• +55 13 99615 8477
  • osvaldo.costa@euamopg.com

Alunos da Complementação conhecem de perto o habitat marinho em Praia Grande

Alunos da Complementação conhecem de perto o habitat marinho em Praia Grande

Estudantes visitaram a exposição Oceano organizada pelo Mantas do Brasil
30/8/2018
 

Ter a impressão que estão no fundo do mar e conhecer de perto a diversidade de espécies que existem no habitat marinho. Somado a isso, presenciar o impacto causado pelos seres humanos em rios e mares devido ao descarte irregular de lixos e outros tipos de dejetos. Essas foram as experiências vividas pelos alunos das escolas de Complementação Educacional 19 de Janeiro (Bairro Samambaia) e Antônio Peres Ferreira (Vila Sônia). Nesta quarta-feira (29), o grupo visitou a exposição Oceano organizada pelo Projeto Mantas do Brasil, situada no Centro Cultura Patrícia Galvão, em Santos.

A principal atração da visita, o Oceanário convida os alunos a um mergulho em mar aberto. Para isso, as crianças entram em uma espécie de iglu inflável e se acomodam no chão. Uma vez no local, todo o teto e paredes são transformados em um telão gigante, onde ocorre a projeção do vídeo que conta desde a criação do universo até chegar aos dias de hoje, mostrando a vida marinha em seu habitat natural.

Em algumas cenas, de tão realista e com projeção 3D, cardumes de peixes, raias mantas e tartarugas parecem estar a um palmo de distância. Para o jovem Breno Eduardo Lotero Souza de Oliveira, 14 anos, da EM Antônio Peres Ferreira, o Oceanário foi o ponto alto da visita. “Muito interessante, desde o cenário até as informações. Tinha coisa que eu não sabia e acabei de aprender. Fora o realismo das imagens parecia que estávamos dentro do mar”.

Outra atividade que chamou a atenção dos alunos, a peça teatral Oceano busca conscientizar as crianças com uma ambientação especial para que o público sinta que está debaixo d’água. Encenado com seres marinhos como anêmonas e corais, tubarão-martelo, animais exóticos das profundezas e, claro, a raia manta, o espetáculo tem como objetivo sensibilizar sobre a necessidade de preservação do ambiente.

Também da EM Antônio Peres Ferreira, a estudante Ana Luiza Bassedom Tereza, 14 anos, a jovem achou as atividades bem diferentes. “Desde a montagem até a apresentação faz com que a gente participe e interaja com o conteúdo. Achei muito surpreendente! Tinha uma noção, mas não tanta do mal que os seres humanos podem causar para os animais. Isso precisa mudar”, ratificou a aluna.

Além das duas unidades, alunos de outras escolas da rede municipal de Praia Grande também tiveram a oportunidade de viver essa experiência. Os grupos visitaram o local nestas terça e quarta-feira (28 e 29). Foram as EMs: Fausto dos Santos Amaral, Carlos Eduardo Conte de Castro, João Gonçalves, Sônia Marise Domingues, Hilda de Carvalho Guedes e Eduardo Gonsalves do Barreiro.

Até quando? – O Oceano fica em Santos até sábado (1º), no Centro Cultural Patrícia Galvão, localizado na Avenida Senador Pinheiro Machado, 48, Bairro Vila Matias. Todas as atrações são totalmente gratuitas e as atividades não tem restrição etária. Porém, menores devem estar acompanhados dos pais ou responsável. Os ingressos disponíveis serão distribuídos conforme a ordem de chegada do público. 

ADM5

Seu comentário é importante!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: