Festival Antonio Manzione acontece na próxima sexta-feira (25)

Foto: FELIPE FRANÇA
Foto: FELIPE FRANÇA

“Dando Cordas” promete variedade de repertórios e diferentes instrumentos
21/11/2016 | Lorena Flosi , MTB: 40.295

Na próxima sexta-feira (25), às 19 horas, o Teatro Municipal Serafim Gonzalez recebe a oitava edição do Festival Antônio Manzione, intitulada de Dando Cordas. Ótima pedida para quem aprecia música de cordas, o festival reúne diversos grupos de cordas da Cidade e região, em uma apresentação eclética, permeando diversos estilos musicais. A entrada é gratuita, e os ingressos devem ser retirados com uma hora de antecedência. O Teatro Serafim Gonzalez é parte do complexo cultural Palácio das Artes, e fica na Av. Pres. Costa e Silva, nº 1600. Informações pelo 3496-5715.

Inserido no Calendário Oficial de Eventos do Município em 2015, o Festival Antonio Manzione já é um evento aguardado pelos amantes do estilo musical. Este ano, contará com a participação dos grupos Camerata de Violões de Praia Grande, com participação do Porto das Artes, Chorões do Palácio e Grupos de Violões Tabajara da Cruz , todos de Praia Grande. Como convidados, participam Cordas Bancárias de Violões e Camerata Manzione de Violões. São convidados especiais a Orquestra de Violões de Mongaguá, Dupla de Violas João Victor e Marcos Vinícius e Grupo de Cavaquinho de Agenor de Campos.

“Neste ano, a proposta é de um Festival democrático e de grande qualidade cujo título brinca com a variedade de instrumentos: Dando corda”s”, ressalta o diretor do departamento de gestão cultural da Sectur, Renato Paes. “A proposta consiste em reunir diversos instrumentos de cordas, além do violão, como viola caipira, cavaquinho, banjo, bandolim e guitarra”.

Antonio Manzione – O maestro Antonio Manzione é formado com distinção pelo Conservatório Dramático e Musical de São Paulo em 1961 na classe do grande mestre Isaías Sávio, pai do violão brasileiro. Em 1962, tornou-se Assistente da Cátedra. Entre os principais prêmios obtidos por ele estão: Destaque no Seminário Internacional, em Porto Alegre, em 1969; Medalha Villa-Lobos no 25º ano da morte do grande maestro no Seminário Internacional; “Poeta das Cordas” pela União Brasileira de Trovadores (UBT); Título de “Imortal” pela UBE (União Brasileira de Escritores na Assembléia Legislativa de São Paulo).

Promoveu o I Seminário Santista de Violão em 1972, conseguindo o número recorde de 712 inscritos e realizou uma apresentação com 1001 alunos, documentada pelo programa Fantástico, da Rede Globo de Televisão (1984).

Serviço:

Dia 25 – 8º Festival Antonio Manzione – Dando Cordas
Música
19 horas – Gratuito
Retirada de ingressos com uma hora de antecedência
Teatro Serafim Gonzalez – Palácio das Artes
Av. Pres. Costa e Silva, nº 1600 – Boqueirão
Informações – 3496-5715

Deixe uma resposta