Mataram o Wagninho que era o responsável pelo tráfico internacional de drogas do PCC na Baixada Santista

SÃO PAULO – O principal nome do Primeiro Comando da Capital (PCC) na região foi assassinado com tiros de fuzil na noite desta quarta-feira (21), na capital paulista. Wagner Ferreira da Silva, o Wagninho, de 32 anos, foi morto no bairro Jardim Anália Franco, em São Paulo.
Os responsáveis pelos disparos que mataram Wagninho estavam em uma Toyota L200 branca. Segundo testemunhas, a ação ocorreu no Centro Esportivo, Recreativo e Educativo do Trabalhador. Os criminosos agiram rápido e atiraram várias vezes contra a vítima, sem possibilidade nenhuma de defesa por parte dele.
Wagninho era o responsável pelo tráfico internacional de drogas da facção na Baixada Santista e homem de confiança de Rogério Jeremias de Simone, o Gegê do Mangue, que foi morto na última sexta-feira (16) em Aquiraz, na região metropolitana de Fortaleza, no Ceará.
O caso foi registrado em uma delegacia da capital paulista e a polícia tenta chegar aos autores do crime. Na linha de investigação está um possível racha no PCC após a morte de Gegê do Mangue.

 

Fonte:Santaportal

Fonte: R7

Câmeras de segurança captaram a execução de Waguininho na entrada do Hotel Blue Tree Towers, no Jardim Anália Franco. Após ser abordado na rua, ele correu para e entrada do hotel e caiu ao lado de um Toyota Corolla. Deitado, ele é atingido por tiros de fuzil.

Duas mulheres que saíam do Corolla, hóspedes do local, também foram baleadas, uma no pé e outra na mão.

Até o final da tarde desta sexta-feira (23), nenhum dos executores do crime havia sido preso.

Seu comentário é importante!