Acontecimentos para o dia 10 de Outubro:

Dia do Combate à Violência Contra a Mulher – Data nacional ” É preciso sinalizar para a sociedade que a violência doméstica é inaceitável, mas não se pode apenas reforçar as providências punitivas. É preciso entender que a cidadania não pode acabar na porta de casa ” A violência doméstica é a violência perpetrada contra a mulher no seio da família, por um membro desta. Esse tipo de violência é hoje preocupação de políticas públicas não só no Brasil, mas em várias partes do mundo, sendo definido como também um problemas de saúde pública devido aos danos físicos e psíquicos que provocam na mulher.

Dia Mundial do Lions Clube – Assim como a Associação Rotary, o Lions Clube dedica-se a aumentar a compreensão entre as pessoas, visando fazer aparecer seus mais amplos sentimentos de fraternidade e igualdade.

Dia do Empresário Brasileiro – Esses trabalhadores são verdadeiros heróis, aqui nessa terra de impostos que beiram a infinidade, eles ainda conseguem gerar riquezas e empregos. Parabéns e não desistam!

Santos campeão mundial
No dia 10 de outubro de 1962, o Santos Futebol Clube venceu o Benfica por 5 a 2 na Vila Belmiro e foi a primeira equipe brasileira a ganhar o título mundial interclubes. Durante aquele período o Santos conquistou todos os títulos possíveis que disputou, sendo considerado um dos maiores times da história.

1856 – Morre Vicente López Planes, poeta e militar argentino, autor da letra do hino nacional da Argentina.

1868 – Com 150 homens e 200 escravos de sua propriedade, o patriota Carlos Manuel de Céspedes proclama a indepdendência de Cuba.

1871 – A chuva termina com o incêndio iniciado dois dias antes e que destruiu Chicago. Na época, ela era a quarta maior cidade dos Estados Unidos.

1886 – O smoking é pela primeira vez usado em Nova Iorque, no Tuxedo Park Country Club.

1897 – O químico alemão Felix Hoffman sintetiza o ácido salicílico, antecessor da aspirina, que viria a ser o mais consumido remédio do mundo.

1911 – Sun Yat-Sen, líder chinês nacionalista proclama a República da China e começa a revolução que derrubaria a dinastia Manchu.

1913 – Com a explosão de oito toneladas de dinamite e o encontro das águas dos oceanos Pacífico e Atlântico, o Canal do Panamá é aberto após dez anos de obras. Com 80 km de extensão, o canal pertencia aos EUA e foi devolvido ao Panamá em dezembro de 1999.

1913 – Revolução no México: o general Victoriano Huerta dissolve a Câmara e prende a maioria dos deputados.

1914 – Bolívia decreta o 12 de outubro feriado nacional.

1917 – Peru decreta o 12 de outubro feriado nacional.

1930 – Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai firman tratado no Rio de Janeiro, em que não haverá agressões entre eles e outros estados.

1962 – O Santos ganha o Campeonato Mundial Interclubes, derrotando o Benfica por 5 x 2, na Vila Belmiro.

1963 – Estados Unidos, União Soviética e Reino Unido assinam um tratado proibindo testes atômicos na atmosfera.

1970 – As ilhas Fiji tornam-se independentes da Inglaterra depois de quase um século de protetorado.

1975 – Os atores Richard Burton e Elizabeth Taylor se casam pela segunda vez. Era a sexta união da atriz americana.

1980 – Centenas de pessoas morreram em terremoto que sacudiu a região argelina de Al Asnam.

1985 – Morre Orson Welles, cineasta norte-americano.

1986 – Dois terremotos em El Salvador causam a morte de pelo menos 900 pessoas e deixam dez mil feridos. Outras 200 mil pessoas tiveram problemas materiais.

1997 – A Campanha Internacional para o Banimento das Minas Terrestres ganha o Prêmio Nobel da Paz. Liderado pela americana Jody Williams, o grupo teve apoio da Princesa Diana.

1998 – O ex-policial militar Otávio Lourenço Gambra, o ¿Rambo¿ é condenado a 65 anos de prisão por assassinato e abuso de poder. Os crimes aconteceram na Favela Naval, em 1997, e foram filmados por um cinegrafista amador.

1999 – Morre o escritor australiano Morris West. Autor de livros como “O Advogado do Diabo”, “As Sandálias do Pescador” e “O Embaixador”, West foi jornalista e deixou uma obra inacabada, “A Última Confissão”.

2000 – O russo Zhores Alferov e os norte-americanos Herbert Kroemer e Jack Clair Kilby dividem o Prêmio Nobel de Física pela invenção do chip na década de 70

Deixe uma resposta