• +55 13 99615 8477
  • osvaldo.costa@euamopg.com

Praia Grande

Campanha Metropolitana do Agasalho termina na próxima semana

Evento de encerramento será 2 de agosto, em Guarujá
23/7/2018

Quem ainda não realizou doação de peças para a Campanha Metropolitana do Agasalho precisa se apressar. A ação se encerra no dia 2 de agosto. Em Praia Grande, mais de 100 postos estão instalados nas unidades escolares, sociais e de Saúde. Basta levar as doações a um destes postos e colaborar com a iniciativa. Podem ser doados cobertores, mantas, xales, casacos, calças, meias e muito mais. Até o momento, 262.310 peças foram contabilizadas.

A meta é arrecadar o maior número de peças possível em boas condições de uso. Fundos Sociais de Solidariedade dos nove municípios da Baixada Santista estão envolvidos na iniciativa. 

“Roupa Boa a Gente Doa” continua sendo o slogan oficial da Campanha Metropolitana do Agasalho. A frase reforça a necessidade de doação de peças prontas para o uso. 

Todas as cidades da região se empenham em arrecadar roupas, casacos, cobertores e, em seguida, distribuir para as famílias que precisam, porém não é possível realizar reparos, costuras ou reaproveitar peças rasgadas.

Praia Grande utiliza as Escolas Municipais, unidades de Saúde, PICs, Cafes, Paço Municipal, além da sede do Fundo Social de Solidariedade, como pontos de coleta. Alguns comércios também contam com caixas para arrecadação da Campanha Metropolitana do Agasalho.

“É importante que as pessoas tenham consciência de que a doação é de roupas em boas condições. Por vezes recebemos peças rasgadas, faltando pedaços e infelizmente não conseguimos aproveitar esse material”, explica a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande, Maria Del Carmen Padin Mourão, a Maruca.

Apoio – Esta é a 13ª edição da Campanha Metropolitana do Agasalho e conta com o apoio do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo.

Comediante Afonso Padilha retorna ao Teatro Serafim Gonzalez nesta quinta

Artista é um dos integrantes do grupo “4 Amigos”
23/7/2018

O humorista Afonso Padilha tem um encontro marcado com o público de Praia Grande nesta quinta-feira (26) no Teatro Serafim Gonzalez. Às 20h30, o artista apresenta seu espetáculo de stand-up comedy “Espalhando a Palavra”, com classificação indicativa de 14 anos. Os ingressos custam R$60,00 (inteira) e R$30,00 (meia-entrada) e são comprados no site www.compreingressos.com.

Afonso Padilha é integrante do grupo “4 Amigos”, composto ainda por Dihh Lopes, Thiago Ventura, Márcio Donato, considerado atualmente um dos mais importantes no cenário da comédia nacional. O artista curitibano começou no stand-up comedy em um espaço aberto para novos humoristas em 2009. Desde então, passou a ganhar notoriedade nos palcos de todo o país.

Além disso, o artista tem dois DVD’s gravados disponíveis ao público, tendo um deles alcançado a marca de 3 milhões de visualizações pelo YouTube. Nesta rede social, por exemplo, Padilha tem mais de meio milhão de inscritos e mais de 36,5 milhões de visualizações em seus vídeos.

Endereço – Com 513 lugares, o Teatro Serafim Gonzalez se situa na Avenida Presidente Costa e Silva, nº 1600, Bairro Boqueirão, dentro do complexo cultural Palácio das Artes. 

Estão definidas as equipes finalistas do Metropolitano de bocha masculina

Competição entra na etapa decisiva
23/7/2018

No próximo sábado (28), às 9 horas, na Quadra do Ocian Praia Clube (Rua Comendador Oto Carlos Golanda, 80, Bairro Ocian), em Praia Grande, as equipes santistas do Clube Atlético Santa Cecília e Botafogo Atlético Clube decidem o título do Campeonato Metropolitano de Bocha-rafa, evento organizado pela Liga de Bocha e Malha de Praia Grande com apoio da Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL).

No último sábado (21), ocorrem as partidas semifinais da competição. Na Quadra do Ocian Praia Clube, a turma do CA Santa Cecília venceu a do Grêmio Recreativo Mongamar de Mongaguá por 6 a 2. Em Mongaguá, o selecionado da Associação dos Amigos do Jardim Guilhermina de Praia Grande perdeu para o do Botafogo Atlético Clube/Santos por 5 a 3. Vale frisar que ainda na primeira fase do torneio, foram eliminadas as equipes da Sociedade Amigos do Balneário Marambaia (Sambamar)/PG, Ocian PC/PG, Associação Recreativa/Peruíbe e São Vicente. 

