fbpx
  • +55 13 99615 8477
  • vendas@euamopg.com

Saúde se mobiliza em prol da redução da mortalidade materno-infantil em Praia Grande

Saúde se mobiliza em prol da redução da mortalidade materno-infantil em Praia Grande

Cerca de 400 profissionais participaram da capacitação
4/10/2018
 

Profissionais de Saúde de Praia Grande e também de toda a região estiveram mobilizados, nos dias 2 e 3 de outubro, para o enfrentamento da mortalidade materno-infantil. Para fortalecer as ações já desenvolvidas no Município, uma capacitação reuniu equipes que atuam em toda a rede básica e no Hospital Municipal Irmã Dulce. 

O objetivo foi buscar informações que possam instruir e intensificar medidas que favoreçam o quadro atual. Cerca de 400 profissionais de todos os setores como, Atenção Básica, Especialidades, Hospital e Urgência e Emergência participaram do treinamento que contou com oficinas e rodas de conversa. Nossa dedicação diminuir a mortalidade materno infantil na cidade. Além do comprometimento dos profissionais dos diversos setores da saúde e da parceria com o Estado, o rigoroso cumprimento de protocolos e fluxos poderão permitir uma sensível melhora nos próximos levantamentos destes indicadores”, disse o secretário de Saúde Cleber Suckow Nogueira.

Organizado pelo Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NEPS), da Secretaria de Saúde Pública (Sesap), em conjunto com o setor de Educação Continuada e a Diretoria de Enfermagem, do Complexo Hospitalar Irmã Dulce, o treinamento foi acompanhado por articuladores do Departamento Regional de Saúde (DRS-IV) e da Secretaria Estadual de Saúde.

O trabalho conjunto, já em andamento em Praia Grande, foi elogiado por representantes da Secretaria Estadual de Saúde, que participaram da capacitação. “Observamos que o município já realiza muitas ações para o enfrentamento à mortalidade materno-infantil como as capacitações, mapeamento, visitas às unidades, comitê de mortalidade e outras. Queremos nos aproximar mais das causas que motivam estes índices negativos para saber o que ainda precisa ser feito por nossas mulheres e bebês e como as equipes constroem essa vinculação e compromisso com as gestantes, por exemplo”, destacou Cristiane Marchiori, doutora em Saúde Pública, da Secretaria Estadual de Saúde.

Conforme a subsecretária da Assistência de Saúde de Praia Grande, Dorian Rojas, a oportunidade de ouvir os agentes que lidam diariamente com a realidade ajuda a complementar as iniciativas atuais. “Somente com a mobilização da atenção básica, especialidades e do hospital atuando na prevenção é que vamos poder construir uma resposta para que tenhamos melhores resultados na produção do cuidado e reduzir o índice de mortalidade materno-infantil”, enfatizou.

Denominado Produção do Cuidado na Linha Materno-Infantil, o treinamento foi organizado pela enfermeira Liliana Vaz de Lima, diretora da Divisão do Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NEPS), da Sesap, em conjunto com o setor de Educação Continuada, a cargo da enfermeira Fabiana Dourado, e sob coordenação da Diretora de Enfermagem, do Complexo Hospitalar Irmã Dulce, Renata Meroti.

ADM5

Seu comentário é importante!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: