Estudantes passam por avaliação médica realizada pelo Exército

44102
9/6/2016 | Daniel Elias, MTB: 59.233

Alunos do 4º ano das escolas municipais Roberto Mário Santini e Mahatma Gandhi tiveram uma experiência diferente durante visita ao Departamento de Educação Ambiental (DEA). Nesta quinta-feira (9), além de conhecer o projeto Vem Passarinhar, o grupo passou por atendimento médico, dentário e oftalmológico realizado pelo Exército Brasileiro. As ações ocorrem até sexta-feira (10), nos períodos da manhã e da tarde, e têm previsão de atender cerca de 250 estudantes.

A parceria acontece graças à Ação Cívico Social (Aciso) desenvolvida pelo Exército Brasileiro. Durante a iniciativa, soldados do 2º Batalhão de Infantaria Leve (2º BIL, de São Vicente), do 2º Grupo de Artilharia Antiaérea (2º GAAAE, de Praia Grande) e da 1ª Brigada de Artilharia Antiaérea (1ª Bda AAAe, de Guarujá) realizam a análise clínica dos estudantes.

Fazem parte do corpo clínico do exército presente no DEA, dois dentistas, dois médicos (pediatria e clínica geral), um enfermeiro e três auxiliares. O grupo atende os alunos numa espécie de circuito que avalia a saúde básica dos estudantes. Sendo assim, os pequenos realizam teste de visão, têm o Índice de Massa Corporal (IMC) medido, aferem a pressão arterial e passam por uma consulta odontológica.

Aluno da EM Roberto Mário Santini, Enzo Gabriel Ferreira Amarante Carvalho, 9 anos, estava entre o grupo de crianças atendidas pelo exército na manhã desta quinta-feira. O pequeno aprovou a novidade. “É bom, porque assim a gente vê como está a nossa saúde, se os nossos dentes estão em boas condições e se enxergamos bem”.

Além de cuidar da saúde dos alunos, a iniciativa visa também a promover a interação entre o Exército Brasileiro e a sociedade civil, por meio do lema desta força armada “Braço Forte e Mão Amiga”. O grupo, que atua nas cidades da Baixada Santista e Vale do Ribeira, realiza a avaliação clínica dos estudantes sempre que convidados pelos governos, municipal e estadual.
Colega de turma do pequeno Enzo Carvalho, a estudante Anna Luiza Ramos de Lima, 9 anos, teve, graças ao Aciso, a experiência de passar pela primeira vez em consulta com médico oftalmologista. “Achei diferente fazer o exame de visão, mas não é muito difícil. Até consegui enxergar bem as letrinhas”, disse.

Para o professor do Departamento de Educação Ambiental Douglas Fabiano Colaneri de Carvalho, a iniciativa do Exército dá a oportunidade a alguns dos estudantes de um primeiro contato com determinadas especialidades médicas, como foi o caso da aluna Anna Luiza. “Inclusive já tivemos alguns casos em que as crianças voltaram com uma indicação de usar óculos ou fazer um tratamento bucal que, até então, os pais desconheciam desta necessidade”.

Endereço – O Departamento de Educação Ambiental fica na Área de Lazer Ézio Dall’Acqua, o Portinho, localizado na entrada da Cidade.

Seu comentário é importante!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.