Na classificação final da etapa inicial, o time do Mongamar terminou na liderança com 78 pontos. Na sequência encerraram as turmas do Guilhermina/PG com 68, Botafogo/Santos com 66, Clube Atlético Santa Cecília/Santos com 57, Ocian Praia Clube/PG com 54, São Vicente com 45, Sambamar/PG com 44 e Recreativa/Peruíbe com 42. As equipes jogaram todas contra todas, em turno e returno, qualificando-se as quatro primeiras para as disputas semifinais.

Mulheres – Na disputa do Metropolitano Feminino, as semifinais (ainda sem data definida para ocorrer) envolvem as equipes do Santa Cecília, Mongamar, Guilhermina e Sambamar. Outras informações podem ser obtidas na página on-line da Liga de Bocha e Malha de Praia Grande: https://www.facebook.com/bochadabaixadasantista.

Retrospecto – Em 2017, na série ouro, título para a turma do Sambamar, segundo lugar para o Santa Cecília ficou com o vice-campeonato e terceiro para o Mongamar. Na série prata, primeira, segunda e terceira posições para as equipes do Guilhermina, Clube de Praia São Paulo/PG e Guarujá. No Campeonato de Duplas Masculinas Nova Bocha Litoral 2017, medalha de ouro para a turma do Guilhermina. Vice-campeonato para o Sambamar. Na terceira colocação, ficou a turma do Santa Cecília.

Em 2016, a turma masculina do Guilhermina sagrou-se campeã do torneio de quartetos. Prata e bronze para o Santa Cecília e Ocian Praia Clube. Na competição feminina de quartetos, a taça de campeão ficou com o Sambamar, a de vice-campeão com o Botafogo e a de terceiro lugar do Santa Cecília. Em 2015, deu Mongamar seguido por Botafogo e Ocian Praia Clube. Na feminina, vitória do Sambamar. Vice-campeonato para o Santa Cecília e terceiro lugar para o Guilhermina.

Em 2014, na masculina, o Mongamar sagrou-se campeão, o do Jardim Guilhermina vice-campeão e o do Sambamar terceiro colocado. Em 2013, a equipe do Guilhermina sagrou-se campeã. Na sequência encerraram os selecionados do Sambamar e Ocian Praia Clube. Em 2012, ouro para o Guilhermina, prata para o Sambamar e bronze para o Mongamar. Em 2011, primeiro, segundos e terceiros lugares para Guilhermina, Mongamar e Sambamar. Em 2010, Guilhermina, Ocian PC e Assunção completaram pódio. Em 2009, Guilhermina, Sambamar e Mongamar foram ouro, prata e bronze. Em 2008, Assunção, Mongamar e Ocian Praia Clube ganharam medalh

Escola de Praia Grande disputa fase final dos Jogos Escolares Estaduais

Turma da EE Deputado Rubens Paiva disputa título paulista
23/7/2018

A equipe de futsal feminino mirim (13 e 14 anos) da Escola Estadual Deputado Rubens Paiva de Praia Grande disputa de 9 a 19 de agosto, na cidade de americana, a fase final dos Jogos Escolares do Estado de São Paulo (JEESP). Atual campeão do evento (2017), o time do Bairro Samambaia representa a Região Metropolitana (Diretorias de Ensino de Santos, São Vicente e Registro).

“É um fato inédito por que uma equipe de Praia Grande nunca havia se qualificado para a final estadual nesta categoria”, afirmou o técnico da equipe municipal professor Fabiano Nepomuceno da Silva. “Pelo segundo ano seguido, já estamos entre as 15 melhores do Estado. Vamos para Americana com um time muito jovem, porém acreditando na conquista do bicampeonato”.

Na etapa inter diretorias – Diretoria de Ensino de São Vicente (DESV), a turma de Praia Grande não teve adversárias. Seis times se inscreveram para a disputa, mas todos com nível de iniciação e escolinha. Ao saber da participação da EE Deputado Rubens Paiva, saíram do torneio. Na segunda fase – que reúne o vencedor da DESV com os da DE de Santos e DE de Registro – as meninas do Bairro Samambaia venceram a EE Willian Aureli (DE Santos) por 2 a 1 e da EE Maria Antônia Chules Pincesa (DE Registro) por 3 a 1.

Jogam por Praia Grande Letícia Mariana Silva Sodré, 11 anos; Mikaely Lima da Silva, 12; Aline Vitória de Lima Souza, 13; Luiza Cavalleiro de Freitas, 13; Dandara Gabrielly Alves Rosseto, 13; Camili Cibeli do Vale Soares, 14; Fernanda Vitória de Souza Lima, 14; Gabrielly Maria da Silva Ribeiro, 14; Heloisa Duarte Pereira, 14; Isabella Batista de Souza Lopes, 14; Larissa Krislean da Silva, 14; Raphaela Gouveia de Campos, 14; Thamyres Eduarda da Silva Ribeiro, 14; e Yasmim Ferreira Silva Reverte, 14. Técnico: Fabiano Nepomuceno da Silva. Auxiliar: Daniel de Lima Melo. 

Primeiro título – Em 2017, o selecionado da EE Deputado Rubens Paiva de Praia Grande foi o único da Região Metropolitana (Diretoria de Ensino de Santos) conquistou uma medalha de ouro na fase final dos Jogos Escolares do Estado de São Paulo, na categoria mirim (13 e 14 anos). Na decisão do torneio de futsal, as meninas da Cidade ganharam da EE Francisco Abreu Sodré, de Ubirajara (cidade da Região de Bauru), por 2 a 1. 

Na semifinal, golearam a EE Professora Vaniole Dionyzio Marques Pavan, de Araçatuba, por 8 a 2. Na segunda fase de grupos, derrotaram a EE Romana Cunha, de Santa Bárbara D´Oeste, por 5 a 0; a EE Professor Antônio Martins da Silva, de Jacareí, por 2 a 1; e empataram com a EE Djalma Forjaz, de Porto Ferreira, em 1 a 1. Na primeira fase de grupos, venceram a EE Jardim das Rosas, de Serrana, por 4 a 1; EE Carlos Maximiliano dos Santos, de São Paulo, por 3 a 0; perderam para EE Doutor José Leme Lopes, de Guarulhos, por 1 a 0.

Dados – Os Jogos Escolares do Estado de São Paulo são divididos em quatro etapas. Na primeira, participam apenas escolas estaduais (inclusive as técnicas). Na segunda, disputam instituições de ensino municipais, privadas e técnicas federais. Na terceira, todas as unidades escolares são envolvidas. Na quarta, reúnem-se os campeões das etapas anteriores. Além das etapas, há a divisão por fases. 

A primeira fase do torneio é a inter diretorias que reúne escolas representadas pela Diretoria de Ensino (DE) local; no caso de Praia Grande, a Diretoria de Ensino de São Vicente (DESV) que reúne ainda as cidades de Itanhaém, Mongaguá e Peruíbe. A segunda fase é a regional que aglutina os times vencedores da DESV com os da DE de Santos (Santos, Guarujá, Cubatão e Bertioga) e DE de Registro (Registro, Barra do Turvo, Cajati, Iguape, Jacupiranga, Paraquiera-Açu, Eldorado, Sete Barras e Cananéia). Outras informações podem ser obtidas no site www.selj.sp.gov.br.

Praia Grande tem 1.200 vagas para cursos diversos

Inscrições estão abertas com turmas para início imediato
23/7/2018

Os moradores de Praia Grande já podem ocupar uma das 1.200 vagas de cursos gratuitos oferecidos pela Secretaria de Assistência Social (Seas) em oito endereços diferentes, espalhados pela Cidade. São atividades de geração de renda, para os maiores de 16 anos, além de esportivas e culturais, para jovens, adultos e crianças maiores de 4 anos. As vagas serão preenchidas por ordem de chegada dos interessados.

Entre as opções de cursos, artesanato em E.V.A., informática, corte e costura, balé, dança de rua, ritmos dançantes, caratê, tênis de mesa, canto coral, futsal, violão, entre outros.
Para participar, basta ir a uma das cinco unidades do Programa de Integração e Cidadania (PIC) ou das três unidades do Centro de Apoio à Família do Educando (Cafe), levando original e cópia do documento de identidade, comprovante de residência e uma foto 3×4. Menores precisam de acompanhamento e autorização dos pais ou responsáveis.

As unidades têm cronogramas individuais de dias da semana e horários para as aulas. Confira a relação de unidades e cursos disponíveis em cada uma delas:

Cafe Sérgio Mainente (Rua Ana Pereira de França, nº 295, Bairro Esmeralda. Telefone 3496-5070). Aulas de dança do ventre, ballet, ritmos dançantes, caratê, violão, canto e coral, informática, chinelos decorados, patch apliquê, pintura em tela, corte e costura, artesanato em E.V.A. e pedraria.

