fbpx
  • +55 13 99615 8477
  • vendas@euamopg.com

Profissionais da Saúde colaboram para final feliz de gato ‘fujão’

Profissionais da Saúde colaboram para final feliz de gato ‘fujão’

Casal achou animal na Divisão de Saúde Ambiental e Proteção à Vida Animal
27/7/2018

Um animal de estimação é considerado por muitas pessoas como um membro da família. Cães, gatos, pássaros e outros bichos passam a ser indispensáveis na vida de seus donos. Agora imagina, de uma hora para outra, o seu bichinho de estimação foge de casa. Você o procura por mais de dois meses e quando está perdendo as esperanças, acaba por encontrá-lo em um lugar que nem imaginava. Essa história aconteceu em Praia Grande com a Jéssica Ribeiro dos Santos, Mayara da Silva Machado e Filo, um simpático gatinho ‘fujão’. A equipe de profissionais da Divisão de Saúde Ambiental e Proteção à Vida Animal da Secretaria de Saúde Pública (Sesap) da Cidade teve papel determinante para esse reencontro e o final feliz dos três.

A oferta de vagas de trabalho trouxe Jéssica e Mayara para Praia Grande no início de 2018. Filo não poderia faltar e veio junto. As representantes comerciais de uma empresa de telefonia vieram de Campinas e rapidamente se adaptaram ao Município. O Bairro Aviação foi o escolhido para morar. Inicialmente, o casal escolheu uma casa para residir. Mal sabiam que essa decisão traria um problema na frente.

A área de serviço da casa tinha uma fenda entre o muro e o telhado. Esperto, Filo percebeu a oportunidade e sem que suas donos percebessem, resolveu dar uma volta e conhecer a vizinhança. O drama começava aí. O passeio foi um pouco mais demorado e o gato não voltou para casa. 

Jéssica e Mayara entraram em desespero. Procuraram Filo por toda parte. Passaram horas, dias, semanas e meses e nada de encontrar o amado animal. As duas fizeram cartazes, conversaram com os vizinhos e moradores dos arredores. De nada adiantou, todos os esforços foram em vão. 

Já sem esperanças nenhuma de ter de volta o gatinho que era a alegria da casa, as duas conversaram e entraram em acordo: era chegada a hora de começar uma nova fase na vida. Adotar um outro gato foi a decisão tomada. Um amigo indicou o serviço de adoção desenvolvido pela Divisão de Saúde Ambiental e Proteção à Vida Animal. Foi então que essa história deu uma reviravolta.

Na sede da unidade as duas visitaram o espaço destinado aos gatos no canil. Quando estavam conhecendo os animais, um felino na cor mel chamou a atenção de Mayara. “Ela não teve nenhuma dúvida, era o Filo. Ele tem uma marca de nascença no nariz. Assim que chamamos, ele veio, pulou em nosso colo e começou a fazer festa. Era ele mesmo, nem acreditávamos! Foi emocionante. Não esperávamos mais encontrá-lo”, disse Jéssica.

A situação de Filo era complicada quando foi resgatado por uma equipe da Divisão de Saúde Ambiental e Proteção à Vida Animal. Ele estava debilitado, com caqueixa (perda de massa corporal, sobretudo massa muscular) e altamente desidratado, com quadro característico para eutanásia. O comprometimento, carinho e doação dos profissionais fez toda a diferença neste caso. “Não medimos esforços para recuperar o Filo. Fiquei de plantão no feriado para cuidar dele. Ele se recuperou bem em observação antes de ser colocado para doação”, declarou a veterinário, Maira Freitas. 

A veterinária ressaltou que todos os animais que chegam nesse estado ao canil são atendidos com essa dedicação visando a recuperação. “Todos trabalham de forma muito comprometida. Estou muito feliz por tudo ter dado certo. Isso nos motiva a seguirmos trabalhando a cada dia”.

Com Filo de volta, Jéssica e Mayara mudaram da casa para um apartamento. Agora as duas não desgrudam do gato, que passou a ser ainda mais fundamental em suas vidas após o final feliz dessa história. “Quero agradecer todos os profissionais que trabalham no canil. Eles são sensacionais e o atendimento foi muito bom. O Filo está de volta e agora é só curtir”, afirmou Jéssica.

Blog – O Blog Adoção Animal PG está no ar (www.adocaoanimalpg.blogspot.com.br) e conta com fotos de cães e gatos que se encontram no canil municipal. A moderna ferramenta da internet, criada pela Prefeitura de Praia Grande, busca incentivar e agilizar a adoção desses bichinhos. Atualmente, mais de 100 animais estão disponíveis no local aguardando por um novo dono. Todos eles foram apreendidos, resgatados por maus tratos, abandono ou por terem sido atropelados.

Administração ∴

Seu comentário é importante!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: