Campanha educativa visa reduzir acidentes com motociclistas em Praia Grande

Transito

Trabalho conta com três etapas; na primeira fase foram realizadas blitze educativas

5/9/2017 | Jaqueline de Marco, MTB: 52.981

Setembro é tradicionalmente marcado em todo País por ações voltadas à segurança no trânsito e atividades educativas na área devido à Semana Nacional de Trânsito (celebrada de 18 a 25 de setembro) e Praia Grande não podia estar fora dessa. Por isso, com o intuito de reduzir as mortes de condutores de motocicletas, a Prefeitura iniciou neste mês campanha de conscientização com estes condutores. A atividade tem três etapas e na primeira fase estão sendo realizadas blitze educativas em diversos pontos onde estatisticamente ocorrem os maiores números de incidentes. Os trabalhos foram realizados nos Bairros Xixová, Canto do Forte, Boqueirão, Ocian e a última ação foi desenvolvida no Bairro Mirim na terça-feira (5).

Durante a ação, os agentes de trânsito orientaram aproximadamente 1.500 motociclistas sobre a importância do respeito às normas viárias, realizaram uma pequena pesquisa (com informações como uso profissional do veículo, possíveis acidentes passados e alguns dados pessoais do condutor) e distribuíram cartilhas informativas e colantes refletivos para capacetes.

As abordagens educativas foram iniciadas na noite sábado (2), na saída do Litoral Plaza Shopping e na Avenida Marechal Mallet, Bairro Canto do Forte, local com grande concentração de bares e restaurantes. Os mesmos trechos voltaram a receber a atividade na tarde de sábado (3). E na terça-feira (5), ao longo do dia, os trabalhos aconteceram na Avenida Presidente Costa e Silva, Bairro Boqueirão; Avenida Presidente Kennedy, Bairro Ocian; e no Bairro Mirim na Rua José Borges Neto e Avenida Astério Genário.

O secretário de Trânsito de Praia Grande, Marcelo Afonso Prado, explicou que atividades educativas como estas são essenciais para a redução no número de acidentes envolvendo motociclistas, em especial nos casos que resultam em óbitos. “Pelo menos 90% dos casos de ocorrências viárias são causadas por falha humana, direta ou indiretamente. Por isso, é tão importante mostrar aos motociclistas o seu papel na segurança viária deles, dos demais condutores que cruzam seu caminho e dos pedestres”.

A coordenadora do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, Silvia Lisboa, explicou que o setor tem acompanhado de perto estatísticas de acidentes e que é notória a necessidade de uma abordagem mais estruturada junto aos motociclistas. “Desenvolvemos e apoiamos uma série de ações educativas voltadas para este público. A evolução do trabalho é unir educação à fiscalização, construindo um caminho para a redução efetiva dos índices”.

Motociclistas que participaram das blitze educativas disseram ter aprovado a ação. O vendedor Leandro Sanches Barca, 33 anos, explicou o quão importante campanhas educativas são para o dia a dia no trânsito. “Eu ando de motocicleta há 14 anos e já vi muita imprudência de condutores por aí. É essencial que as pessoas percebam que a negligência pode resultar em mortes”.

O motoboy Emerson Guimarães, de 21 anos, trabalha com o veículo e acredita que a educação é o melhor caminho para um trânsito mais seguro. “Todo mundo tem que entender o seu papel enquanto dirige e que todos temos que respeitar as regras, seja em uma moto, ou seja pedestre, por exemplo”.

E não somente munícipes foram orientados durante a blitze educativa. O morador de Itanhaém Eduardo Rodrigues Pereira Oraboni, de 27 anos, é vendedor e durante sua passagem pela Cidade recebeu as orientações dos agentes. “Essa ação é importantíssima. Estão de parabéns. Trabalho por diversos municípios e vejo que a imprudência dos motoristas acontece em todos os lugares. Para mim, a educação é o início desta mudança de comportamento”.

Próximas etapas – Além das abordagens educativas, as próximas etapas da campanha incluem ainda revisões e troca de óleo gratuitas nos dias 21 e 22 de setembro, além de ações de fiscalização, em parceria com a Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar, em diversos pontos da Cidade, previstas para acontecer entre o final do mês e a primeira quinzena de outubro.

Além das abordagens educativas, as próximas etapas da campanha incluem ainda revisões e troca de óleo gratuitas nos dias 21 e 22 de setembro, além de ações de fiscalização, em parceria com a Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar, em diversos pontos da Cidade, previstas para acontecer entre o final do mês e a primeira quinzena de outubro.

Redução de acidentes – As ações que estão sendo realizadas na Cidade ao longo dos últimos anos têm mostrado resultados positivos. Somente em comparação ao primeiro semestre de 2016, este ano a Cidade apresentou queda de aproximadamente 10% no número de acidentes de trânsito passando de 1.024 de janeiro a junho em 2016, para 927 ocorrências este ano no mesmo período.

Acidentes envolvendo motocislistas representam importante parte nestes levantamentos, divulgados pelo Infosiga-SP. De janeiro a junho de 2017, em Praia Grande, foram registrados 282 acidentes envolvendo motos (no mesmo período no ano anterior foram 329).

O secretário Marcelo Prado explicou que os números positivos são resultados de ações organizados desenvolvidos pela Administração Municipal que focam em engenharia de tráfego, educação de Trânsito e fiscalização. “Assim reduzimos não somente os acidentes, mas também as mortes relacionadas ao trânsito em nossa Cidade”.

Fonte PMPG

Deixe uma resposta