PIC Vila Alice (Rua Renata Agondi, nº 50, Bairro Anhanguera. Telefone 3496-5067). Aulas de pintura em tecido, arte em E.V.A., vagonite, chinelos decorados, biscuit, jazz, jogos de tabuleiro, canto e coral, crochê e também pratos decorados.

PIC Quietude (Rua Milton Daniels, s/ nº, Bairro Quietude. Telefone 3496-5063). Aulas de dança do ventre, jazz, ritmos clássicos, mix dance e dança “fit”.

PIC Vila Sônia (Rua José de Oliveira, s/ nº, Bairro Vila Sônia. Telefone 3496-5069). Aulas de E.V.A., tapeçaria, feltro, chinelos decorados, crochê, futsal, jogos de tabuleiro, caratê, tênis de mesa e canto coral.

Cafe Sítio do Campo (Rua Teodósio de Augustinis, s/nº, Bairro Sítio do Campo. Telefone 3496-5065). As aulas começam a partir de 1º de agosto. Tem vagas para artesanato em E.V.A, feltro, pintura em tecido, macramê, crochê, tênis de mesa, caratê, rítmos acelerados, rítmos regionais, capoeira e alongamento.

Cafe Vila Sônia (Rua João Andrade de Jesus, s/ nº, Bairro Vila Sônia. Telefone 3496-5066). Aulas de jazz adulto, kobudô, dama, xadrez, artes em E.V.A, capitonê, chinelos decorados, corte e costura, crochê, defesa pessoal feminina, flores e arranjos em E.V.A., meias de seda, ponto cruz, tapeçaria, zumba gold, vagonite em fitas e informática.

PIC Melvi (Rua Heleny Rosa, nº 114, Bairro Melvi. Telefone 3594-5056). Aulas de caratê, jogos de tabuleiro (xadrez), ginástica artística, tênis de mesa, defesa pessoal, ritmos variados, teatro, crochê, bordados, E.V.A., feltro, tapeçaria, tiaras, informática, violão, dança de rua, artesanato em madeira, pintura em tela, camerata, dança do ventre, escultura em balões, balé contemporâneo, capoeira e chinelos decorados.

PIC Real (Avenida Presidente Kennedy, nº 17.483, Bairro Real. Telefone 3473-6623). Aulas tênis de mesa, dança do ventre, musicalização infantil, musicalização adulto, jazz infantil, jazz adulto, caratê, balé e xadrez.

Serviço – Os PICs e Cafes foram criados pela Secretaria de Assistência Social (Seas) em parceria com o Fundo Social de Solidariedade de Praia Grande (FSS) e têm como principal objetivo ser um espaço aberto à convivência, ao diálogo e entrosamento familiar. Centenas de pessoas já mudaram de vida com as aulas de geração de renda, atividades esportivas, culturais e de lazer gratuitas para todas as idades. Atualmente, são oito unidades instaladas no Município.




Fran Dourado do Grupo do Facebook @euamopg Fotos em Vila Mirim Praia Grande

Festa Brega 2018 da ASSOAFI em Praia Grande

 

Circuito de monitoramento flagra momento em que carro colide em poste em São Vicente

Circuito de Surfe de Praia Grande está com inscrições abertas para a 2ª etapa

Evento ocorre nos dias 11 e 12 de agosto
23/7/2018

Estão abertas as inscrições para atletas de qualquer localidade que tenham interesse em participar da segunda etapa do 4º Circuito de Surfe Amador de Praia Grande/Back Fish. Os registros custam R$ 70,00 e devem ser feitos no e-mail associapgsurf@hotmail.com ou na Loja Riptide (Avenida Doutor Vicente de Carvalho, 172, Bairro Ocian – telefone 3471-4333) – em horário comercial. A disputa ocorre nos dias 11 e 12 de agosto, na Praia do Bairro Tupi.

Há disputas nas categorias open (idade aberta – a principal do torneio), júnior (17 e 18 anos), mirim (15 e 16), iniciante (13 e 14), estreante (11 e 12), petit (até 10 anos), máster (mais de 35 anos), feminina open (idade livre) e sub-14. O evento regido pela Associação Praia Grande de Surf (APGS) conta com apoio da Prefeitura de Praia Grande, apresentação de MGQ Construtora e Incorporadora de Imóveis e supervisão da Federação Paulista de Surf (FPSurf). 

O evento regido pela Associação Praia Grande de Surf (APGS) conta com apoio da Prefeitura de Praia Grande, apresentação de MGQ Construtora e Incorporadora de Imóveis e supervisão da Federação Paulista de Surf (FPSurf); patrocínio da Dafla Street Store e Point do Gordo, co-patrocínio da Faculdade de Praia Grande (FPG), Centro Educacional Vila Verde e Casa Prime Móveis Planejados; apoio de Riu Kiu, Renato Barqueta, Riptide Fabrica, Megatons Surf Boards, Wizard Praia Grande, Riptide Roupas e Acessórios de Surf e Skate, Banca do Extra, Restaurante Luar Panela de Barro, Cristal Litoral, Empório Sabor Natural, Cabanas Havaianas, My Cropped, Fu Wax, Surf Dicas e O Rei dos Estofados.

Vale ressaltar que a terceira etapa do 4º Circuito de Surfe Amador de Praia Grande/Back Fish ocorre em 13 e 14 de outubro, na praia do Bairro Caiçara. Outras informações podem ser obtidas nos telefones (13) 98126-7901 e 3471-4333, na página de facebook da APGS https://www.facebook.com/associacaopgsurf e no site da Federação Paulista www.fpsurf.com.br. 

Primeira – Em maio, na Praia do Bairro Boqueirão, mais de 100 atletas competiram. Na open, os quatro primeiros colocados foram Wanderson Silva (Guarujá – GJA), Alex Soares (GJA), Anderson Robert (Praia Grande – PG) e Matheus Dutra (Santos). Na júnior, receberam premiação Gustavo Matos (PG), Matheus Lima (Itanhaém – ITA), Gustavo Giovanardi (PG) e Diego Silva (ITA). Na mirim, subiram no pódio Renan Rodrigues (São Sebastião – SS), Matheus Lima (ITA), Gustavo Giovanardi (PG) e Chandler Ribeiro (São Paulo – SP). Na iniciante, destacaram-se Yuri Beltrão (GJA), Ryan Araújo (GJA), Lucca Cassemiro (SS) e Daniel Duarte (Bertioga – BTI).

Na estreante, brilharam Ryan Araújo (GJA), Daniel Duarte (BTI), Everton Freitas (GJA) e David Jihad (ITA). Na petit, venceram John Muller (GJA), Thiago Doncev (PG), Deryc Silva (PG) e Maria Beatriz (PG). Na máster, ganharam Anderson Robert (PG), Carlos Bonfin (PG), Beto do Casco (PG) e Luiz Fernando (SP). Na feminina, primeira colocação para Melissa Policarpo (GJA). Na sequência terminaram Bianca Maila (Ilha Comprida), Maria Beatriz (PG) e Luany Ribeirinho (Mongaguá).

Retrospecto – Em 2017, na open, o campeão do circuito foi Matheus Dutra, seguido por Rodrigo Silva e Rafael Moisés. Na júnior, título para Alex Soares, seguido por Daniel Ferlin e Gabriel Nieba. Na mirim, Gustavo Mattos, Gustavo Giovanardi e Lucca Casemiro subiram no pódio. Na iniciante, troféus para Lucca Casemiro, Gustavo Giovanardi e Kaíque Carvalho. Na estreante, vitória de Daniel Duarte, seguido por Everton Freitas e Kauã Campos. Na petit, primeiro lugar para Daniel Duarte, seguido por Thiago Doncev e Jhon Muller. Na máster, medalharam Anderson Robert, Fábio Porto e João Carlos Chaves. Na longboard, André Martins, Eurimar Rocha e Beto Garcia foram premiados. Na feminina, deu Pamela Mell, seguida por Carol Bastides e Julia Santos.

Em 2016, ficaram nos primeiros lugares: na open, Luan Carvalho, Theo Fresia, Marcus Vinicius e Rafael Moisés. Na júnior: Vinicius Maia, Gabriel Nieba, Theo Fresia e Cláudio Stanisci. Na mirim: Gustavo Giovanardi, Bruno Senatori, Cláudio Stanisci e Gabriel Neiba. Na Iniciante: Gustavo Giovanardi, Kaíque Carvalho, Guilherme Nogueira e Renan Rodrigues. Na estreante: Renan Rodrigues, Kaíque Carvalho, Yuri Beltrão e Everton Freitas. Na feminina: Rúbia Gonçalves, Kátia Moura, Júlia Santos e Caroline Perez. Na máster: Anderson Robert, Sandro Martins, Fábio Porto e Willian Diegues. Na longboard: Alex Madruga, Beto Garcia, Eurimar Rocha e Marcos Silva. 

Em 2015, na classificação final (teve três etapas), na open, subiram no pódio Lucas Dantas, Gabriel Martins, Rodrigo Silva e Arthur Delgado. Na júnior, Marcos Vinicius, Vitor Magliani, Dilan Airton e Vinicius Maia. Na mirim, Gabriel Nieba, Vinicius Maia, Eduardo Albuquerque e Marcelo Kuhnen. Na iniciante, Matheus Lima, Gustavo Giovanardi, Kaíque Carvalho e Renan Rodrigues. Na estreante, Gustavo Giovanardi, Roberto Alves, Kaíque Carvalho e Yuri Beltrão. Na máster, Anderson Robert, Fabio Porto, Sandro Martins e Akio Saito. Na longboard, Beto Garcia, Matheus Mendonça, Eurimar Rocha e Marcos Silva. Na feminina, Julia Santos, Renata Monteiro, Luana Rosa e Mir

Neymar Jr`s Five 2018 Making Of – Instituto Neymar Jr.

Praia Grande recebe jogos do Paulista Universitário

Cidade é sede de disputas do JUESP
23/7/2018

A Cidade de Praia Grande recebe nos dias 18 e 19 agosto jogos de basquete e futsal masculino válidos pelo Campeonato Paulista Universitário (Jogos Universitários do Estado de São Paulo – JUESP), etapa Baixada Santista, evento regido pela Federação Universitária Paulista de Esportes (FUPE) com apoio da Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL) da Cidade.

No dia 18 de agosto (sábado), no Ginásio do Bairro Samambaia (Avenida Maria Cavalcante da Silva, 10), em Praia Grande, acontecem as disputas de basquete masculino. Às 12 horas, duelam os times da Faculdade de Direito da Universidade Paulista (Unip) e Polo de Cubatão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP).

Às 13h30, confrontam-se as equipes da Universidade Federal do Estado de São Paulo (Unifesp)/Santos e Faculdade de São Vicente/Unibr. Às 15 horas, enfrentam-se os grupos do Centro Universitário São Judas Tadeu/Unimonte e Universidade Santa Cecília (Unisanta). Às 16h30, entram em quadra as turmas da Faculdade de Praia Grande (FPG) e Polo de Santos da Universidade de São Paulo (USP). 

Bola pesada – No dia 19 de agosto (domingo), no Ginásio Mirins III (Avenida Mauricío José Cardoso, 135, Bairro Forte), em Praia Grande, ocorrem os jogos de futsal masculino. Às 9 horas, duelam os selecionados da Unisanta e Unibr. Às 10h30, atuam os quintetos da Unifesp e Universidade Católica de Santos (Unisantos). Às 12 horas, entram em ação as equipes da FPG e IFSP. Às 13h30, confrontam-se os times do Polo Santos da Escola Superior de Administração, Marketing e Comunicação (ESAMC) e Polo USP. Às 15 horas, a bola rola para as turmas do Polo Baixada Santista da Universidade Paulista (Unip) e Unimonte. Às 16h30, enfrentam-se os grupos da IFSP Cubatão e Direito UNIP.

Vale frisar que a etapa Baixada Santista é considerada uma fase regional do JUESP. As equipes campeãs desta etapa qualificam-se para a final estadual programada para novembro. Além da Região da Baixada Santista, há outras quatro divisões: Grande São Paulo, Vale do Paraíba, Grande Ribeirão e Grande Campinas. Outras informações podem ser obtidas no site www.fupe.com.br e www.juesp.com.br.

Caratecas ganham medalhas em etapas do Brasileiro Shorin-ryu

Atletas da Cidade ganham 12 ouros, 4 pratas e 9 bronzes
23/7/2018

Caratecas de Praia Grande conquistaram 25 medalhas (12 ouros, 4 pratas e 9 bronzes) na primeira e segunda etapas classificatórias do Campeonato Brasileiro de Karatê estilo shorin-ryu shinshukan, disputas regidas pela União Internacional Shorin-Ryu (IUSKF) e União Shorin-Ryu do Brasil. As competições foram realizadas no primeiro semestre, nas cidades de Santos e Cotia. 

A turma da Academia Yoshimura Kyokai/Escola Celestin Freinet/Praia Grande obteve 13 medalhas (cinco ouros, três pratas e cinco bronzes). Já o grupo da Academia Kami Dojo/Praia Grande conquistou 12 pódios (sete ouros, uma prata e quatro bronzes). Com estes resultados, os atletas da Cidade qualificaram-se para a fase final do Brasileirão que ocorre em novembro, em Praia Grande. Vale frisar que a terceira etapa classificatória do evento nacional ocorre em agosto, em Piracicaba; e a quarta e última acontece em setembro, em São Sebastião.

Pódios – Nas etapas classificatórias do Brasileirão, disputaram-se as categorias de katá (luta imaginária na qual se avalia a perfeição dos golpes), kumitê (embate entre dois caratecas). 
Os atletas foram divididos por peso, idade e kyu (faixa). Por idade: mirim A (até 5 anos), mirim B (6 e 7), mirim C (8 e 9), infantil A (10 e 11), infantil B (12 e 13), infanto-juvenil (14 e 15), juvenil (16 e 17), adulto (18 a 35), master A (36 a 43), master B (44 a 50), master C (mais de 51 anos). Por kyu: branca (6º kyu), amarela (5º), laranja (4º), verde (3º), azul ou roxo (2º), castanho ou marrom (1º). 

Confira os medalhistas de Praia Grande

1ª etapa classificatória do Brasileirão
ouro (9)
katá
Nimai Caldas (Academia Kami Dojo) – juvenil – 3º kyu e acima
Normando Costa (Kami) – máster C – 3º kyu e acima
Giulia Olsak Martins (Academia Yoshimura Kyokai/Escola Celestin Freinet) – infantil B – 3º kyu e acima
Beatriz Alves Silva (Kami) – juvenil – 3º kyu e acima

kumitê
Rocco Marchiori (Kami) – infantil – até 4º kyu – absoluto
Nimai Caldas (Kami) – juvenil – 3º kyu e acima – até 67 kg
Normando Costa (Kami) – máster C – 3º kyu e acima – absoluto
Giulia Olsak Martins (Yoshimura/Celestin) – infantil B – 3º kyu e acima – absoluto
Beatriz Alves Silva (Kami) – infanto-juvenil – 3º kyu e acima – absoluto

prata (3)
katá
Rafael Chinelli Raimundo (Yoshimura/Celestin) – infanto-juvenil – 3º kyu e acima
Gabriela Thieves (Yoshimura/Celestin) – infantil B – 3º kyu e acima

kumitê
Amanda Mendonça (Kami) – infantil B – 3º kyu e acima – absoluto

bronze (7)
katá
Caio Nunes Ribeiro (Yoshimura/Celestin) – mirim A, B e C – absoluto
Rocco Marchiori (Kami) – infantil – até 4º kyu – absoluto
Mellyssa Ferreira da Silva (Kami) – mirim A, B e C – absoluto

kumitê
Hevandro da Assunção Ribeiro (Yoshimura/Celestin) – adulto – 2º kyu e acima – até 67 kg
Heloisa Rossini da Costa (Kami) – infantil B – 3º kyu e acima – absoluto
Gabriela Thieves (Yoshimura/Celestin) – infantil B – 3º kyu e acima – absoluto
Adrielly Conceição (Kami) – infanto-juvenil – 3º kyu e acima – absoluto

2ª etapa classificatória do Brasileirão
ouro (3)
katá
Giulia Olsak Martins (Yoshimura/Celestin) – infantil B – 3º kyu e acima

kumitê
Giulia Olsak Martins (Yoshimura/Celestin) – infantil B – 3º kyu e acima – absoluto
Ana Beatriz Serrat Mees (Yoshimura/Celestin) – infanto-juvenil – 3º kyu e acima – absoluto

prata (1)
kumitê
Gabriela Thieves (Yoshimura/Celestin) – infantil B – 3º kyu e acima – absoluto

bronze (2)
katá
Rafael Chinelli Raimundo (Yoshimura/Celestin) – infanto-juvenil – 3º kyu e acima
Ana Beatriz Serrat Mees (Yoshimura/Celestin) – infanto-juvenil – 3º kyu e acima

Treinos – Os caratecas de Praia Grande treinam em cinco academias da Cidade. No Bairro Tupi, a equipe da Academia Gladiators tem comando do sensei Rodrigo Inácio. No Ocian, o grupo da Yamato Dojo é conduzido por Carolina Ramalho. No Samambaia, o time da Kami Dojo possui Ronaldo Rodrigues como mestre. No Boqueirão, o selecionado da Yoshimura Kyokai recebe orientação técnica do mestre Jorge Yoshimura. No Tupi, a turma da Seikan pertence ao técnico Márcio Papi. 

Há ainda, treinamentos públicos (gratuitos) disponibilizados pela Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL) de Praia Grande. Sob comando do professor Luiz Fernando de Almeida Antunes, faixa preta 3º Dan, as aulas acontecem no Ginásio da SEEL (Avenida Minsitro Marcos Freire, 33579, Bairro Tupiry), às terças e quintas-feiras, das 9 às 12 horas e das 14 às 17 horas; no Ginásio do Bairro Sítio do Campo (Rua Maria Luiza Lavalle, 180), às segundas, quartas e sextas-feiras, das 9 às 12 horas; e na Pista municipal de Atletismo (Rua José Bonifácio, 400, Bairro Sítio do Campo), às segundas, quartas e sextas-feiras, das 14 às 17 horas.

Sob orientação do professor Jorge Yoshimura, faixa preta 8º Dan, os ensinamentos são realizados de segunda a sexta-feira, após as 18 horas, e ocorrem no Ginásio Rodrigão (Av. Pres. Kennedy, 8169 – Mirim). Às segundas, quartas e sextas-feiras, das 13 às 17 horas, as atividades acontecem no Ginásio do Bairro Sítio do Campo (Rua Maria Luiza Lavalle, 180). Às terças e quintas-feiras, das 13 às 17 horas, as aulas desenvolvem-se no Centro de Apoio à Família do Educando (CAFE) do Bairro Vila Sônia (Rua João Andrade de Jesus, s/nº)

Visita Bruna Marquezine – Instituto Neymar Jr.

Eu amo praia grande!!! 

Equipe de Praia Grande é quarta colocada em etapa do Brasileiro de Rolimã

Time municipal competiu em Minas Gerais
20/7/2018

A equipe da Real Competições de Praia Grande destacou-se na disputa da terceira etapa do Campeonato Nacional Rolimã Brasil (CNRB), realizada em julho, no município de Brumadinho, em Minas Gerais. O grupo local constituído pelos pilotos Alexandre Queiroz, Alexandre Lugó e Regina Browczuk participa de eventos de Gravit Cars (carros que competem em ladeiras desprovidos de motores elétricos, sendo movidos apenas pela gravidade), uma das categorias da modalidade é a dos carros de rolimã. 

Na categoria flx, Regina assegurou a quarta colocação e Queiroz terminou na sexta posição. Nos três primeiros lugares ficaram Lucas Gonçalves (Betim/MG), Alexei Silva (Poços de Caldas/MG) e Juninho (Socorro/SP). Na classificação parcial do Campeonato Nacional Rolimã Brasil (CNRB), após três etapas realizadas nas cidades de Ponta Grossa (Paraná), Socorro (São Paulo) e Brumadinho (Minas Gerais), Alexandre Queiroz está na terceira colocação da flex e na quarta da speed. Regina (que é esposa de Queiroz) lidera a feminina flx e ocupa a quinta posição na speed. 

“Estou muito feliz pela quarta colocação que conquistei. A pista estava excelente, foi uma prova espetacular e uma competição de enorme sucesso. Fomos muito bem recebidos em Brumadinho”, afirmou Regina. “Agradeço a organização da disputa e aos nossos apoiadores Zip Lube Rei do Oléo, Grupo Paco Reciclagem, Forte Madeiras e Gráfica Print Center”.

Dados – A quarta etapa do Campeonato Nacional Rolimã Brasil ocorre em agosto (ainda sem data definida) na Cidade de Poços de Caldas, em Minas Gerais. No total, são 11 etapas ao longo do ano, realizadas nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Paraná. Há disputas das categorias speed, flex – força livre e feminina. Na speed, há regras rígidas para a construção dos carros, como peso e tamanho dos rolamentos. Na flex e na feminina, as medidas dos rolamentos são liberadas. 

O time de pilotos de Praia Grande conta com apoio das empresas Grupo Paco Shopping da Sucata, Zip Lub Rei do Óleo e Forte Madeiras e Ferragens. A Rolimã Brasil é uma liga esportiva que reúne organizadores e chefes de equipes do país em competições de rolimã e carros de inércia (gravity cars, skatecars e carrinhos de lomba). Outras informações podem ser obtidas no e-mail real.alex.re@hotmail.com e no endereço eletrônico https://www.facebook.com/rolimabrasil.

%d blogueiros gostam disto: