Philippe Coutinho recebe o título de homem da partida contra a Suíça

Prefeitura convoca estudantes para estágios remunerados

Candidatos devem comparecer à Sead até o dia 22 de junho
18/6/2018

A Prefeitura de Praia Grande convoca os candidatos abaixo relacionados para comparecerem no período de 18 a 22 de junho de 2018, no horário das 9h às 16 horas, na Divisão de Estágios, Planos de Carreira e Convênios da Secretaria de Administração (Sead). É preciso levar RG e atestado de matrícula, referente ao primeiro semestre de 2018, para retirada dos termos de compromissos de estágios e carta de encaminhamento para abertura de conta corrente.

Administração:
Danilo Mulero Navarro.

Direito:
Desiree Aliberti Oliveira;
Franciely Teodoro Notario;
Marco Aurelio Mendes Sabbag.

Sistema de informação /análise de sistemas / informática:
Daiana dos Santos Bittencourt;
Tiago Aniceto do Carmo;
Michelle Magda dos Santos.

Caso os candidatos não compareçam no prazo estipulado acima, perderão direito à contratação. A Sead fica no primeiro andar do Paço Municipal. O endereço é Avenida Presidente Kennedy, nº 9.000, no Bairro Mirim.

Convocações – Os candidatos que participaram do processo seletivo para vagas de estágio remunerado deverão acompanhar o site do Município (www.praiagrande.sp.gov.br) para ver as próximas listas de convocados, caso haja desistências.

Ônibus da Praia Grande não tem cestos de lixo

Não deveria ser comum, mas é uma realidade.

Passageiros dos ônibus da cidade de Praia Grande têm que conviver com a falta de estrutura da companhia. Além da má higienização dos coletivos, a falta de cestos de lixos nos carros provocam uma agravante ambiental ainda mais nocivo ao meio ambiente. Quem nunca se deparou com algum cidadão que dispensou seu lixo pelas janelas dos coletivos?

Nossa produção entrevistou alguns passageiros, que sem hesitar, manifestam muita indignação com a qualidade do serviço prestado. Veja o que disse uma usuária do transporte coletivo.

Pagamos caro pela tarifa da passagem. Os ônibus, na maior parte do dia, sempre estão lotados. Somos obrigados a pagar por um serviço de má qualidade e ainda se contentar em ir de pé de volta pra casa após um dia cansativo e estressante de trabalho. Tenho certeza que falta de recursos não é, pois não podemos ficar devendo sequer cinco centavos do valor da tarifa de R$ 4,05.

Disse Maria das Dores, usuária da linha 17 (Terminal Tude Bastos – Samambaia).