Taekwondo competitivo de Praia Grande treina no Tupi

Taekwondo competitivo de Praia Grande treina no Tupi
Grupo da Cidade reúne mais de 30 atletas
17/6/2019

O Ginásio Rodrigão (Avenida Presidente Kennedy, 5593, Bairro Tupi) é a sede do polo de treinamento e desenvolvimento competitivo de taekwondo feminino e masculino de Praia Grande (Secretaria de Esportes e Lazer – SEEL). As aulas reúnem mais de 30 praticantes de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas. Os ensinamentos são ministrados pelo técnico Henrique Manaroulas, de 56 anos.

Formado em Educação Física e pós-graduado em Fisiologia do Exercício, Manaroulas é faixa preta 2º Dan. “Meu objetivo é preparar uma equipe que represente a Cidade nas principais competições do Estado. Nos últimos anos, o trabalho tem sido positivo. Trouxemos diversos troféus e destacamos o nome de Praia Grande na modalidade. Em 2019, a meta é conquistar medalhas nos Jogos Regionais. Vamos com a equipe completa na categoria masculina e com duas atletas na feminina”.

Atletas – Aluno da Escola Estadual Doutor Reynaldo Kuntz Busch, o faixa ponta preta (1º gub) Marcello Melchioretto Figueiredo, de 17 anos, começou na modalidade por meio de polo do Programa SuperEscola. “Descobri a modalidade aos 13 anos. Queria entrar nas aulas de caratê, mas não havia mais vagas. Então, resolvi experimentar o taekwondo e acabei me encantando. Neste ano eu comecei a competir e estou gostando bastante. Quero chegar à faixa preta em breve e continuar representando a Cidade”.

O faixa ponta vermelha Gustavo Farias de Oliveira, de 14 anos, é aluno da Escola Estadual Vila Tupi. “Iniciei no taekwondo em 2015. Assistia muitos filmes de artes marciais e gostava. Então, procurei um esporte que me aproximasse de fazer o que eu via. Amo lutar e competir. Na competição o ritmo é mais intenso e eu fico bastante ansioso. Tenho orgulho de representar Praia Grande e vou seguir na modalidade por toda a vida”.

Mostrando iniciativa e técnica desde muito novo, o faixa verde Henrique Maestre Cortez, de 10 anos, é aluno da Escola Municipal José Padin Mouta. “Eu sempre gostei de arte marcial. Em 2016, quis começar a praticar o taekwondo para aprender a me defender e lutar. Adoro a modalidade, tanto o kyorugui como o poomse. Competir foi uma coisa natural. Em dia de evento, eu fico bastante cansado, mas sempre saio feliz do tatame”.

Dados – A SEEL de Praia Grande oferta gratuitamente aos munícipes polos para treinamento e desenvolvimento competitivo em 23 modalidades esportivas: atletismo, basquete, biribol, capoeira, caratê, futebol, ginástica artística e rítmica, handebol, hidroginástica, natação, taekwondo, tênis de mesa, vôlei, vôlei de praia, xadrez e ainda, atletismo e natação para pessoas com deficiência (PcD). A competição é coordenada pelo diretor do Departamento Esportivo da SEEL Cláudio Camarão.

As aulas destinam-se a meninos e meninas de diversas faixas etárias – inclusive pessoas com deficiência (PCD) física, intelectual ou visual, de segunda a sexta-feira, em mais de 10 Bairros da Cidade. Para participar de qualquer polo, o interessado tem duas possibilidades: integrar as turmas de iniciação do Programa Superescola (e quando indiciado pelo professor responsável ser encaminhado para a equipe de competição) ou fazer um teste diretamente na equipe de competição. Para tanto, basta comparecer ao local dos treinamentos, com documento de identidade (de preferência com foto) e passar por avaliação técnica realizada pelos técnicos responsáveis por cada modalidade. Outras informações podem ser obtidas no telefone 3496-5609.

Seu comentário é importante!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close