Caminhões da coleta seletiva passarão pelos bairros de PG nos mesmos dias da recolha de lixo domiciliar


Ampliação do sistema será anunciada nesta sexta (17), em evento no Bairro Quietude
13/5/2019

A reciclagem é um importante trabalho para a manutenção da saúde do planeta e das pessoas, com a redução do consumo de matéria prima e a diminuição da poluição. Pensando nisso, Praia Grande ampliará a coleta seletiva realizada na Cidade com a aquisição de seis novos caminhões destinados exclusivamente para o serviço. Com a melhoria, a recolha do material reciclável acontecerá meia hora antes da coleta de lixo domiciliar, atendendo três vezes por semana cada bairro da Cidade. O lançamento oficial da ação será anunciado pelo prefeito Alberto Mourão nesta sexta-feira (17), às 9h30, no Espaço Alvorada, Bairro Quietude, em evento que celebrará o Dia Internacional da Reciclagem.

A intenção é que o novo cronograma da coleta seletiva (que antes acontecia somente 1 vez por semana) comece a funcionar já na sexta-feira. Durante o evento, além da presença dos novos caminhões, tratores e máquinas que atuam na manutenção urbana da Cidade também estarão presentes para o anúncio do início dos trabalhos do programa Cidade Total no Bairro Quietude.

Com as mudanças, a intenção da Prefeitura é dobrar a capacidade de recolha na Cidade. Somente de janeiro a dezembro de 2018, Praia Grande recolheu 10.385.320 kg de materiais recicláveis.

O diretor do departamento de Manutenção Ambiental, Marcelus Condé Machado, explicou que a ideia é que as pessoas criem o costume de separar seu lixo limpo com a mesma frequência do lixo comum. “Todos têm papel fundamental nesse trabalho, por isso, orientamos que as pessoas separem os itens reaproveitáveis dos orgânicos e, sempre que possível, identifiquem o material, utilizando uma sacola diferenciada na cor verde”.

Tipos de coleta – Praia Grande conta com dois tipos de serviço de coleta seletiva: coleta solidária e coleta domiciliar. No trabalho de coleta solidária, a ação é feita em repartições públicas de Praia Grande. Já no serviço domiciliar, os caminhões contam com caixas de som, que avisam aos moradores da presença dos veículos.

Ecopontos – Criado para evitar o descarte de materiais inservíveis e itens recicláveis em locais irregulares, o primeiro ecoponto foi inaugurado em 2012, no Bairro Aviação. Atualmente, Praia Grande conta com 15 unidades, que funcionam de segunda a sábado, das 8 às 17 horas. Os equipamentos ficam nos seguintes bairros: Aviação, Sítio do Campo, Mirim, Nova Mirim, Real, Caiçara, Maracanã, Boqueirão, Solemar, Ribeirópolis, Ocian, Canto do Forte, Anhanguera, Vila Sônia e Melvi.

As unidades possuem caçambas com capacidade para comportar até 4 m³ de resíduos cada uma. É possível descartar os seguintes materiais: vidro, plástico, entulho, metal e madeira. Além disso, os ecopontos recebem até 2m³ de entulho (resíduos da construção civil) por pessoa – para volumes maiores, é necessário que a pessoa contrate o serviço de aluguel de caçamba particular.

Todas as unidades recebem também pilhas e óleo de cozinha; os ecopontos Caiçara e Aviação recebem também o descarte de pneus. E em 2019, cinco novos bairros receberão Ecoponto, são eles Tupi, Quietude, Esmeralda, Antártica e Guilhermina.
Separação dos materiais – A oportunidade de um trabalho digno, com mais segurança, além de totalmente regularizado. Estas são apenas algumas das vantagens que cerca de 100 cooperados e associados têm ao atuar nas entidades responsáveis pela separação e encaminhamento para o reaproveitamento dos itens recolhidos na Cidade através da Coleta Seletiva e das 15 unidades Ecopontos. São elas: Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis (Acamar), inaugurada em maio de 2018, e a Cooperativa de Coletores e Recicladores de Materiais Inorgânicos Nova Vida (Coopervida).

Os recicladores, antes catadores de lixo que atuavam irregularmente na Área de Transbordo de Praia Grande, atuam hoje em espaços amplos, dignos e bem planejados, construídos pela Administração Municipal, passam por capacitações e orientações, além de contar com equipamentos modernos, para a separação, embalagem e armazenamento, assim como também Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) obrigatórios, tudo também fornecido pela Prefeitura, para desenvolverem o seu trabalho de forma eficiente e digna.

Cronograma – A partir do dia 17, a coleta seletiva passará meia hora antes da coleta domiciliar. Confira novo cronograma completo:

  • Terça, quinta e sábado (dia)
    Anhanguera, Antártica, Glória, Nova Mirim, Quietude, Santa Marina, Sítio do Campo (lado Guaramar), Tupiry e Vila Sônia.
  • Segunda, quarta e sexta (noite)
    Aviação, Boqueirão, Canto do Forte, Guilhermina, Sítio do Campo (lado Kartódromo) e Tupi.
  • Terça, quinta e domingo (noite)
    Caiçara, Maracanã, Mirim, Ocian e Real.
  • Segunda, quarta e sexta (dia)
    Cidade da Criança, Esmeralda, Flórida, Melvi, Princesa, Ribeirópolis, Samambaia e Solemar.

Cidade Total – O programa, iniciado em março no Sítio do Campo, leva diversos serviços de cidadania, manutenção e soluções de demandas a todos os bairros da Cidade. Estão envolvidas no enfrentamento aos problemas as seguintes secretarias: Serviços Urbanos, Urbanismo, Saúde, Obras, Planejamento, Meio Ambiente, Governo, Gabinete, Assistência Social, Trânsito e Transporte. Reuniões técnicas entre os setores são realizadas para definição dos detalhes e cronograma de trabalho.

Um comentário em “Caminhões da coleta seletiva passarão pelos bairros de PG nos mesmos dias da recolha de lixo domiciliar

  1. Vim morar em PG, e achei muito arcaico não ter coleta seletiva todos os dias da coleta de lixo. Agora sim estou feliz, pois a PG estará contribuindo mais com a preservação do meio ambiente, porém sabemos que é necessário o envolvimento da população.

Seu comentário é importante!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close