Outros acontecimentos no dia 16 de Outubro:

Dia Mundial da Alimentação – No Brasil, o governo, por meio do programa Comunidade Solidária, em apoio às comemorações do Dia Mundial da Alimentação, elegeu a colheita urbana como um subtema da campanha que deverá orientar as ações voltadas para a redução de desperdícios, com ênfase na distribuição de sobras alimentícias, e implantação de hortas comunitárias. Organizações Não-Governamentais sensibilizadas pela temática também estão desenvolvendo várias atividades, tais como seminários, conferências e gincanas. Esperamos poder visualizarmos um Brasil mais justo, com um Natal sem Fome!

O papa que não é italiano
Em 16 de outubro de 1978 o polonês Karol Wojtyla é eleito sucessor do papa João Paulo I, empossado em agosto e falecido em setembro do mesmo ano. Sua eleição foi marcada por dois fatos incomuns na história do papado: ele era um pastor e não um membro da hierarquia do Vaticano e principalmente, não era italiano.

1793 – Revolução francesa: morre na guilhotina a rainha Maria Antonieta.

1812 – Os habitantes de Moscou colocam fogo na cidade, em ato de desespero para vencer as tropas de Napoleão Bonaparte.

1846 – O médico William Thomas Morton utiliza pela primeira vez o éter como anestésico, começando a partir de então a realizar cirurgias sem dor aos pacientes.

1902 – Começa a guerra civil na Venezuela.

1910 – Primeira travessia do canal da Mancha em um dirigível.

1914 – Os alemães usam o lança-chamas pela primeira vez na batalha de Iser.

1916 – A primeira clínica de controle de natalidade é aberta pela médica Margaret Sanger, em Nova York, nos Estados Unidos.

1934 – Liderados por Mao Tse-tung, revolucionários comunistas chineses fogem das tropas nacionalistas de Chiang Kaishek por mais de 9,6 mil km até se estabelecerem no norte da China. O episódio ficou conhecido como a “grande marcha”.

1959 – Morre George C. Marshall, militar norte-americano, autor do plano que leva seu nome para a reconstrução econômica da Europa.

1964 – A China explode sua primeira bomba atômica, na Ásia Central, preocupando os Estados Unidos e a União Soviética.

1971 – Um violento terremoto na zona sul do Perú causa a morte de 400 pessoas e deixa mais de 600 feridos.

1975 – Maria Estela Martinez de Perón assume a presidência da Argentina.

1978 – O cardeal de Cracóvia (Polônia), Karol Wojtyla, é eleito o 264º papa da Igreja Católica após a morte de João Paulo 1º. Em homenagem ao seu antecessor, adota o nome de João Paulo 2º. Wojtyla é o primeiro papa não-italiano eleito em 456 anos.

1984 – O bispo anglicano da Africa do Sul Desmond Tutu, obtém o Prêmio Nobel da Paz pela luta contra a segregação racial.

1992 – Rigoberta Menchú, líder indígena da Guatemala recebe o Prêmio Nobel da Paz.

1992 – Entra em vigor o decreto que institui a criação do horário de verão, que se iniciaria no dia 25 de outubro de 1992.

1994 – A Finlândia define sua entrada na União Européia com 57% dos votos em um plebiscito.

1996 – No estádio de Guatemalan, na Guatemala, 78 pessoas morrem esmagadas quando um grupo de torcedores sem ingresso invadiu o local para ver uma eliminatória da Copa de 1998.

1998 – O Nobel da Paz é dividido entre dois líderes da Irlanda do Norte: o católico John Hume e o protestante David Trimble.

1998 – Augusto Pinochet é detido em Londres devido a petição do juiz espanhol Baltasar Garzón, que o acusa de assassinato de espanhóis entre onze de setembro de 1973 e 31 de dezembro de 1983.

Deixe uma resposta