas de Praia Grande atuam na competição estadual. O grupo adulto (idade livre) venceu Jacareí por 22 a 17 e Prefeitura de Diadema por 26 a 24; perdeu para Mongaguá por 35 a 29, São Paulo FC por 37 a 30 e ASE/Santista por 30 a 25. A turma juvenil (17 e 18 anos) venceu Mongaguá por 32 a 17. 

Retrospecto – Em 2017, a turma juvenil de Praia Grande sagrou-se campeã paulista da LPHB. Na decisão, os rapazes da Cidade venceram o time do Clube Paulista de Handebol/Sírio Libanês por 31 a 27. Na semifinal, ganharam de Santo André por 31 a 17. Na primeira fase da competição, derrotaram Mongaguá (duas vezes) por 31 a 17 e 26 a 18; Santo André (duas vezes) por 25 a 12 e 24 a 21; Francisco Morato por 23 a 17, e Clube Paulista de Handebol/Sírio Libanês por 30 a 25; empataram com o Clube Paulista por 20 a 20; e perderam para o Colégio Eduardo Gomes/São Caetano do Sul por 31 a 29. 

Na infantil, na decisão do terceiro lugar, o grupo da Cidade ganhou de Taubaté por 16 a 12. Na semifinal, havia perdido para o Esporte Clube Pinheiros. Na primeira fase, venceu por 18 a 13 São Vicente e por 25 a 18 Taubaté; perdeu por 31 a 14 para o Esporte Clube Pinheiros e por 10 a 4 para Taubaté. Na cadete , na decisão do bronze, a turma de Praia Grande superou a turma do CESC/Rio de Janeiro por 35 a 34. Na semifinal, perdeu para o Pinheiros. Na primeira fase, venceu Pindamonhangaba por 32 a 17, Taubaté por 29 a 21 e Santo André por 23 a 15 e 20 a 12; perdeu para o Esporte Clube Pinheiros por 29 a 25 e Taubaté por 27 a 24. 

Na adulta (idade livre), na decisão do terceiro lugar, a equipe praia-grandese passou por Franco da Rocha por 36 a 20. Na semifinal, perdeu para Diadema. Na primeira fase, ganhou de Diadema por 31 a 26; perdeu para Franco da Rocha por 24 a 23, São Vicente por 22 a 19, Diadema por 35 a 25 e Mongaguá (duas vezes) por 26 a 24 e 27 a 26. 

Em 2013, foi a primeira vez (e até então única) que as equipes masculinas de Praia Grande disputaram o Campeonato Estadual da Liga Paulistana de Handebol. Naquela oportunidade, a turma cadete (15 e 16 anos) de Praia Grande conquistou, de forma invicta, a medalha de ouro. Na decisão, o time municipal venceu, por 26 a 24, o grupo da Prefeitura de Jacareí. A garotada da infantil faturou o bronze

Pedestrianistas entram em ação

Equipe de PG compete no domingo (17)
15/6/2018

Neste domingo (17), a partir das 8 horas, na Praça Mauá, no Centro de Santos, atletas de Praia Grande (Secretaria de Esporte e Lazer – SEEL, Gutto Running Team e Liga Praia-grandense de Atletismo) disputam a Corrida da Marinha/Porto de Santos, evento válido como primeira etapa do 33º Campeonato Santista de Pedestrianismo. A disputa de 10 quilômetros que reúne dois mil atletas em 21 categorias (faixas etárias) é organizada pela Prefeitura de Santos com patrocínio de MSC.

Na última temporada, a turma de Praia Grande conquistou 13 medalhas (quatro ouros, quatro pratas e cinco bronzes) nas cinco etapas do evento regional. Na quinta fase, segundo lugar para Glória Poliana Platner do Amaral, na categoria dos cadeirantes. Na quarta, ouros para Kauan da Silva Domingues e Amanda dos Santos Santana, ambos na 16 e 17 anos. Prata para Rodrigo Valério Silva, na 20 a 24. Terceira colocação para José Domingos Santos, na 40 a 44. 

Na terceira, Kauan e Amanda venceram na 16 e 17 anos. Rodrigo Valério Silva foi terceiro colocado no geral. José Domingos de Jesus Santos, na 40 a 44, e Jairon José da Silva Santos, na 25 a 29, terminaram nas terceiras posições. Na segunda, Luis Fábio Bastos de Santana ficou na terceira posição na 35 a 39. Na primeira, José Domingos e Kauan foram vice-campeões. 

Retrospecto – No Campeonato Santista de Pedestrianismo de 2016, na mais de 75 anos, José Correa da Silva Filho terminou em terceiro lugar. Em 2015, a turma local terminou em sétimo lugar por equipes (feminina e masculina juntas). Ao longo do Campeonato, obteve 19 medalhas (13 ouros, 3 pratas e 3 bronzes). Individualmente, David Benedito de Macedo levou o primeiro lugar na classificação geral. Ana Maria Ribeiro dos Santos foi campeã da categoria 45 a 49 anos. Paulo Righetti garantiu a terceira posição na 50 a 54 anos. Hosana Lucena Pereira terminou em quarto lugar na classificação geral. Maria Pereira Socorro da Rocha na 40 a 44 anos e Celma Severina da Silva na 45 a 49 foram quintas colocadas. 

Em 2014, a equipe feminina de Praia Grande sagrou-se vice-campeã geral. Na masculina, terminou em quarto lugar. Individualmente, o selecionado municipal obteve três títulos e três terceiras colocações. Em 2013, a equipe feminina foi campeã geral. O time masculino ficou em segundo lugar. Individualmente, os atletas locais conquistaram cinco títulos, três vice-campeonatos e uma terceira colocação. Em 2012, o time feminino e masculino foi vice-campeão geral. Os corredores da Cidade levaram cinco títulos, dois vice-campeonatos e quatro terceiros lugares. Em 2011, foram três títulos, quatro pratas e três bronzes. Em 2010, foram dois títulos, duas segundas posições e uma terceira. Em 2009, o grupo local fez um campeão, dois vices e dois terceiros colocados. Em 2008, obteve dois títulos gerais, um vice-campeonato e um terceiro lugar. Em 2007, Praia Grande fez uma campeã.


Visita Carmen Monarcha – Instituto Neymar Jr

Conviver Samambaia recebe palestra sobre violência contra idoso

Evento reuniu cerca de 50 e teve como objetivo identificar formas de agressão
15/6/2018

Dia 15 de junho é o Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa e para marcar esta data, o Conviver do Bairro Samambaia reuniu frequentadores e a equipe do Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica (Nasf-AB) para conversar sobre o assunto. O encontro reuniu cerca de 50 pessoas e aconteceu nesta sexta-feira (15).

O objetivo do encontro foi fortalecer e conscientizar os idosos sobre como lidar com a questão da violência, muitas vezes difícil de ser identificada. A negligência da família, por exemplo, também pode ser considerada uma forma de agressão.

De acordo com a assistente social do Nasf-AB, Érica Matos, existem diversos tipos de violência contra o idoso e muitas vezes não é física, mas sim psicológica. “No dia a dia vemos situações de abandono que nem mesmo o idoso percebe. Não é correto deixá-lo preso dentro de casa e fazer uma visita dia sim, dia não. Ele pode sofrer um acidente e se machucar. Isso é uma agressão tão grave quanto qualquer outra”.

Durante a palestra os frequentadores puderam interagir com a equipe, contando situações que identificaram violência.

Segundo a diretora do Conviver Samambaia, Cícera Eduardo Gomes de Oliveira, o convite para a palestra foi estendido para toda a família, até para que evitem situações que possam gerar violência contra os idosos. “Eles são muito frágeis, precisam de cuidados. Violência contra esse público é uma covardia. Eles precisam aprender a identificar esses casos e até denunciá-los”.

Serviços – Ao longo de todo o ano, as nove unidades do Programa Conviver oferecem atividades esportivas, culturais e de lazer aos maiores de 50 anos. Entre as atrações, aulas de diversos tipos de dança, ginástica, bordados, jogos de mesa, canto coral e muito mais. 

Homens e mulheres podem aproveitar. Tem Conviver nos Bairros Boqueirão, Guilhermina, Sítio do Campo, Antártica, Tupi, Ocian, Samambaia, Caiçara e Solemar. Para mais informações basta comparecer na unidade mais próxima ou ligar para 3496-5015.
Quando o assunto é a Melhor Idade, Praia Grande é uma das cidades referência no assunto. Desde 2009, entre todos os municípios do Estado de São Paulo com mais de 200 mil habitantes, Praia Grande está em primeiro lugar no Índice Futuridade, que mede a qualidade de vida e a atenção ao idoso nos municípios.


Prototipo vs. Saboó | 41ª Batalha do Mundão | Praia Grande – SP

%d blogueiros gostam disto: