PG ganha medalha de bronze no Paulistão de Natação Petiz

Maria Eduarda sobe no pódio nos 800 livres
18/6/2018

A equipe de Praia Grande (Secretaria de Esportes e Lazer – SEEL –, Natação Praia Grande e Associação de Pais e Amigos – APADELP) conquistou uma medalha de bronze no Campeonato Paulista de Natação de Inverno, categorias petiz 1 e 2 (11 e 12 anos) – 19º Troféu Oswaldo Lopes Fiore, evento regido pela Federação Aquática Paulista (FAP). O evento, que reuniu 363 atletas, de 35 agremiações, foi finalizado no último domingo (17) e ocorreu na piscina de 25 metros do Itaguará Country Clube, em Guaratinguetá.

Competindo na petiz 2, a nadadora Maria Eduarda de Oliveira Rodrigues ficou em terceiro lugar nos 800 metros livres com o tempo de 10min15seg77. Foi ainda quarta colocada nos 200 medley com 2min46seg93, sexta nos 400 livres com 5min04seg45 e sétima nos 100 costas com 1min17seg97. Além dela, outros dois atletas da Cidade competiram no evento estadual sob orientação técnica do professor Régis dos Anjos Aguiar.

Ainda na petiz 2, João Pedro Cabral Domeneguetti acabou em oitavo lugar nos 100 borboleta com 1min17seg94, 26º nos 200 medley com 3min00seg11, 28º nos 100 peito com 1min36seg40 e 59º nos 200 livres com 2min49seg42. Já Daniel Rezende Fidélis encerrou na 13ª posição nos 800 livres com 10min38seg90, 23ª nos 400 livres com 5min15seg79, 27ª nos 200 livres com 2min31seg77 e 28ª nos 100 livres com 1min10seg06. No geral, entre 35 agremiações, a equipe de Praia Grande terminou na 22ª colocação. 


Dados – Em 2017, o time praia-grandense obteve um resultado histórico no evento estadual. Na petiz 2, Anna Beatriz Costa Machado venceu quatro provas e estabeleceu dois novos recordes paulistas. Ela venceu os 400 metros livres, com o tempo de 4min41seg30 e os 200 livres com 2min13seg24. Foi campeã ainda das disputas de 100 peito e dos 200 medley. Já Gustavo Xavier Nogueira conquistou duas medalhas de bronze nas provas de 100 costas e 100 borboleta, e ficou em sétimo lugar nos 200 livres e oitavo nos 200 medley.

Na classificação geral por equipes, com a pontuação obtida por Anna (56 pontos), o time de Praia Grande terminou em terceiro lugar na disputa feminina da categoria petiz 2. Nas duas primeiras posições encerraram os selecionados do Serviço Social da Indústria (SESI)/São Paulo com 86 pontos, e Nosso Clube de Limeira com 64 pontos. Estes dois times tinham mais de uma atleta competindo. 

Em 2016, o time de Praia Grande conquistou três medalhas de bronze no evento. Na petiz 1, Anna Beatriz Costa Machado subiu no pódio nos 100 peito e 100 medley. Na petiz 2, Queila Ribeiro de Moraes ficou em terceiro lugar nos 800 livres. Em 2015, na petiz 2, Marina Lapetina Santos foi a sexta melhor nos 200 medley. Em 2014, o grupo municipal não participou do evento. Em 2013, na petiz 2, Victor Rodrigues Ferreira venceu os 100 peito, com o tempo de 1min13seg68, novo recorde paulista. Faturou ainda os bronzes nos 200 medley e nos 100 livres. Em 2008, Patrícia Pedroso Neumann, 12 anos, venceu os 800 livres, 100 borboleta e 200 medley. 

Os atletas de Praia Grande treinam na piscina municipal (Avenida Presidente Castelo Branco s/nº, Bairro Mirim). Na Cidade, o esporte competitivo é conduzido pela Secretaria de Esportes e Lazer (SEEL). Há ainda escolinha municipal através do programa SuperEscola, mantido pela Secretaria de Educação (Seduc).

Time sub-18 avança à final do Paulista Metropolitano de Futsal

Equipe da Cidade disputa a série bronze
18/6/2018

A equipe masculina sub-18 de Praia Grande/Ocian Praia Clube (Secretaria de Esporte e Lazer – SEEL, Sucos Camp, Centro de Treinamento Falcão 12 e Liga Praia-grandense de Futsal – LPFS) está classificada para a decisão da série bronze do Campeonato Metropolitano Estadual de Futsal, série A-1, evento regido pela Federação Paulista (FPFS). No último sábado (16), no Ginásio Presidente Ciro I, em São Paulo, na Capital, ocorreu o jogo semifinal.

Os rapazes de Praia Grande venceram os do Lausanne Paulista Futebol Clube por 6 a 3 (Luiz Gustavo – 2, Samuel – 2, Felype e José Eduardo). Vale ressaltar que neste sábado (23), ainda sem horário definido pela FPFS, também no Ginásio Presidente Ciro I, na decisão, a turma praia-grandense vai enfrentar a do Wimpro Guarulhos, que na semifinal derrotou o time do FAE/Osasco/Audax por 4 a 3. 

Eliminados – No último sábado (16), também na Capital, na semifinal da série bronze, a equipe sub-16de Praia Grande perdeu para a do Centro Esportivo da Penha por 5 a 0 e assim foi eliminada da competição. O título será disputado entre CE Penha e Wimpro Guarulhos que na outra semifinal derrotou o grupo do Clube Internacional de Regatas de Santos por 3 a 0.

No último dia 9, na série prata, duas equipes de Praia Grande foram eliminadas da competição estadual. Em jogo único, a turma sub-12 da Cidade empatou com a da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB/SP) por 2 a 2 e perdeu a vaga para a fase semifinal por ter realizado campanha inferior na primeira fase do torneio. Já o selecionado praia-grandense sub-14 foi derrotado pelo Clube Atlético Taboão da Serra por 3 a 2.

Dados – Na primeira fase do Metropolitano, as equipes jogaram todas contra todas (dentro de cada grupo), em turno e returno. As cinco primeiras colocadas de cada chave, mais a sexta melhor colocada no geral (juntando-se todos os grupos), avançaram à segunda etapa (oitavas de final – 16 melhores). Os vencedores dos jogos das oitavas de final qualificaram-se à série ouro e os perdedores à série prata. Já os times que ficaram entre o 17º lugar e o 24º na classificação geral da primeira fase da competição, disputam a série bronze. 

Na classificação final da primeira fase, na chave A, o time sub-12 de Praia Grande obteve três vitórias, um empate, três derrotas, 26 gols feitos e 25 sofridos. O sub-14 conquistou três triunfos, uma igualdade, três perdas, 17 gols prós e 20 contras. O sub-16 faturou uma vitória, um empate, cinco derrotas, 12 gols feitos e 22 sofridos. O sub-18 teve dois ganhos, um empate, quatro perdas, 17 gols prós e 23 contras.

É a primeira vez que os times de base de Praia Grande disputam o Metropolitano na série A-1 (reúne as equipes mais fortes do Estado). Até a última temporada, os meninos da Cidade jogavam na A-2 (divisão de acesso). A Federação Paulista forma um ranking dos times (que leva em conta critérios técnicos), aqueles que alcançam uma determinada pontuação têm a possibilidade de disputar a A-1. 

Retrospecto – Em 2017, na série A-2, os times da Cidade avançaram à segunda fase da competição. Os quatro primeiros colocados de cada grupo (A e B) na etapa inicial qualificaram-se a chave ouro; os quinto e sextos foram para a chave prata; os demais times disputaram a chave bronze (com exceção do 11º e último colocado da chave B, pois este foi eliminado diretamente). E ainda, as equipes eliminadas na primeira rodada (quartas de final) da chave ouro, disputaram as semifinais da prata.

Na chave ouro, a turma praia-grandense sub-14 empatou, em 1 a 1, com o grupo do Clube Atlético Tabuca Júniors. Por ter realizado melhor campanha na primeira fase do torneio, o time de Taboão da Serra avançou a decisão. Na sub-16, os rapazes da Cidade perderam, por 9 a 2, para o selecionado da Associação Desportiva Classista São Bernardo do Campo. Já na chave prata, os meninos da sub-12 de Praia Grande caíram, por 4 a 2, diante do Santo André Futsal.

Em 2016, na A-2, a equipe masculina sub-10 de Praia Grande terminou em quarto lugar. Na semifinal, a equipe local foi derrotada por Lausanne Paulista, por 6 a 3 e 4 a 3. Na fase quartas de final, a seleção municipal sub-12 de Praia Grande perdeu, por 3 a 2 e 2 a 1, para o Suzano Futsal e acabou sendo eliminada. Nas oitavas de final (16 melhores) outros três times da Cidade foram desclassificados. A equipe sub-14 perdeu, por 3 a 1 e 5 a 1, para a do Clube Comercial de Lorena. O time sub-16 de Praia Grande caiu, por 6 a 3 e 5 a 3, diante da Associação Desportiva São Bernardo. Os rapazes da sub-17 venceram por 3 a 1 e perderam por 7 a 0 para o Clube Atlético Guarulhense.

Jogos – Confira as escalações e todos os resultados das equipes de Praia Grande no Campeonato Metropolitano Estadual de Futsal 2018, série A-1:

sub-18 – Competem pelo município José André Santana Santos, Eduardo Costa Dalle Piaggi, Matheus dos Santos Theodoro Pereira, Fernando Ribeiro Marques Junior, João Victor Mendes Penariotti, Felype Fernandes Mouzinho, Thiago Wehinger de Oliveira, Alef Serrat Pinheiro, Kauê da Silva Rodrigues, Vitor Luis Acioli Garcia, Leonardo Pereira Trindade, Mateus Riechelmann de Freitas, Eduardo Vaz Cabril Miyazi, Luiz Gustavo da Silva Ferreira, Taylor Matheus da Silva Conceição e João Pedro Pereira Campos. Técnico: Caio Bruno Monzem. Auxiliar: Mike Fernandes dos Santos Cruz. 

1ª fase
10/3 – São José Futsal 6 x 5 Praia Grande/Ocian Praia Clube 
7/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 1 Lausanne Paulista FC
12/4 – SE Palmeiras 5 x 1 Praia Grande/Ocian Praia Clube
14/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 4 AABB/São Paulo
21/4 – Mogi das Cruzes EC 1 x 2 Praia Grande/Ocian Praia Clube
22/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 2 Associação Sorocabana Futsal/Magnus
28/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 4 Santos Futebol Clube
quartas de final – série bronze
19/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 2 Mogi das Cruzes Esporte Clube
semifinal
16/6 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 6 x 3 Lausanne Paulista Futebol Clube (*PG qualificada a final)

sub-16 – Atuam pela Cidade Felipe Silva de Santana, Jhonatan do Nascimento Domingos, Yuri França da Silva, Gabriel Araújo dos Santos, Nathan Takahashi de Souza Aguiar, Lucas Lewis da Silva, Guilherme Batista Andrade da Silva, Pedro Henrique Araújo Valadares, Edson Oliveira da Silva, Carlos Eduardo Augusto de Jesus, Fabricio Prieto Cirilo Diniz da Silva, Eduardo dos Santos Braz, Lucas Decindi Alexandrino, Rafael Expedito Amaral de Sousa, Willian Gabriel Ferreira Santos, Leonardo Amaral Aurichio e Matheus Queiroz de Souza. Técnico: Matheus Cassita Gonçalves. Auxiliar: Igor de Oliveira Gonçalves. 

1ª fase
10/3 – São José Futsal 2 x 1 Praia Grande/Ocian Praia Clube 
24/3 – SE Palmeiras 4 x 3 Praia Grande/Ocian Praia Clube
7/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 4 x 1 Lausanne Paulista FC
14/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 1 x 3 AABB/São Paulo
21/4 – Mogi das Cruzes EC 1 x 1 Praia Grande/Ocian Praia Clube
22/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 1 x 5 Associação Sorocabana Futsal/Magnus
28/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 1 x 6 Santos Futebol Clube
quartas de final – série bronze
19/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 4 x 1 São Caetano do Sul Futsal 
semifinal
16/6 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 0 x 5 Centro Esportivo Penha (*PG eliminada)

sub-14 – Jogam por Praia Grande Kauê Bastos de Carvalho, Cleberson Lucas de Oliveira Neves, Lincoln Antunes da Silva, Kayque Guilherme de Campos Silva, Luiz Rafael Silva Gomes, Raul Vinicius Damacena, Lucas Morales Martins, Kaíque Rosário de Lima, Pedro Henrique Marinho de Melo, Nathan de Lima Costa, Mike Iverson Santos Barriento, Nycolas Souza da Silva, Dherik Coelho Martins, Gustavo Wendrel Quadros da Cruz, Fabricio Menezes dos Santos, Lucas Fernandes Gomes dos Santos, Kauã Carvalho de Jesus, Kayque Bernardo Nascimento, Marcos Vinicius Freitas de Souza e Periques Junior Magalhães Lisboa. Técnico: Caio Bruno Monzem. Auxiliar: Matheus Cassita Gonçalves.

1ª fase
10/3 – São José Futsal 0 x 5 Praia Grande/Ocian Praia Clube 
24/3 – SE Palmeiras 4 x 0 Praia Grande/Ocian Praia Clube
7/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 5 x 3 Lausanne Paulista FC
14/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 2 AABB/São Paulo
21/4 – Mogi das Cruzes EC 5 x 0 Praia Grande/Ocian Praia Clube
22/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 2 Associação Sorocabana Futsal/Magnus
28/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 4 Santos Futebol Clube
2ª fase (oitavas de final)
6/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 2 Sociedade Esportiva Elite Itaquerense/WF Brasil
12/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 6 Sociedade Esportiva Elite Itaquerense/WF Brasil
quartas de final – série prata
9/6 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 3 CA Taboão da Serra (*PG eliminada)

sub-12 – Atuam pela Cidade Pedro Henrique Ramiel, Wallace Vicente Matias Rosa Izzo, Guilherme Souza Gomes, Marcos Vinicius Fortmuller, Felipe Mendes Santos, Pedro Torres Cardoso, Luiz Henrique Reis Machado, Igor da Silva Cajé, Felipe Gabriel dos Santos Silva, Levi Ferreira Cunha, Gabriel Jerônimo Alves dos Santos, Kenai Freitas Souza, Lucas Monteiro Caldas, Thiago Gama da Silva, Gustavo Assis e Luis Felipe Gomes Barbosa Nunes. Técnico: Conrado de Andrade e Silva Antunes. Auxiliar: Igor de Oliveira Gonçalves.

1ª fase
10/3 – São José Futsal 5 x 4 Praia Grande/Ocian Praia Clube 
24/3 – SE Palmeiras 2 x 2 Praia Grande/Ocian Praia Clube
7/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 4 x 1 Lausanne Paulista FC
14/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 6 x 5 AABB/São Paulo
21/4 – Mogi das Cruzes EC 3 x 4 Praia Grande/Ocian Praia Clube
22/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 5 Associação Sorocabana Futsal/Magnus
28/4 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 4 Santos Futebol Clube
2ª fase (oitavas de final)
6/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 4 Sociedade Esportiva Palmeiras
12/5 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 0 x 7 Sociedade Esportiva Palmeiras
quartas de final – série prata
9/6 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 2 AABB/São Paulo (*PG eliminada por ter feito campanha inferior na primeira fase)



Copa PG de Futsal Menor tem rodadas decisivas

Em sete jogos, as redes balançaram 39 vezes
15/6/2018

Neste sábado (16) e na segunda-feira (18), nos Ginásios do Bairro Ocian, ocorrem as últimas partidas da primeira fase da Copa Praia Grande de Futsal Masculino, categorias menores (sub-7, sub-8, sub-10, sub-12, sub-12 bronze, sub-14 e sub-16), evento regido pela Liga Praia-grandense de Futsal (LPFS) com apoio da Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL) da Cidade. 

No sábado, no Ginásio do Ocian Praia Clube (Rua Comendador Oto Carlos Golanda, 80, Bairro Ocian), às 8 horas, na sub-14, jogam Império Futsal e Projeto Social Maxland Futsal/Anjos da Bola; às 8h30, na sub-8, atuam Império e Projeto Esportivo Esmeralda; às 9h10, na sub-8, duelam Ocian PC e Esporte Clube Vitória; às 9h50, na sub-7, confrontam-se Ocian Vermelho e Escola Celestin Freinet; às 10h30, na sub-14, enfrentam-se Império e Esmeralda; e às 11h10, na sub-14, entram em quadra Ocian Branco e Ocian Amarelo.

Ainda no sábado, só que no Ginásio do Delta Esportes (Rua Teofila Vanderlinde, 729, Bairro Ocian), às 14 horas, na sub-12 série bronze (não jogam atletas Federados, nem participantes de disputas da Liga Regional), jogam Delta Esportes e Ocian PC; e às 14h40, na sub-12 livre, atuam Tudsport e Colégio Recanto Educacional. Já na segunda-feira, no Ginásio do Ocian PC, às 19h15, na sub-12 livre, confrontam-se Tudsport e Ocian.

Gols – Um total de 39 gols em sete partidas (média superior a cinco gols por jogo) foi marcado na última segunda-feira (11), no Ginásio do Ocian Praia Clube (Bairro Ocian), na 14ª rodada da primeira fase da Copa Praia Grande de Futsal Masculino, categorias menores. Na sub-12, a turma do Tudsport venceu a do PE Esmeralda por 4 a 3. Na sub-12 série bronze, os times do Colégio Alpha e do Ocian Praia Clube empataram em 4 a 4. 

Na sub-14, a equipe do PS Maxland Futsal/Anjos da Bola ganhou do Ocian Amarelo por 4 a 2, a do Império Futsal goleou o Ocian Vermelho por 6 a 1 e a do Colégio Recanto Educacional derrotou a do Ocian Branco por 3 a 0. Na sub-16, os Guerreiros superaram o Ocian PC por 3 a 2 e a turma do Magic Soccer passou pela do Colégio Recanto por 3 a 0. Vale frisar que a LPFS não divulgou os jogos da próxima rodada.

Dados – No total, a competição reúne 15 agremiações: Escola Celestin Freinet (Bairro Guilhermina), Ocian Praia Clube (Ocian), Associação Recreativa Metropolitano (Ocian), Colégio Recanto Educacional (Boqueirão), Delta Esportes (Ocian), Colégio Alpha (Boqueirão), Esporte Clube Vitória (Vila Sônia), Projeto Esportivo Esmeralda (Esmeralda), Projeto Social Maxland Futsal/Anjos da Bola (Maxland), Magic Soccer (Ocian), Guerreiros do Futsal (Mirim), Império (Sítio do Campo), Tudsport (Sítio do Campo), AFA (Mirim) e Melvi Futsal (Melvi).

Na primeira fase, as equipes jogam todas contra todas em turno único, qualificando-se as quatro primeiras colocadas de cada categoria para a fase semifinal. As campeã e vice-campeãs ganham troféus e medalhas. As terceiras colocadas levam somente medalhas. Nas classes sub-7 e sub-8, as partidas têm dois tempos de 10 minutos. Na sub-10 e sub-12, são 12 minutos. Na sub-14 e sub-16, são 15 minutos.

Em 2017, a Copa Praia Grande ocorreu apenas na categoria adulta. A equipe do Richard’s Costelaria Futsal sagrou-se campeã e a do Colorado Futsal vice-campeã. O goleiro Rafael (RC Futsal) foi eleito o melhor da competição. O jogador Eliel (Metropolitano) garantiu o troféu de artilheiro do torneio com 10 gols marcados. Em 2016, na adulta, o evento foi vencido pela turma do Metropolitano e a equipe do RC Futsal ficou em segundo lugar.

Em 2015, na sub-8, a primeira colocação ficou com a garotada da Escola Celestin Freinet. Na sub-10, medalha de ouro para a turma do Esmeralda. Na sub-12, vitória da equipe do Esporte Clube Vitória. Na sub-14, o grupo do Projeto Cohab (Canto do Forte) conquistou o título. Na sub-16, a taça de campeão ficou com o selecionado do Esmeralda.
Pontos – Confira a classificação parcial da Copa Praia Grande de Futsal Masculino 2018:

Categoria sub-7
1º AFA – 9 pontos, 3 vitórias, 1 derrota, 10 gols prós e 5 gols contras;
2º Ocian Vermelho – 9pts, 3v, 1d, 9gp, 7gc;
3º Ocian Amarelo – 6pts, 2v, 2d, 6gp, 5gc;
4º Delta – 3pts, 1v, 3d, 11gp, 13gc;
5º Escola Celestin Freinet – 0pt, 2d, 6gc.

Sub-8
1º Império – 12pts, 4v, 19gp, 4gc;
2º Delta – 12pts, 4v, 1d, 19gp, 5gc;
3º AFA – 6pts, 2v, 2d, 12gp, 8gc;
4º Esmeralda – 4pts, 1v, 1empate, 2d, 4gp, 11gc;
5º Vitória – 1pt, 1e, 2d, 3gp, 14gc;
6º Ocian – 0pt, 4d, 1gp, 16gc.

Sub-10
1º Império – 9pts, 3v, 13gp, 4gc:
2º Escola Celestin Freinet – 7pts, 2v, 1e, 8gp, 4gc;
3º AFA – 6pts, 2v, 2d, 9gp, 10gc;
4º Maxland/Anjos da Bola – 5pts, 1v, 2e, 5gp, 4gc;
5º Esmeralda – 3pts, 1v, 1d, 4gp, 7gc;
6º Delta – 2pts, 2e, 1d, 1gp, 3gc;
7º Ocian – 1pt, 1e, 2d, 1gp, 4gc;
8º Melvi – 0pt, 3d, 7gp, 10gc.

Sub-12
1º Colégio Recanto – 9pts, 3v, 18gp, 4gc;
2º Ocian – 6pts, 2v, 1d, 13gp, 5gc;
3º Esmeralda – 4pts, 1v, 1e, 3d, 9gp, 20gc;
4º Tudsport – 3pts, 1v, 3d, 8gp, 19gc;
5º Melvi – 1pt, 1e, 2gp, 2gc.

Sub-12 bronze
1º Maxland/Anjos da Bola – 14pts, 4v, 2e, 16gp, 8gc;
2º Império – 11pts, 3v, 1e, 1d, 16gp, 12gc;
3º Colégio Alpha – 7pts, 2v, 1e, 2d, 10gp, 10gc;
4º Ocian – 4pts, 1v, 1e, 1d, 8gp, 7gc;
5º AFA – 4pts, 1v, 1e, 3d, 11gp, 12gc;
6º Delta – 1pt, 1e, 3d, 5gp, 11gc.

Sub-14
1º Colégio Recanto – 12pts, 4v, 1d, 31gp, 6gc;
2º Ocian Vermelho – 9pts, 3v, 1d, 16gp, 14gc;
3º Império – 9pts, 3v, 1d, 16gp, 8gc;
4º Maxland/Anjos da Bola – 9pts, 3v, 1d, 15gp, 14gc;
5º Ocian Branco – 3pts, 1v, 3d, 6gp, 10gc;
6º Ocian Amarelo – 3pts, 1v, 4d, 16gp, 29gc;
7º Esmeralda – 0pt, 4d, 12gp, 31gc.

Sub-16
1º Colégio Recanto – 12pts, 4v, 1d, 15gp, 6gc;
2º Guerreiros – 9pts, 3v, 2d, 10gp, 9gc;
3º Metropolitano – 7pts, 2v, 1e, 2d, 17gp, 9gc;
4º Magic Soccer – 7pts, 2v, 1e, 2d, 13gp, 19gc;
5º Ocian – 4pts, 1v, 1e, 2d, 12gp, 13gc;
6º Esmeralda – 1pt, 1e, 3d, 2gp, 13gc.